Assista Agora

Os Cavaleiros do Zodíaco - Bravos Soldados | Hands-On

Mais honesto e bonito que A Batalha do Santuário

Thiago Romariz
14 de Agosto de 2013

cavaleiros-zodiaco

Ter Cavaleiros do Zodíaco no título é garantia de venda para, no mínimo, a legião de fãs do anime. Com A Batalha do Santuário ficou comprovado que pouco importava a qualidade, reviver alguns anos de alegria do passado valiam o investimento. Em Bravos Soldados a história parece ser diferente. Focado no modo versus e com uma sensível melhora gráfica. o jogo causa deleite imediato aos fanáticos ao dispor quase 50 cavaleiros das sagas Atenas, Hades ou Poseidon.

Ao optar pelos combates mano a mano, a Namco Bandai dá valor às lutas mais emocionantes e concede maior acabamento aos personagens. Ainda que tenham o mesmo modelo, os cavaleiros têm armaduras bem detalhadas e definidas por um cel-shading mais fiel ao anime. Por outro lado, os cenários carecem de um cuidado gráfico, apesar da variedade oferecida. Defeitos como esse, no entanto, não tiram o prazer de controlar Seiya, Ikki, Shun, Hyoga, Shiryu e Cia.

A simplicidade dos comandos se mantém e permite ao mais inexperiente jogador alguma chance de vitória. Os combos e golpes de energia são simples e tão efetivos quanto um especial. A barra do cosmo é um dos componentes mais importantes da jogabilidade - a força dos movimentos e poderes dependem exclusivamente dela, que pode ser recuperada com o apertar de um gatilho.

Não há economia ou estratégia árdua para conseguir um "Meteoro de Pégasus" ou "Explosão Galáctica". Os movimentos são ágeis e leves o bastante para conseguir uma identificação direta com o desenho e fazer com que o jogador prefira a esquiva (tanta a lateral quanto a de teleporte) ao bloqueio tradicional. Isso se for realmente necessário, pois apertar freneticamente os botões também será tão efetivo quanto uma defesa.

O jogo é quase um pacote completo para fãs do anime. Quase pois falta a dublagem em português, algo que a Namco ainda tenta trazer ao país, mas não conseguiu desta vez - legendas e menus, contudo, serão 100% localizados. Dessa forma, sustentado pela variedade de sagas, personagens e uma breve evolução gráfica, Bravos Soldados segue firme na simples tarefa de se tornar o melhor jogo de Cavaleiros do Zodíaco produzido. O veredito poderá ser dado no dia 26 de novembro, quando o jogo chega exclusivamente ao PlayStation 3.

A abertura de Cavaleiros do Zodíaco está entre as mais clássicas de todos os tempos - veja nossa lista
Leia mais sobre Cavaleiros do Zodíaco: Bravos Soldados



Publicidade

Comentários (29)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

sem avatar Fernando (19/08/2013 09:37:34)   1 1
Por favor, é HYOGA com H e não YOGA.



leinaD leinaD (18/08/2013 13:05:19)   1 0
Esperando que não seja o "mais do mesmo" dos jogos anteriores.



Dirty Dirty (17/08/2013 20:41:34)   76 2
Vai ter muito cara de barba na cara comprando na loja e falando..."ah,isso aqui é pro meu filho."


Marcelo Henrique Marcelo Henrique (19/08/2013 18:30:23)   101 0
eu sou um deles. POR ATHENAAAAAAAAA

Evandro Evandro (10/10/2013 19:54:06)   0 0
POR ATHENA! o/


Pinto Pinto (16/08/2013 00:35:12)   212 0
Eu era fanático por Cavaleiros do Zodíaco, mas desencantei do desenho antes dele chegar ao final.

Acho que o maior erro, no Brasil, foi traduzir o anime como "Cavaleiros do Zodíaco", fazendo referência a um grupo.

Só fui descobrir que o nome era "Saint Seiya" já um pouco depois. Quem era fã do desenho mesmo (quando moleque) tinha seu personagem e você "era" aquele personagem rsrsrs.

Aí doía nos ovos tanto "Seiyaaaa", "Seiya e os outros" - esse era o pior - e "Seiya isso e aquilo". Talvez se fosse explícito de que o desenho era do SEIYA (sim eu tenho antipatia do Seiya :p - tomei antipatia até da voz do dublador do Seiya, que é um sujeito muito competente) desde o início, eu teria permanecido por mais tempo assistindo-o.

Mas eu também fui me enchendo daquelas lutas que duravam mil episódios e cheio de falácia. Ou talvez a Manchete enrolou tanto repetindo que eu acabei crescendo e perdendo o interesse.

Mas eu ainda devo voltar a assistir a série original, um dia.


sem avatar fernando augusto (16/08/2013 16:16:01)   0 0
concordo

sem avatar Cilon (18/08/2013 19:08:36)   5 0
Na verdade "Seiya" em japones significa bronze, então em uma tradução livre o nome do anime no original é "Cavaleiros de Bronze"

Quanto as outras reclamações... bem, é um anime, é sempre assim mesmo


Guiherme Guiherme (15/08/2013 18:31:26)   97 1
Sem a Saga de Asgard ... que triste ... Mas vou jogar mesmo assim!
E mesmo que digam "Mas era um filler" ... FOI o FILLER MAIS FODA que eu já vi em um anime!!!! Os inimigos eram cativantes, e nem eram necessariamnete "inimigos" (exceto Alberich que era mais sádico mesmo) Pois todos acreditavam estar lutando por algo "certo" ... as Batalhas eram FODA!!! Ikki e Shun vs Bado e SHido ... sem palavras ... Enfim ... vai fazer falta!!!



Mariana Mariana (15/08/2013 13:13:30)   3787 3
Podiam lançar um jogo nos moldes beat'em up do antecessor, só que com uma qualidade e acabamento melhores. Seria legal percorrer o santuário de Poseidon e ter um teste pra quebrar os pilares e tudo mais... Seria bem melhor que apenas jogo de luta.

Mas já tendo um jogo dos Cavaleiros já está valendo.



sem avatar Anndrey (15/08/2013 01:58:00)   196 0
Na época em que a rede Manchete me viciou nos Cavaleiros do Zodíaco, sempre fiquei imaginando um jogo que nem esse. Mas na época deu pra se contentar com esse aqui, he he he!

http://www.youtube.com/watch?v=LbqEBwH2yDM



sem avatar Renan (15/08/2013 00:30:33)   11 1
Por tudo o já foi mostrado, eu acredito que esse é sim o melhor jogo de Saint Seiya já produzido. Claro que não o melhor que PODERIA ser produzido já que faltou a dublagem em português e o cuidado gráfico nos cenários como mencionou o Thiago Romariz. Esperando ver o resto no lançamento. =)



Jefferson Jefferson (14/08/2013 22:40:35)   348 1
É,não tem jeito mesmo...MS,desculpe,mas vou ter que "virar a casaca"...

Troca-se um 360 seminovo por um PS3,alguém?

XD



sem avatar Eduardo (14/08/2013 21:43:27)   27 0
Uma dúvida: Não fará parte do jogo a saga de Asgard não? Se não, por quê?


Zé (14/08/2013 22:30:59)   2482 1
Talvez porque seja filler e o Kurumada é muito controlador dos direitos sobre os personagens que são dele, chegando até mesmo a embargar dubladores japoneses, por exemplo.

Então pode ser uma exigência dele só ter personagens criados por ele no jogo. Mas isso é só um palpite.

sem avatar Breno (14/08/2013 23:19:35)   7 1
A saga de Asgard foi feta só para o anime, portanto inexistente no mangá. Essa provavelmente é a razão.

sem avatar Eduardo (14/08/2013 23:32:11)   27 0
Ah, entendi. Não sabia que era uma saga filler! Sempre curti muito o anime de CDZ, mas nunca fui fã de verdade. Portanto, perdoem minha ignorância e obrigado pelas respostas, Zé e Breno.


Publicidade
sem avatar HCW (14/08/2013 20:54:13)   8 0
Muito bom, esse vale a pena o investimento! Pena que não sairá para o X360, se bem que já estamos acostumados com a superioridade da Sony sobre a Microsoft em questão de jogos... Pessoal, gostaria que vocês dessem uma olhada no meu canal de games por favor, tem bastante coisa legal.
Aqui está o link: http://www.youtube.com/user/HunterCelo
Se gostarem peço que se inscrevam pra nos dar uma força. Desde já agradeço e peço desculpas pelo incômodo. =)



Claudio do nascimento Claudio do nascimento (14/08/2013 20:03:27)   5 0
Chupaaaaa XBOXTA!!! uahuhahuahuahu


sem avatar Tiago (16/08/2013 16:51:52)   0 0
fanboyola detected


Gustavo Gustavo (14/08/2013 17:45:10)   -26 -1
Ainda sonho em ver os game de CdZ e DBZ com as dublagens originais em português.


sem avatar Augusto (14/08/2013 18:49:15)   -4 0
Com certeza!!Mas desenvolver animes no Brasil é difícil afinal os fãs preferem fazer download dos episódios legendados pelas ditas fan-subs ao ter que comprar a versão original.Causando com isso que o Brasil siga pouco valorizado quanto aos animes e jogos inspirados neles, mas temos que levar em conta que o ressente jogo da DC universe está fazendo muito sucesso Dublado mas temos q admitir que o mercado de HQs ainda é maior do que os de Mangás no Brasil.

Zé (14/08/2013 19:42:05)   2482 0
Já ajudaria se o público prestigiasse os canais web com animes legendados pelas vias oficiais, como por exemplo o Crunchyroll.

Sabendo que há fontes legítimas, reduz-se um pouco o interesse em piratear (esse pensamento é um dos fatores de sucesso do Netflix).

Então conheça e, se gostar, divulgue.



Omeletop : games

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.