Assista Agora

Crítica: Sempre ao seu Lado

Drama inspirado em história real faz chorar com lealdade entre um cachorro e seu dono

Marcelo Forlani
24 de Dezembro de 2009

Sempre ao seu Lado

Sempre ao seu Lado

Hachiko - A Dog's Story
EUA , 2009 - 93
Drama

Direção:
Lasse Hallström

Roteiro:
Stephen P. Lindsey

Elenco:
Richard Gere, Joan Allen, Cary-Hiroyuki Tagawa, Sarah Roemer, Jason Alexander, Erick Avari

Bom
Sempre ao seu Lado
Sempre ao seu Lado
Sempre ao seu Lado

Acredito que todo mundo que vai ao cinema deve ter ouvido a frase "o cachorro morre no final", quando alguém queria fazer uma gracinha sobre o filme Marley e Eu. Bom, sem querer fazer piada, mas pensando em preparar o espírito de quem está escolhendo o que assistir já adianto que Sempre ao seu Lado (Hachiko - A Dog's Story, 2009) também vai te fazer chorar. Muito! E não é porque o cachorro morre no final. É bem antes que as primeiras lágrimas vão começar a sorrateiramente se alojar nos cantos dos olhos, para depois correr em cascata. Mas o filme também vai te fazer sorrir e refletir sobre o nosso dia-a-dia e as relações que realmente interessam.

O longa é uma adaptação de uma história real, que aconteceu no Japão no início do século. Hachiko é o nome de um cachorro da raça akita que ficou famoso em todo o país depois que apareceu em reportagens de jornais que contavam sua história de lealdade ao seu dono, um professor da Universidade de Tóquio. Todos os dias Hachiko acompanhava seu amigo até a estação de trem e estava lá quando ele voltava para casa.

A história deste cachorro virou uma lenda no Japão e foi usada em escolas e casas para ensinar às crianças a importância lealdade entre amigos. Serviu também para despertar no país uma onda de criações de akitas, raça pura japonesa que estava cada vez menos popular. Há hoje na estação de Shibuya uma estátua de Hachiko, no lugar onde ele ficava esperando seu dono voltar.

Na versão estadunidense da história, Hachiko continua sendo um akita. Ele é achado quando ainda é um filhote em uma estação na periferia de Nova York pelo professor universitário Parker Wilson (Richard Gere), que o leva para casa. No início, sua esposa (Joan Allen) se recusa a adotar o novo morador, mas é tocada pela cativante relação entre os dois.

Um personagem que faz a ponte entre as duas versões explicando um pouco da mentalidade e crenças japonesas é o também é um professor universitário Ken (Cary-Hiroyuki Tagawa). Ele explica ao amigo que talvez não tenha sido ele quem achou Hachiko, mas sim que o cão o escolheu como seu dono. É ele também que explica que "hachi" é o numeral japonês para oito, um número especial, que simboliza a ligação entre os planos terrenos e espirituais.

A direção do sueco Lasse Hällstrom (Regras da Vida, Chocolate, O Vigarista do Ano) carrega no drama, incorporando elementos tipicamente ocidentais que certamente não estiveram na versão japonesa do filme, Hachiko Monogatari, sucesso de 1987. É o caso da brincadeira de pegar a bolinha, que Ken explica ser algo completamente sem sentido para Hachi. "Cachorros japoneses não pegam a bolinha apenas para agradar seu dono ou ganhar um biscoito", explica Ken em um prenúncio para uma das cenas mais emocionantes do filme. Nessa hora, pode deixar o jeito machão de lado e pegar aquele lenço de papel que estava no bolso desde Marley e Eu. Acredite, você vai precisar. E se ao acender das luzes vierem te perguntar alguma coisa, despiste dizendo que você é alérgico a cachorros.



Publicidade

Comentários (35)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

sem avatar David (08/12/2012 15:47:26)   2 2
O filme mais emocionante que eu já vi, chorei feito criança. 5 ovos, pra mim, seria o justo.



Quelita Quelita (16/04/2012 19:38:33)   1 2
Esse filme foi um dos melhores que eu ja assisti... A lealdade do cachorro é sem comparação, bem que os seres humanos podiam ser assim, talvez o mundo seria melhor, kkkk'
Mas o filme é Maaraavilhooosooo, eu ameii até chorei, rsrs


sem avatar Daisy (18/04/2012 21:31:18)   1 2
É isso mesmo Quelita.Os cães deveriam servir de exemplo para os seres humanos. O filme é baseado em uma história real e isso o torna tão especial.

Daisy

Patricia Patricia (21/04/2012 00:32:58)   0 2
E isso ai amiga esse filme e mesmo otimo ate eu chorei e bom ver ele varias vezes!Ele e um maximo!kkk bejim


sem avatar Osni (25/03/2012 18:33:27)   -1 -1
O filme é fraquinho. Não dá para afirmar que o cão voltava todos os dias ao local à espera do dono ou se era comportamento condicionado.
A única coisa que me fez refletir foi no momento em que o seu dono Parker Wilson estava prestes a ir ao trabalho e o cão recusa-se a acompanhá-lo numa quebra da rotina. O professor deveria ter se ligado que alguma coisa estava errada no pressentimento do animal.
Outra coisa: insensibilidade total da viúva que, para minha decepção, não se prontifica a cuidar do cachorro depois que seu esposo morre.
Mas, chorar não chorei não. O bicho foi muito bem cuidado e acarinhado durante o filme todo.


sem avatar fingrs (12/02/2013 17:32:00)   1 1
Osni, o filme nao e fraquinho! foi feito em evidencias reais... imagine um filme que fala de amor, sentimentos, fidelidade, companherismo e espiritualidade e entre um homen e seu cachorro! voce provavelmente nunca teve cachorro!e nao tenha! a primeira vez q assisti tambem como muitos q tem um coraçao(amor ao proximo) chorei ao perceber que os anos se passavam e ele ficava ali a espera do seu melhor amigo! e que ao morrer estava indo ao seu encontro! que lindo filme! o melhor premio para o diretor! o filme se tornar eterno!


Galo Galo (06/03/2012 21:55:54)   1381 2
Hoje passou esse filme na Sessão da Tarde. É a décima vez que eu o assisto e é a décima vez que tenho que disfarçar o choro. ;-)
Ótimo filme, ótima história.

5 ovos fácil.


sem avatar José (07/03/2012 11:48:00)   3 3
Também assisti a seção da tarde do dia 06/03/12, e chorei copiosamente aos soluços quando viúva o reencontra já velhinho no mesmo lugar onde ele sempre o esperava, após 10 anos do falecimento de seu marido.

Galo Galo (07/03/2012 13:52:58)   1381 2
Caramba, José! Essa parte e a que ele encontra o seu dono no final do filme, dando a entender que naquele momento ele morreu, quebraram minhas pernas.

Só de lembrar, meus olhos já ficam marejados. rsrsr...


sem avatar Pedro (22/12/2011 01:10:21)   3 -2
Lamentável essa crítica. Forlani está mais para amador do que para um crítico de cinema, aliás nem crítica isso é, ele não falou nada do filme, se contentou em narrar como estava a reação do público no cinema ao invés de falar da mensagem do filme, a direção, e etc, a forma como o filme foi conduzida, a maneira que conseguiram aproximar o espectador dos protagonistas e com isso conseguiram de forma genial dar um choque na platéia. Mas não... ele preferiu narrar créditos, ao citar a estátua que é comentada ao final do filme, E CONSEGUIU A PROEZA DE DAR 3 OVOS, e como o amigo falou, ele conseguiu dar 5 ovos pro lixo do iron man 2, colocou a nota do Distrito 9 la em baixo... triste... Se depender de críticas de cinema, os cinemas cult serão esvaziados, e os filmes como avatar serão sempre lotados, filme que se baseia em puro plágio. Alien + matrix + Origem.


Vitor Vitor (27/12/2011 16:02:51)   -1 -1
Avatar é de 2009 e Origem é de 2010, cara..

sem avatar steve (04/01/2012 20:26:07)   6 -1
concordo plenamente.


Diego Francisco Diego Francisco (02/12/2011 14:15:15)   901 1
Quase que eu choro, muito lindo esse filme.

Acho que é a melhor historia sobre a relação de homem e animal que já assisti.

4,5 ovos.



sem avatar Jacqueline (29/05/2011 00:36:32)   1 1
Simplesmente lindo!!!
Não me lembro de ter me emocionado tanto ao assistir um filme. A história é perfeita, nunca tive dúvidas da lealdade de um animal, vale a pena assistir, é mais do que um simples drama, é uma reflexão para se levar pra vida toda.



Katia Katia (15/02/2011 20:11:20)   -2 1
Sou chorona demais, mas acho que nunca havia me emocionado tanto vendo um filme...lindo!



sem avatar Josy (15/02/2011 15:16:32)   8 1
3 OVOS?
Decepcionante, hem?
Esse filme é simplesmente um dos mais lindos que já vi. Não conheço ninguem que nao tenha ficado deslumbrado com Gere num dos seus melhores momentos, e na direção direta e no ponto qdo focada ao cão.

Deslumbrante!



sem avatar Ronay (28/01/2011 08:51:25)   -1 -1
Cara Izabel, após alguns meses retornei aos comentários de "Hachi" e para minha grata surpresa vi o seu comentário. Obrigado por expor o seu ponto de vista e que vc tenha um 2011 repleto de amor, paz e saúde.



Publicidade
sem avatar patricia (16/01/2011 17:14:07)   1 1
o filme é simplesmente lindo!
assim como outras pessoas que viram o filme , eu e marido choramos ao assitir, pois a história de amor e lealdade é muito tocante. "super" recomendo. abraço a todos.



Léo Léo (13/01/2011 02:36:49)   8 1
Impossível não chorar com esse filme. Bela história. Recomendo!



sem avatar izabel (01/01/2011 14:08:58)   -1 -1
ronay, acredito que assim como os humanos os animais tb possuem alma,e quando fazemos a passagem, se for nosso merecimento vamos nos reunir aos nossos familiares e amigos que partiram antes de nós,nossos animais tb vivem neste lugar, a diferença é que eles sempre merecem estar lá,pois são almas desprovidas de maldade. Na cultura oriental eles acreditam nestas teorias,por isso creio que o dono de hachi,veio buscá-lo quando chegou a hora de sua morte.Deus nos presenteia quando merecemos,e todos os animais merecem,pois quando tratados com dignidade eles seguem o ensinamento:que é amar ao outro incondicionalmente,e isso hachi fez até o final de sua vida,por isso mereceu dormir,sonhar e partir em compahia do dono que escolheu, e amou na vida e após sua morte.Linda lição de vida essa história. Feliz Ano Novo a todos!



sem avatar Ronay (24/12/2010 14:30:36)   -1 0
Assisiti ao filme na estréia do telecine. Crio cachorros desde pequeno, atualmente tenho uma dálmata de 07 anos. simplesmente maravilhosa. Tentei não chorar, mas não consegui, tinha muito tempo que não me emocionava com um filme. Tenho uma dúvida e gostaria que me ajudassem, no final , quando Parker aparece, Hachi estava sonhando ou é o momento de sua morte? Feliz natal a todos.



sem avatar izabel (20/12/2010 21:07:25)   -1 0
Assisti ao filme ontem, estreou na rede telecine.Que filme lindo! O mundo está tão superficial, tão descartavel, e de onde tiramos lições para nossas vidas? Cada vez mais dos animais,sou apaixonada por todos eles,meu avõ, homem do campo,que viveu toda sua vida na roça,nos ensinou a respeitar os animais,por que são seres colocados no mundo para que os homens zelem por eles,são parte de nossa responsabilidade nesse mundo.Mas não é bem isso que temos assistido nos últimos tempos,o ser humano não tem respeitado nem a própia espécie, em filmes como este,que apenas retrata a história vivida por um cão e seu dono, história verídica,nos ensina o que é respeito, amizade,amor incondicional e fidelidade.Chorei muito,com saudade dos meus amigos animais e humanos que fiz e tenho feito ao longo da minha vida,daqueles que já foram para outro plano espiritual,mas que tenho certeza, os encontrarei quando for a vontade daquele que criou a todos nós.Atribuo a Deus,passagens na vida como essa linda lição.



Carlos Carlos (13/12/2010 09:53:48)   1824 0
Sempre Ao Seu Lado, sem dúvida, é muito superior ao Marley & Eu (que não deixa de ser um filme bacana)...

Não tem como não chorar assistindo a história do Hachiko!!

Uma pena o filme não ter conseguido uma divulgação decente e uma boa bilheteria, pois merecia sucesso...


Quelita Quelita (16/04/2012 19:35:41)   1 0
Sempre ao seu lado foi um filme perfeito... Podemos parar pra pensar que se os seres humanos fossem leais igual ao Hachiko, o mundo seria bem melhor... Não tenho nem palavras o filme é lindo, até xorei...kkkkk'


sem avatar Debora (07/12/2010 10:46:06)   0 0
“Sempre a seu lado” simplesmente me surpreendeu. Eu não conhecia história do Hachiko, e pra mim ele morreria no final...

Mesmo amando cães de paixão, eu sou meio receosa com relação a assistir filmes que fale de cachorro e se trate de drama, porque é choro na certa, e eu acabo ficando chateada.

A mensagem toda é maravilhosa, desde o início quando o Gere adota o filhotinho perdido, o relacionamento entre eles... Tudo lindo!
Só tendo um cachorro pra saber o quão grande é fidelidade deles, o amor, o carinho... Fiquei encantada com o Hachiko, ele é simplesmente maravilhoso!

Eu quis dar uma de durona, manter a pose... Maxilares doendo horrores (inclusive agora, falando sobre ele), tentando segurar o choro. Não teve como! Chorei mesmo.

Um dos filmes mais emocionantes que eu já vi! Merece todas as estrelas possíveis!

Quem não dá nada por ele na gôndola, pode ver que não vai arrepender, mas já aviso: nem precisa ser manteiga derretida como eu pra chorar um mar de lágrimas.



sem avatar Fernando (03/10/2010 16:29:21)   1 0
Mais uma vez os críticos do Omelete me decepcionam.

Apesar do filme ser um Remake da história original dos anos 80, eu simplesmente não entendo como vocês conseguem dar 5 ovos para Homem de Ferro 2, onde o enredo foge totalmente à história original e não possui nada além de efeitos especiais exagerados, 5 ovos para avatar, a história MENOS ORIGINAL DA HISTÓRIA, O MAIOR PLÁGIO CINEMATOGRÁFICO DE TODOS e dar uma nota 3 para Sempre ao seu lado e 2 Míseros Ovos para o Tão aclamado Distrito 9...
eu acho que a Crítica do Omelete poderia receber o nome (alcunha, ou coisa que o valha) Só-critica-o-que-é-bom.

Vocês são, sem sombra alguma de dúvida, os piores críticos de cinema da História.

Esse site é redigido por asnos.



João Mário João Mário (23/07/2010 08:15:14)   0 0
Cara! Eu vi o filme ontem, e ele quebrou minhas pernas. É que eu tinha pego ele com amigo há alguns dias e ainda não tinha assistido, não estava botando muita fé não, mas, depois de assistir... Eu posso dizer que nunca me emocionei tanto com um filme como ontem. Nota 1000 pra ele é pra fazer a gente refletir sobre muita coisa.



sem avatar NANDA (21/07/2010 11:56:27)   0 0
Achei o filme muito triste, e pior ainda em pensar q foi baseado numa historia real... amo cachorros, porem não gostei de ver por ser uma historia trágica... vi o filme ontem, até agora, nao paro de pensar no Hachiko.



Publicidade
sem avatar Penelope (22/04/2010 21:59:14)   0 0
Nossa... é simplesmente maravilhoso o filme. Chorei rios e rios e rios.
Já não tinha dúvidas da lealdade dos cãezinhos, do tanto que eles nos amam, na saúde e na doença, não interessa se vc é rico ou se está na merda, ele te ama incondicionalmente.

A mensagem é linda!
Um abraço!



sem avatar Itamar (15/04/2010 15:30:40)   1 1
Excelente filme, mostra como que os animais sào muitos mais sensiveis e amigaveis do que o ser humano, se nao consegue ter amigos leais, tem um cachorro, faz faz um bem a vc e a humanidade.



Laércio Laércio (06/04/2010 23:08:37)   0 1
Filme extraordinário, tocante. Me emocionei mais que Marley e Eu, é bem melhor, a mensagem é bem mais bacana. E o Richard Gere é muito mais ator que o Owen Wilson.



sem avatar valéria (06/04/2010 11:15:01)   0 0
Quando o filme foi lançado tinha outros que pareciam mais legais por isso ele não fez tanto sucesso na estréia mas é um otimo filme eu chorei muito..



Peter Peter (05/04/2010 11:38:11)   -20 0
Realmente muito superior à Marley e Eu.Um filme tocante sobre a lealdealde,recoemndado à todo grande público, não é preciso ter um cachorro para se identificar com a mensagem que o filme consegue com muita destreza passar!!



Eustácio Eustácio (23/03/2010 14:19:27)   19 0
Porquê este filme passou tão despercebido pelo grande público?Achei melhor que Marley e quase ninguém o viu ou fala dele....


sem avatar Bianca (18/09/2011 02:47:33)   0 0
Talvez pq aqui no Brasil mudaram drasticamente o nome do filme (Hachiko - A Dog's Story) garanto q se tivessem traduzido decentemente, chamaria mais o publico. Lembro mto bem do cartaz no cinema, q nao diz mto sobre o filme, achava que a historia era sobre o homem, nao sobre o cachorro, tipo os 2 sempre um ao lado do outro nas horas dificies... Pecaram feio em fazer essas mudanças loucas de titulo...

*assisti hoje, devido a inumeras recomendaçoes dos amigos, comecei chorando logo no inicio, qndo eles se encontram... creio q o sucesso do filme aqui está acontecendo no reverso.. rs



Omeletop : cinema

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.