Elenco / Direção

(Ruim)

Comédia

  • Estreia: 7 de Dezembro de 2012
  • País / Ano de Produção: EUA / 2012
  • Duração: 87 minutos
Publicidade

Quatro Amigas e Um Casamento | Crítica

Mistura de Se Beber, Não Case! e Missão Madrinha de Casamento erra nas doses

04/10/2012 - 20:25 - Aline Diniz

É triste quando um filme não atinge suas expectativas. No caso de Quatro Amigas e Um Casamento (Bachelorette), a decepção acaba sendo um pouco mais intensa pelo fato de que nem o grande elenco consegue transformar o péssimo roteiro em algo assistível.

A trama acompanha quatro mulheres que se conhecem desde o colegial: Becky (Rebel Wilson), Regan (Kirsten Dunst), Katie (Isla Fisher) e Gena (Lizzy Caplan). Quando Becky, a gordinha excluída da turma, diz a Regan que vai se casar e quer que ela seja sua dama de honra, começam os problemas. Regan é o tipo de mulher certinha e exemplar que tem um bom trabalho, um belo corpo, gênio forte e opiniões incisivas. Então a geniosa moça fica enciumada quando descobre que a "cara de porco", apelido que as três deram à colega na escola, vai se casar antes dela - e com um sujeito muito mais bonito que Becky.

Não é por falta de tentativa do elenco que o filme não vai pra frente. A química entre todos é ótima e não deixa nada a desejar - com exceção de Dunst, que falha ao tentar improvisar ao lado de Caplan, Fisher e James Marsden, praticamente especialistas na técnica. Sua personagem, permanentemente sisuda durante toda a duração do filme, parece nervosa e inquieta em situações que deveriam ser engraçadas e leves.

No entanto, quando o texto que guia as atuações é instável, pesado e truncado, fica difícil até mesmo para o melhor dos atores cômicos arrancar sequer um sorriso da audiência. A comédia alterna abruptamente situações descompromissadas e temas pesados, que a todo momento quebram o ritmo da narrativa.

A trilha sonora também deixa a desejar. Ausente em pontos importantes da trama e em nenhum momento marcante, ela faz com que as cenas que deveriam ser acentuadas por uma música mais divertida fiquem sem sal e percam o fôlego. O que me leva à falsa propaganda gerada pelos trailers. Cheios de cortes rápidos e piadinhas engraçadas, tudo bem marcado por uma alta música envolvente, os vídeos que promoviam Bachelorette não têm uma cena sequer que não esteja presente no filme. Entretanto, o trabalho de montagem realizado no longa deixa tudo muito arrastado e cansativo, estendendo todas as piadas além do necessário.

Buscando fazer um filme voltado para o público feminino que segue a mesma linha dos últimos trabalhos de Todd Phillips, como a franquia Se Beber, Não Case! e Um Parto de Viagem, a diretora estreante Leslye Headland erra feio. Ao trazer atitudes sujas e predominantemente masculinas para protagonistas femininas, claramente se inspirando em Missão Madrinha de Casamento, a também roteirista se empolga e perde a mão, tornando Bachelorette uma grande salada de palavrões e atitudes erradas.

Quatro Amigas e Um Casamento | Trailer 1 | Trailer 2

Trailers em destaque

Publicidade
Publicidade

Comentários

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus
Publicidade
Publicidade
Publicidade