12 Anos de Escravidão | Crítica

Poderoso terceiro filme de Steve McQueen arranca lágrimas em Toronto

Érico Borgo
20 de Fevereiro de 2014

12 Anos de Escravidão

12 Anos de Escravidão

12 Years a Slave
EUA , 2013 - 133 min.
Drama

Direção:
Steve McQueen

Roteiro:
John Ridley

Elenco:
Chiwetel Ejiofor, Benedict Cumberbatch, Brad Pitt, Michael Fassbender, Paul Dano, Quvenzhané Wallis, Sarah Paulson, Paul Giamatti, Garret Dillahunt, Michael K. Williams, Taran Killam, Alfre Woodard, Lupita Nyong'o

Excelente
12 Years a Slave
12 Years a Slave

A saída da sessão para a imprensa e indústria de 12 Anos de Escravidão (12 Years a Slave) no Festival de Toronto era como uma procissão de lamentos. Poucas pessoas conversavam e a maioria enxugava as lágrimas. Algumas seguiam chorando minutos após o fim do filme.

A cena acima já explicaria o suficiente o tamanho do impacto que o novo trabalho de Steve McQueen (HungerShame) tem no público. Baseado em uma história real, o filme acompanha um cavalheiro, nortista negro, livre e letrado, nos Estados Unidos de 1841, alguns anos antes da abolição oficial da escravatura. A trama segue o respeitado homem em seu cotidiano com a família, até que, enganado por uma oferta de trabalho, ele é aprisionado e levado ao sul escravagista, ilegalmente. Começam então os 12 anos de agruras do título.

O diretor reuniu um elenco fantástico, que inclui Benedict Cumberbatch, Paul Dano, Paul GiamattiBrad Pitt, mas é Chiwetel Ejiofor quem tem aqui o papel de uma vida. Ele vive Solomon Northup, o vitimizado autor da biografia que inspira o filme, com intensidade equilibrada. A maneira que ele encontrou para interpretar o homem que coloca de lado seu orgulho, de forma a seguir vivendo em direção à efêmera liberdade que lhe foi roubada, é comovente em todos os momentos - dos mais contidos aos de frágil explosão. Ele não é um herói, no entanto, tem um dentro de si.

Ainda que tenha participação pequena, a atriz estreante Lupita Nyong'o é igualmente responsável pelo sucesso do filme, já que sua personagem, Patsey, é a que mais sofre as agruras do fazendeiro destemperado vivido por Michael Fassbender (surtando, em sua terceira colaboração com McQueen).

McQueen, que é negro, filma com sensibilidade, evitando o choque como bandeira (este não é Django Livre), mas não se furta em mostrá-lo de frente quando necessário. Há uma poderosa cena com Lupita, Ejiofor e Fassbender, filmada em plano sequência, que justifica todo o cuidado em não banalizar a violência em 12 Years a Slave.

Ao final, o terceiro filme de McQueen não apenas é seu melhor até aqui, mas um dos melhores dramas já realizados sobre algo que, quase 200 anos depois, segue lamentavelmente tão atual.

12 Anos de Escravidão | Cinemas e horários



Vídeos relacionados

Publicidade

Comentários (86)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Gleybson Gleybson (16/10/2014 09:52:32)   113 0
O filme é simplesmente uma obra prima! 5 ovos merecidíssimos



Rafinha Rafinha (24/04/2014 03:29:45)   10 0
O filme é PESADO.

Ou melhor, emocionalmente, o filme É PESADO.

Mas UMA coisa não me saiu da cabeça até agora.

Duas meninas que estavam atrás de mim, no cinema, comentavam sobre as fotos do celular E FALAVAM AUTO que queriam dar a PERERECA pra aqueles rapazes da foto. Mas já já eu entro nesse assunto novamente (VEM NOVIDADES AÍ). Não esqueçam dessa palavra “PERERECA”.

O filme tem uma conexão maravilhosa, nada se perde no meio do caminho, TUDO TÁ CONECTADO, tudo foi bem montado, e mais, FORAM FATOS REAIS.

O filme colocou um ator, que não sei o motivo, juro, NÃO SEI MESMO, não ganhou O OSCAR 2014 DE MELHOR ATOR…Mas essa minha opinião é de quem ainda não assistiu o CLUBE DE COMPRAS DALLAS, de onde teve o ator que ganhou o prêmio, o ator Matthew McConaughey .

ENTENDENDO O FILME 12 ANOS DE ESCRAVIDÃO:

Imagine você ser um escravo e ter conseguido COMPRAR sua liberdade?

Imaginou?

Pois bem, você é “ixperto”.

Agora suponha o seguinte:

Você é ludibriado, enganado, seqüestrado E TE COLOCAM COMO ESCRAVO DE NOVO.

É justamente o que trata o filme.

A QUESTÃO DA FÉ:

É bem normal ver os escravos trabalhando e, durante o trabalho, cantar músicas de louvores a Deus. Assim como no interior do Brasil. Converse com alguém que veio da roça e pergunte se não é a mesma coisa…

Ainda sobre a questão de cantar louvores, o ator principal EM NENHUM MOMENTO CANTA LOUVORES ALGUM..Isso só vai acontecer, como se diz na gíria: QUANDO O BICHO PEGA.

Ainda sobre a questão da fé, textos retirados ARBITRÁRIAMENTE da Bíblia reforçam OS ATOS DE CRUELDADE, ou seja, pessoas que não entendem os textos Bíblicos, usavam a bíblia para fazer mal para todos aqueles escravos. Uma frase ficou bem marcante desse ator principal por causa disso:

“SEJA AQUI, OU SEJA EM OUTRO LUGAR,VOCÊS VÃO PAGAR POR ESSA TOTAL CRUELDADE QUE VOCÊS ESTÃO COMETENDO ”

ATRIZ COADJUVANTE:
Fica aqui minha opinião sobre a atriz Coadjuvante do filme que foi A VENCEDORA DO OSCAR 2014: Participação curta, simples, pequena, normal e até mesmo, nem víamos muito o aparecimento dela NA TELA…nada de mais, porém, o filme foi, em termos emocionais, tão pesado, que creio, os PODEROSOS DO OSCAR resolveram homenagear o filme indicando-a, e pela primeira vez,ela teve a sua premiação, vencendo até a Jennifer Lawrence, de TRAPAÇA.

E a PERERECA, hem?

Se lembram que pedi pra vocês lembrarem da palavra PERERECA?

Na boa, garotas que tão com fogo na PERERECA ficam olhando fotos? E no cinema?

Bom, voltando ao filme, pois essas garotas falaram coisas que já já conto pra vocês, vocês NEM VÃO ACREDITAR….

O ator É EMOÇÃO PURA.

É bem legal sentir esse ator atuando. Você sente dor por ele. Você se revolta por ele. Você torce por ele, você vibra por ele. Você luta por ele. Você DÁ O RABO por ele…

Ops…errei em algo aí?

Onde?

O ÚNICO PENSANTE dos escravos revoltados sobre o ocorrido, É ESSE ATOR.

E a palavrinha que mandei vocês guardarem?

Lembram?

Não? Não lembram????

Então vou seguir com o filme.

SE FUDERAM !!!!!!!

MELHORIAS DO CINEMA:

Está sendo bem legal notar que AS LEGENDAS estão sendo colocadas EM OUTROS LUGARES DO FILME, ou seja, e você for ler uma legenda com o fundo branco, torna-se impossível, né? então, agora, os cinemas estão RETIRANDO AS LEGENDAS DESSES LUGARES E COLOCANDO EM OUTRO LUGAR NA TELA, justamente pra que você possa ler melhor.

Bom, vou terminando por aqui, obrigado e….

Ah, esqueci…vocês tão lembrando da palavrinha , né???? Hum sei… PERERECA? É ISSO?

Pow, o filme teve 5 indicações e vocês querem saber da PERERECA?

Cara, que fogo era aquele daquelas meninas????

É sério, de onde vem tanto fogo????

Uma moça, que estava ao meu lado mandou as meninas CALAREM A BOCA…. Foi engraçado.

Então, fica a dica: Se for assistir um filme no cinema, GUARDE UM POUCO A PERERECA.



sem avatar Valmir (15/04/2014 09:31:21)   5 0
Achei bom. talvez a expectativa foi maior e isso fez ele só ser bom..

mais um filme com triste realidade..

e bom.. 3 ovos, 4 talvez?



Mel Gibson. Mel Gibson. (02/04/2014 22:40:33)   129 0
Esse Paul Dano estraga tudo quanto é filme que ele participa,pode ser o filme com a temática mundial mais séria que existe,tendo ele no elenco,o filme já vira piada,sempre apanhando e sempre com a mesma cara de retardado mental,tenho pena dos que vêem talento nesse cara...

OBS:Não estou dizendo que o filme é ruim,muito pelo contrário,é espetacular,assim como "Os Suspeitos",e "Sangue Negro",só acho um equívoco terem contratado esse cara.



Roberto Roberto (01/04/2014 15:11:35)   52 0
Assisti ontem.
Muito bom sim.
Um 4 ovos com louvor e merecimento.

Abrax.



sem avatar ARNO (17/03/2014 11:15:41)   -4 -1
Outro filme chato!



sem avatar Vagner (11/03/2014 12:12:01)   6 -1
E o Paul Dano levou mais uma surra. É só ele apanhar q o Oscar vem..kkkk



Daniel Daniel (05/03/2014 17:11:19)   56 0
Filme excelente. E aquela canção que eles cantam quando o "velhinho" morre?, muito boa! História muito comovente, e ainda por cima com excelentes atuações, Lupita mereceu o Oscar!

6 Ovos.



Faake Faake (28/02/2014 23:45:04)   183 1
Assisti ao filme e na minha opinião é mais um filme. Não que não seja bom, é muito bom, as atuações estão impecáveis, mas não acho que mereça todo esse alarde.
Talvez estão querendo fazer uma média com os negros, nada contra.
Dallas Buyers Club, na minha opinião, é muito melhor, e os atores sem comentários!



Nyna Nyna (28/02/2014 19:04:00)   -1 -1
Achei bom, mas não o melhor filme da vida



Publicidade
Igor Igor (27/02/2014 16:28:04)   -6 -2
Não achei o filme espetacular, afinal tudo o que ele mostra é o cotidiano de um escravo, e este é o mérito do filme. É apenas um bom filme, não fugindo do comum para um filme oscar.

Prefiro Clube de compras dallas, o qual injustamente levou 3 ovos.


sem avatar battletoad (28/02/2014 18:33:36)   -12 -1
Concordo plenamente.

Darkseid Darkseid (06/03/2014 19:23:22)   2460 -1
"É apenas um bom filme, não fugindo do comum para um filme oscar."

Pois é, esse é APENAS o filme que ganhou o Oscar de MELHOR FILME de 2013.

Igor Igor (10/03/2014 16:12:22)   -6 -1
Ganhou por ser um filme importante, afinal o tema merecia um reconhecimento. Mas com certeza não foi o melhor filme.


#Dani# #Dani# (23/02/2014 20:03:18)   3952 -1
Ótimo drama, faz tempo que não via um filme desse nível, excelentes atuações.



sem avatar battletoad (23/02/2014 14:18:04)   -12 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


Dente-Azul Dente-Azul (23/02/2014 02:41:05)   222 0
Péricles do Exaltasamba tá dirigindo filme é ? Kkkkkkkkkk.



Jéssica Jéssica (22/02/2014 13:04:09)   325 1
Filme maravilhoso. Elenco de primeira, enfim, o filme do ano.
Embora Chiwetel e Fassbender mereçam o Oscar, Matthew e Leo Di Caprio são ameaças(justificadas) pro primeiro e Leto ameaça pro segundo. Uma coisa é certa, a Lupita merece muito mais o Oscar de coadjuvante que a badaladinha e superestimada da J.Law.



sem avatar Rafael (22/02/2014 08:30:39)   110 4
Assisti ontem e, sinceramente, levei mais chicotadas que o Chiwetel Ejiofor e a Lupita Nyong'o.

Que filme pesado e sensível!

Ainda estou com o coração apertado um dia depois de ter assistido, o que só "A Lista de Schindler" tinha conseguido até hoje com seu tema sobre holocausto.

Steve McQueen está de parabéns por presentear a humanidade com esse filme, que pra mim superou - me desculpem, mas realmente vou dizer isso - "A Cor Púrpura" quando o assunto é escravidão.

Só não assisti "Her" e "The Wolf", mas minha torcida no Oscar será para este filme. E, Jennifer Lawrence, vc é uma princesa. Mas o Oscar tem que ir pra Lupita.


Rubens Rubens (23/02/2014 22:57:03)   48 -3
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


sem avatar Sérgio (22/02/2014 06:52:50)   4 -1
Prezados,

sugiro também o seguinte texto sobre o filme:

http://cinematographecinemafilmes.wordpress.com/2014/02/21/12-anos-de-escravidao-2013/

Abraço



Miss Scarlett Miss Scarlett (21/02/2014 12:08:37)   535 -2
Só faço ressalvas quanto ao personagem do Paulo Dano, história meio clichê e a atuação do cara muito over, afetada. A a mulher que só chorava tbm ficou devendo. No mais é um filmaço. Não vejo como um "filme sobre escravidão", mas sim "sobre um homem que foi feito escravo".

Eu concordo com o carinha aí que disse que essa produção merecia um texto mais elaborado, mas vc capturou a essência do filme, Borgo. Definitivamente nós vimos o mesmo filme. :)

Ps: não tenho nada a reclamar sobre a participação do Brad Pitt.



Miss Scarlett Miss Scarlett (21/02/2014 14:22:26)   535 -2
*Paul Dano

Marcos Marcos (24/02/2014 10:27:58)   160 -1
Mas vamos combinar que ninguém apanha como o Paul Dano (Os Suspeitos, Sangue Negro e esse 12 Anos de Escravidão)


sem avatar Victor (21/02/2014 11:47:55)   2 1
Borgo, na moral, um filme tão representativo e poderoso como esse merecia um texto mais elaborado e menos preguiçoso. Abs



sem avatar RedHead (21/02/2014 10:27:32)   2 -1
Vou assistir porque SHAME é demais.



Publicidade
Daniel Daniel (21/02/2014 02:52:40)   321 -2
Filme comum que segue a mesma fórmula de dezenas de lançamentos anuais que disputam uma vaga no Oscar desde sua criação... Outra, o filme tem várias deficiências, como vilãozinho que se vinga do protagonista por causa de ciúmes de um elogio do patrão tá mais batido que bife de pobre, a bronca na escrava que não parava de chorar por causa dos filhos parecia um ensaio da cena, de tão falso que ficou certos momentos e os atores do final do filme provavelmente fizeram um laboratório com o cigano Igor pelo grau da performance! Enfim, a saga de Kunta Kinte da série Raízes lava o chão com esse filme, até a Escrava Isaura!


Marcos Marcos (21/02/2014 08:12:24)   160 0
Com certeza não vimos o mesmo filme, Daniel.
12 Anos de Escravidão incomoda e angustia a partir do momento que o personagem principal perde a sua liberdade. Clichê seria se ele recuperasse essa liberdade a força.
Destaco uma cena em particular em que Chiwetel Ejiofor olha para camera (quebrando a quarta parede) como se implorasse, a nós espectadores, ajuda para o fim desse martírio.

Daniel Daniel (21/02/2014 10:15:54)   321 -1
Não vimos o mesmo filme mesmo, mas pelo visto o Roberto Sadovski assistiu o mesmo filme que eu:
http://robertosadovski.blogosfera.uol.com.br/2014/02/21/12-anos-de-escravidao-e-um-filme-burocratico-sobre-um-tema-importante/

Matheus Matheus (21/02/2014 11:39:17)   -21 -1
Daniel, concordo com você. Vi o filme, e fiquei o tempo todo esperando essa comoção toda que anunciavam... Não achei um filme ruim, nem mediano. Na minha opinião, é um bom filme, e só. Bastante burocrático e comum. Eu esperava MUITO mais. Só dou destaque para a genial fotografia do filme, e para a excelente atuação de Michael Fassbender. Fora isso, um filme que, ao meu ver, não nos trouxe nada de novo nem surpreendente. Achei meio absurdo darem 5 ovos para 12 Anos de Escravidão, e 3 ovos para Clube de Compras de Dallas, que é um filme BEM superior.

Marcos Marcos (24/02/2014 09:33:03)   160 -1
Já o Pablo Villaça assistiu o mesmo filme que eu:
http://www.cinemaemcena.com.br/plus/modulos/filme/ver.php?cdfilme=11715

sem avatar vanessa (05/03/2014 23:23:00)   -1 -1
McQueen não esconde a violência mais crua que resultava da escravidão e importante dizer: ela não é moderada, ou apenas assustadora para quem desconhece os fatos históricos.

Emanuel Emanuel (22/04/2014 14:22:13)   19 0
Também pensei quase a mesma coisa que o Daniel, mas no geral não deixa de ser um filme mediano e tem sua importância...

Mas se for comparado com Raízes, esse filme fica longe. Raízes talvez seja a obra que melhor tratou o tema de escravidão até hoje.



Roland Deschain Roland Deschain (21/02/2014 00:07:28)   47 -1
Uma PUTA história com um PUTA elenco. Esse é IMPERDÍVEL!!


Galo Galo (21/02/2014 08:38:07)   1280 -1
É por isso que esse filme está tendo vida fácil nos cinemas. ;-)


Mendonça Mendonça (20/02/2014 22:29:26)   7 -2
Depois que li uma crítica fazendo uma certa comparação com o filme centopéia humana, fiquei um pouco receoso de assistir esse filme...



sem avatar Flávio (20/02/2014 20:46:58)   56 0
Habemus a obra prima deste ano.





Away  de  Pequenópolis Away de Pequenópolis (20/02/2014 19:53:33)   -76 -1
excelente.elenco impecavel.5,6,7ovos!



Alisson Alisson (20/02/2014 18:37:57)   342 -1
Vai ganhar o Oscar, certeza

Filme excelente, muito bom

Meu favorito ainda é "O Lobo", curti demaais o filme, mas entendo os méritos deste e, sem dúvidas, tambem merece o Oscar

Bravo!



Denis Denis (20/02/2014 18:28:38)   1202 -1
Espetacular!



Ninja Ninja (20/02/2014 18:26:57)   3257 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Thais (20/02/2014 19:15:03)   -2 -2
Brad Pitt é produtor do filme, e o estúdio só concordou em lançar o filme se ele aparecesse nele!!!

Mel Gibson. Mel Gibson. (02/04/2014 22:26:15)   129 1
Vai tomar no teu cú @Thais,este é um site democrático.


sem avatar Kalydor (13/02/2014 19:56:45)   -1 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


João João (16/01/2014 12:49:51)   105 1
Assisti ontem, e posso afirmar que é uma verdadeira obra-prima!!! Pelo menos o Oscar de Melhor Filme ele já garantiu!!

Tô torcendo pelo Fassbender como coadjuvante, mas o Jared Leto tá muito bem esse ano também!!



Publicidade
G. brucew G. brucew (15/01/2014 22:22:17)   1991 -1
Realmente temos que viver em um mundo como esse?? Não há motivos, é incompreensível.



Glenda Glenda (12/09/2013 09:58:40)   93 -1
Sei que chorarei uma caixa d'água.

E mais uma vez, sinto cheiro de indicações ao Oscar.



Lívia Lívia (09/09/2013 13:16:42)   128 1
A primeira vez que vi Chiwetel Ejiofor foi de salto alto e peruca como Lola de "Kinky Boots"... Foi praticamente amor a primeira vista. "Filhos da Esperança" veio só para eu amá-lo mais ainda e até "2012" eu só vi por causa dele. Agora juntar Chiwetel, Steve McQueen e Fassbender... É COVARDIA!!!


Sandra Sandra (10/09/2013 18:55:53)   7 -1
E ainda tem Benedict Cumberbatch e Brad Pitt para serem a cereja do bolo!
Acho que em 2014 vão finalmente fazer justiça ao Fassbender e ao Steve McQueen,porque ignorar "Shame" , aquele filme fantástico foi um sacrilégio em 2012!


Jéssica Jéssica (09/09/2013 13:08:53)   325 0
Parece ser um daqueles filmes que ficam pra sempre na memória do espectador.
Adoro os filmes do Steve McQueen e acho o Michael Fassbender, maravilhoso!
Ansiosa pra ver esse filme!



Roger rabbit Roger rabbit (09/09/2013 01:27:34)   80 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


 Cristina Cristina (09/09/2013 00:38:47)   579 -1
Filmão encabeçado por excelente elenco e com o perfeito Fassbender, não tem como ignorar. Verei sem falta!



sem avatar Carolina (08/09/2013 21:48:42)   39 -1
esse diretor já me conquistou com os dois filmes anteriores.



Stuart Stuart (08/09/2013 18:35:40)   996 -1
Vão fazer as críticas de todos os filmes do Oscar logo agora? rsrs

Estamos numa epoca não ruim mas devagar de lançamentos,é uma tortura ler desse filme e saber q vai ter q esperar pra ver no cine



Beth Beth (08/09/2013 17:31:23)   3251 1
Mais um forte candidato ao Oscar!



sem avatar Dany (08/09/2013 16:39:16)   83 1
Em primeiro lugar, eu adoro as críticas do Borgo. Não esperava nada menos que 5 ovos.

Realmente esse filme está dando o que falar. Peguei algumas reviews gringas estão usando palavras como "Brilhante",ou "Obra-Prima" para descrevê-lo.

Estão o comparando ao filme A Lista de Schindler http://www.huffingtonpost.com/2013/09/06/12-years-a-slave-toronto_n_3883998.html

Eu sigo o Darren Aronofsky no twitter e ele também disse maravilhas do filme.

Não li uma única review que não seja 5 estrelas.

Acho bacana finalmente o BRAD PITT levar o Oscar de melhor filme como produtor.

Alguém sabe quando estreia no Brasil?


Juliana Juliana (09/09/2013 16:01:42)   74 1
parece que dia 27 de dezembro...parece


Publicidade
Rafael Rafael (08/09/2013 11:43:20)   92 -2
Eu não sei se já tinha lido algo sobre este filme, mas depois desta critica, e digo que critica hein, pode ter a certeza que vou ter que assistir. Que elenco é este, e este diretor já mostrou que é competente. Então tenho certeza que não será nenhuma surpresa se ele for um ótimo filme.



larissa larissa (08/09/2013 11:24:42)   292 0
tipo de filme que eu adoraria ver no cinema, mas serei obrigada a baixar.
vi o trailer esses dias e parece realmente bom.
eu vendo o trailer já deu um aperto no coração, entendo gente saindo chorando depois de ver o filme todo.


Stuart Stuart (08/09/2013 18:33:45)   996 0
Guarda uma graninha,vê no cinema,não perca a chance de compartilhar a emoção com os outros :)

larissa larissa (08/09/2013 20:01:22)   292 0
o problema é chegar aqui...o Cinemark Vitoria é ruim de jogo. (eterno ressentimento pelo primeiro Star Trek que ficou em cartaz só por uma semana)

minha esperança é que é um "Oscar Material", ai quando estiver perto da premiação,caso o filme esteja entre os indicados, eles devem passar.
acho a experiencia do cinema insubstituível, mesmo que vc vá ao cinema sozinho, não tem a mesma graça ver o filme em casa e no cinema :/

Stuart Stuart (08/09/2013 20:37:48)   996 -2
hmmmmm é sei como é,Cinemark é muito porca nas escolhas da programação.

Mas como vc disse,até ir sozinho no cinema é uma experiência mais marcante do q assistir em casa,ate qnd o filme é ruim parece melhor no cine rsrs

Vai estrear perto do Oscar,então acho q vão dar espaço,espere um pouquinho antes de decidir baixar.

Wander Wander (09/09/2013 17:19:17)   22 -2
larissa, se tivermos sorte, vamos torcer que o filme chegue no Cine Jardins. Porque no Cinemark, acho impossível. Uma pena.

larissa larissa (10/09/2013 00:41:59)   292 -2
Wander, bem pensei no cine jardins (o unico lugar que passou "antes da meia noite"), mas nunca fui lá.
eu vou no cinemark pq gosto e pq dá para ir a pé kkkkkk
só não volto naquela pocilga do cine araujo..
de nada adianta uma boa estrutura com um atendimento deplorável.(a proibição de pipoca dentro das salas é o menor dos problemas daquilo lá..na verdade eu detesto pipoca no cinema)

tem chance de ir para o da ufes tbm...
mas como eu disse, minha esperança é de passar junto com a leva dos indicados ao Oscar.

Wander Wander (10/09/2013 11:28:17)   22 -2
Mas em questão de imagem/som/estrutura, o Cinemark realmente é o melhor. Mas eu sempre evito, primeiramente porque está sempre cheio, e pq eu acho mt caro rs. Ainda mais, que não sou mais estudante.

Nunca fui no Cine Araujo, sequer já fui no shopping Mestre Álvaro. Mas ultimamente, tenho ido muito no Cinemagic do Shopping Norte Sul, porque estão com uma promoção muito legal (4 reais em dia de semana e 6 reais em fds O_O), durante todo o mês de setembro. É perto de casa e do meu trabalho, perfeito. Só tem que ter sorte de achar horários legais nas sessões legendadas, pois nãos ão muitas salas disponíveis. E o 3D deles também não deixa nada a desejar. E bônus: pode entrar com pipoca! haha.

Mas 12 Years Slave eu acho que vou ter que me contentar em baixar naquela qualidade DVDSCR, se quiser assistir antes da temporada de premiações. Tenso! =/


Carolina Carolina (08/09/2013 03:00:26)   27 -1
Fico muito feliz com um filme de temática tão rica, tão importante e como o Borgo disse, atual.
Sempre choro em filmes do tipo, não sou negra, mas boa parte da minha família é, fica óbvio que o apelo pessoal pra mim é muito grande, enfim, creio que deve ser uma obra excelente, o Steve arrasa sempre, tomara mesmo que leve vários prêmios e como sou louca pelo Fassy, to torcendo absurdos pra ele e ansiosa pra conferir o filme, ótima crítica, a propósito.



sem avatar Victória (08/09/2013 00:15:21)   201 -2
Parece que o Festival de Toronto está cheio de filmes bons, pena não poder ir. É ótimo saber que há filmes que abordem a escravidão com sensibilidade, sem glamurizar a violência, afinal sou negra e, infelizmente, posso afirmar a todos que quando Borgo fala que este drama é atual está certíssimo.

Ansiosa pela vinda deste filme, pena que deve ser apenas no ano que vem, como aconteceu com o To the Wonder, do Terrence Malick, que estreou não faz nem um mês aqui em Porto Alegre!!!



Luiz Eduardo Luiz Eduardo (07/09/2013 22:25:39)   -302 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


Juliana Juliana (07/09/2013 21:49:07)   74 1
Excelente!!!
Esse filme vai abocanhar vários Oscars,alguem duvida?
E como fã-nática do Fassbender...GO,FASSY,GO!! Rumo ao Oscar de Ator Coadjuvante!



sem avatar Edson (07/09/2013 20:00:34)   35 -2
Quero muito assistir este filme!



#Dani# #Dani# (07/09/2013 19:53:54)   3952 -1
Pra quem gosta da sétima arte, esse filme tem que ser visto, eu verei com certeza, adoro esses tipos de filmes.
Borgo, excelente nas críticas.



Thyago Roberto Thyago Roberto (07/09/2013 19:44:35)   729 0
Por quê eu não vou para Toronto ver esses filmes????

Ah, tá, lembro que tô sem grana! :/



Vitor Vitor (07/09/2013 19:38:36)   12 0
Depois de Hunger e Shame, esse filme se tornou uma obrigação pros amantes de cinema.
Excelente crítica.




Omeletop : cinema

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.