Across the Universe

Musical com canções dos Beatles mostra a história de amor entre Jude e Lucy

06/12/2007 - 17:00 - Marcelo Forlani
Algumas das melhores idéias são aquelas que eram óbvias, mas ninguém tinha pensado (ou realizado) antes. Por isso é tão difícil acreditar como ninguém tinha feito ainda um filme como Across the Universe (2007), que usa apenas, única e exclusivamente músicas dos Beatles para contar uma história de amor. Sorte a nossa que o projeto ficou nas talentosas mãos de Julie Taymor, premiada por seus trabalhos em Frida e na adaptação de O Rei Leão para a Broadway.

Por ter vivido os anos 60 como recém-adolescente e visto seus irmãos mais velhos passando pela juventude em meio à guerra do Vietnã, faculdade, drogas e o movimento hippie, ela consegue recriar fatos e momentos marcantes daquela movimentada década como pano de fundo para o relacionamento vivido por um rapaz de Liverpool chamado Jude (Jim Sturgess) e uma jovem estadunidense de nome Lucy (Evan Rachel Wood).

O inglês chega ao novo continente em uma busca pessoal de autoconhecimento e um pouco de aventura. Logo de cara, no campus da famosa Universidade de Princeton, conhece Max (Joe Anderson), irmão de Lucy. A amizade entre os dois rapazes é imediata, tal qual a cumplicidade entre John e Paul. Morando em Nova York, eles conhecem a cantora Sadie (Dana Fuchs), o músico Jo-Jo (Martin Luther McCoy) e Prudence (T.V. Carpio), fechando assim o grupo de personagens principais à trama. Como em um espetáculo musical, cada um tem ao menos um momento solo garantido, entoando uma canção do quarteto de Liverpool. Letras não são modificadas, mas melodias e o momento pelo qual os personagens passam podem dar novos entendimentos aos clássicos do Fab Four.

Assim como os discos gravados nos estúdios Abbey Road, cada uma das 33 músicas escolhidas se encaixam perfeitamente, e ajudam a contar a história e os dramas vividos pelos pesonagens. Porém, como as músicas são executadas da primeira à última nota, a duração de Across the Universe acaba demasiadamente longa, problema que todo beatlemaníaco vai ter de aturar em respeito ao legado da banda - assim como já fazem há mais de 30 anos com Yoko Ono. Algumas cenas da fase psicodélica poderiam ter ficado de fora, assim como a personagem Prudence, que claramente só está ali para que "Dear Prudence" seja cantada. O momento é tão belo quanto a canção, mas em nada altera a trama central e por isso poderia facilmente ter ficado na sala de edição, deixando ali apenas a referência para quem é fã do quarteto, ao lado da irmã de Lucy e Max, que se chama Julia, ou a maçã cortada por Jude, alusão ao selo musical Apple, fundado pelos Beatles em 1968.

Com participações especiais de Bono (como hippie Dr. Robert cantando "I am The Walrus"), Joe Cocker (triplo papel de um cafetão, mendigo e hippie emprestando sua voz rouca para "Come Together"), Salma Hayek (dançando "Happiness is a Warm Gun" vestida de enfermeira) e do comediante Eddie Izzard (o apresentador do circo em "Being For the Benefit of Mr. Kite!"), Taymor consegue ganhar também a atenção de outros públicos. Não que precisasse, afinal, "love is all you (we) need".

P.S. Levando em consideração toda a importância que as letras das músicas têm na história, a distribuidora brasileira deveria ter legendado também as canções dos Beatles.

Assista a clipes do filme

Veja também:
Across the Universe
Across the Universe
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Comentários

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus
Publicidade

Omeletop As 5+

  • Lidas
  1. 1 - Oscar 2015 | Os filmes vencedores

    Oscar 2015 | Os filmes vencedores
    Acompanhe a nossa live, e a lista atualizada dos ganhadores!
  2. 2 - Power Rangers | Reboot não oficial coloca sangue, sexo e violência no universo dos heróis
  3. 3 - Vingadores: Era de Ultron | Veja o pôster oficial do filme
  4. 4 - James Gunn comenta as críticas do Oscar aos filmes de super-heróis
  5. 5 - Framboesa de Ouro 2015 | Saving Christmas domina premiação dos piores filmes
  6. Ver todos
Publicidade

Fotos

esquadrao-suicida-arrow.jpg
arrow
Demolidor-Poster-26fev2015
demolidor-tv
While-Were-Young-22jul2014-01.jpg
while-were-young
Kidnapping Mr. Heineken 26fev2015 - 02.jpg
Kidnapping Mr. Heineken
image002.jpg
Vingadores-Era-de-Ultron
Quarteto-Fantastico-25Fev2015_04.jpg
quarteto-fantastico-filme
Star Wars Rebels Lando 04
star-wars-rebels
Far Cry 4 11nov2014 1
far-cry-4
89461.jpg
james-bond-spectre
rFLsNc3.jpg
jurassic-park-4
agents-of-shield.jpg
agents-of-shield
Homem-Formiga-arte-25Fev2015_04.jpg
homem-formiga
Publicidade