Lembra desse? Filmes de adolescentes dos anos 80

Lembra desse? Filmes de adolescentes dos anos 80

Elektra Faber e Erico Borgo
15 de Março de 2001

Que fim levaram as comédias adolescentes dos anos 80&qt&

Quem está na casa dos vinte e muitos anos, com certeza, se lembra dos filmes adolescentes que foram uma verdadeira febre nos anos 80. Com enredo mais fraco do que peça de primário, figurino new wave brecholento (lembram da calça baggy&qt&... eca!), e trilhas sonoras glam (que hoje são verdadeiros clássicos), estes filmes foram responsáveis pelo lançamento de diversos astros.

Matt Dillon, Ralph Macchio (lembra do Daniel-San de Karate Kid&qt&), Patrick Swayze, Rob Lowe, Emilio Estevez e Tom Cruise foram lançados ao estrelato pelo filme Vidas sem rumo (The Outsiders, 1983) de Francis Ford Coppola. Tom Cruise, no mesmo ano ficou ainda mais famosos por Negócio Arriscado (Risky Bussiness), em que ele interpretou um garoto que promove a maior festa de sua vida com a ajuda de prostitutas. É desse filme a cena de Cruise dançando na sala vestido apenas de meias, cuecas e óculos escuros.

Alguns, não tiveram sorte com o sucesso. É o caso do ator Anthony Michael Hall, o carinha dos filmes Gatinhas e gatões (Sixteen Candles), Clube dos 5 (The Breakfast Club) e Mulher Nota 1000 (Weird Science), todos dirigidos por John Hughes em 1985.

Desiludido com Hollywood (que descartou o coitado tão logo ele engrossou a voz, livrou-se das espinhas e do aparelho horroroso), Anthony Michael Hall se envolveu com drogas. Aos vinte anos, com uma carreira que parecia promissora - segundo o falecido diretor Stanley Kubrick, era o jovem ator que tinha mais chance de se dar bem naquela época -, o garoto desandou completamente. Hoje, livre do vício, ele corre atrás do prejuízo e de bicos no cinema. Seu último papel notório foi o de namorado da atriz Wynona Rider em Edward Mãos-de-Tesoura.

Os filmes de adolescente eram o máximo. Lançavam tendências musicais, moda e por incrível que pareça, lotavam salas de cinema.

O sexo (claro) era o tema central. É o caso da série Porkys (lembra do Pee-Wee, traduzido aqui por Pequeno&qt&), Picardias Estudantis, O último americano virgem, A primeira noite de Jonathan e por aí vai...

A fórmula para se fazer um filme para adolescentes era a seguinte: Rapaziada sem nada pra fazer + férias ou festinhas de colégio + cabeças cheias de más intenções = Filmeco teenxploitation.

Seguindo essa fórmula básica, os estúdios lucravam muito e gastavam bem pouco, já que ao atores eram desconhecidos e a produção, precária. Um dos maiores clássicos do gênero, e seu precursor, foi o excelente Clube dos Cafajestes (National Lampoon´s Animal House, 1978). Além de a estréia de Kevin Bacon (Homem sem sombra) e Karen Allen (Mar em Fúria), o filme tinha como um dos melhores personagens John Bluto Blutarsky, interpretado pelo comediante do Saturday Night Live: John Belushi (que dois anos depois seria Jake Blues em Os Irmãos Cara-de-Pau). Pra variar, muito sexo, menores bebendo, festa da toga (Toga, toga, toga!!!)...

Mas nem só de sexo vive o adolescente, certo&qt& (ah é&qt& Do quê mais, então&qt&) Havia também os filmes mais cabecinhas que tratavam de relacionamento com os pais, drogas, e a descoberta do amor.

São exemplos deles: A lenda de Billie Jean, Ruas de fogo, Tuff Turf, o rebelde (esse é CLÁÁSSICO), Namorada de aluguel (quem não se lembra da dança do ritual do acasalamento do tamanduá africano&qt&), Sobre ontem à noite, e A garota de rosa shocking.

Esse último, produzido por John Hughes (o maior especialista no assunto), merece um parágrafo... eu me lembro que causou o maior rebuliço. Em primeiro lugar, tinha como trilha sonora In between days - clássico da banda britânica The Cure. Em segundo, a protagonista, (a ruivinha Molly Ringwald, que virou uma espécie de ícone dos teen movies na época) era uma garota mais responsável que os próprios pais e tinha que se virar para viver. Muito legal. Sem contar, os modelitos que ela inventava... costurava saia de tule em corpete de couro, jaqueta jeans cheia de fragmentos de espelhos... cabelo arrepiado... uma loucura, que só os anos 80 permitiam...

Também vale a pena lembrar de O primeiro ano do resto de nossas vidas (St. Elmo´s Fire, 1985) e Curtindo a vida adoidado (Ferris Buellers Day Off, 1986). O primeiro, dirigido por Joel Schumacher (8mm), tinha Emílio Estevez, Rob Lowe e Judd Nelson no elenco e lançou Demi Moore e Andie MacDowell ao estrelato. Já o segundo, obrigatório para qualquer cinéfilo de vinte e poucos anos, tinha no elenco Matthew Brodderick e Alan Ruck (o Stuart do seriado Spin City).

Curtindo a vida adoidado era a história de Ferris Bueller, o adolescente que todo adolescente gostaria de ser na época. Esperto e cheio de manhas para enganar os pais e professores, Bueller resolve tirar um dia inteiro de folga e simplesmente aproveitar a vida com o melhor amigo e a namorada. Memorável! (tiquiticáaaa...)

Depois de tantas lembranças, não se sinta culpado de ir até a locadora e alugar Férias do Barulho (Private Resort, 1985) pra ver a cara de bebê do Johnny Depp nos idos de 1980, ou querer baixar o MP3 de Tonight is what it means to be young, trilha sonora do Ruas de Fogo...



Publicidade

Comentários (0)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.


Omeletop : cinema

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.