Os Reis dos Patos despenca em audiência nos EUA

Declínio é devido às declarações recentes de Phil Robertson

Érico Borgo
18 de Janeiro de 2014

Os Reis dos Patos

Depois do episódio amplamente divulgado na mídia em que Phil Robertson, o patriarca da série Os Reis do Patos, fez declarações homofóbicas e racistas alegando motivos religiosos, a série despencou em audiência nos EUA.

Apesar do apoio dos fãs que partilham das crenças de Robertson, o programa caiu de 12 milhões de espectadores para 8,5 milhões. Os números correspondem às estreias da quarta e da quinta temporada do programa.

Na edição de dezembro da revista GQ dos EUA, uma entrevista com Robertson, cujo cotidiano é registrado no reality show Os Reis dos Patos (Duck Dinasty), repercutiu no mundo inteiro. Nela, o barbudo fabricante de apitos pra chamar patos não poupou comentários ofensivos a gays e negros.

Imediatamente, o canal A&E suspendeu a produção da série, alegando que os pontos de vista de Robertson são contrários às crenças da empresa. Na semana seguinte, grupos religiosos e racistas apoiaram o programa, na mesma medida em que associações a favor dos direitos dos gays e grupos anti-racismo aplaudiram a posição da emissora. O canal voltou atrás na sequência alegando que a visão de Robertson não era encontrada no programa - que voltou a ser produzido.

Os Reis dos Patos é o programa de maior audiência do A&E nos EUA. Resta saber por quanto tempo - ou se o impacto das declarações será esquecido com o tempo.



Comentários (22)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Eloisio Eloisio (20/01/2014 10:39:30)   783 0
Bom, eu já sofri preconceito racial e sei o que é sentir na pele essa situação...
Depois que a gente passa por isso, entende coisas que não passávamos a entender...
Sem mais comentários...



Robson Robson (19/01/2014 01:12:39)   138 0
Uma queda de quase 30% na audiência é realmente considerável, mas achar que o público que continuou assistindo são "fãs que partilham das crenças de Robertson" é um exagero.

O programa não é religioso, mas sim humorístico. Não é mais lógico pensar que os oito milhões de pessoas que continuaram assistindo o programa o fizeram porque acham o programa divertido e que a opinião pessoal de Phil Robertson sobre assuntos que não são abordados no programa não lhes interessa?

Como eu comentei em outra notícia sobre este mesmo assunto, Phil Robertson, não é um ator nova iorquino interpretando um papel, é um senhor sexagenário, caipira, pouco letrado, do interior dos EUA e seu pensamento acerca de assuntos complexos tende não apenas a ser simplista como ele.

No tocante a questão racial, seu comentário não foi, nem de longe racista, no máximo, alienado. O que ele disse foi que na época da luta pelos direitos civis dos negros, quando era jovem e trabalhou no campo ao lado de trabalhadores negros, não viu tensão racial, o que pode ser verdade, visto que estas tensões variavam de estado para estado nos EUA.

Quanto ao homossexualimo, seu comentário foi mais contundente, sem dúvida, mas quem já viu o programa, sabe que ele é um caipira sexagenário do interior dos EUA, completamente desconectado sobre qualquer coisa dos dias atuais, o que inclui a causa homossexual.

Sua cabeça está em outra época. Se o programa acabar, é bem capaz de ele ficar feliz pois terá menos câmeras, microfones e gente da TV dentro de casa.



sem avatar kelvlin (18/01/2014 21:28:16)   1 -1
Oh, que belo seria o mundo se os dois lados das opiniões falassem suas merdas sem gerar brigas... O ideal seria não falarem merdas, mas como merda é o que os humanos pouco podem gerar, então lutemos por um mundo onde todos possam seguir suas vertentes sem se alterar com opiniões contrárias...



sem avatar Josias (18/01/2014 20:49:43)   -85 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Josias (18/01/2014 20:59:12)   -85 -2
não que eu concorde com as m**** que esse velho babak@ disse


Dumbstein Dumbstein (18/01/2014 20:20:01)   104 -1
A&E fez certo em manter o show. O cara numa entrevista tem todo o direito de dizer a opinião dele.

Discordo completamente dele, mas defendo seu direito de dizer o que acha e quem quiser ficar de mimimi é só não assistir. A emissora cancelar o programa por conta disso seria uma putaria.



sem avatar andre (18/01/2014 20:09:03)   48 1
esse povo "religioso" fala em liberdade de expressão, mas vai vc falar mal deles!

ai não pode, deus castiga, vão processar bla bla bla



sem avatar lucas (18/01/2014 18:14:09)   -4 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Vitor Vitor (18/01/2014 18:41:08)   1530 4
Não me venha com essa babaquice de "Ditadura Gay". E não confunda liberdade de expressão com preconceito. Você têm o direito de expressar sua opinião, mas se sua opinião é racista, homofóbica... você com certeza será criticado negativamente e com razão. E se você conseguir me dizer que outros grupos a não ser os religiosos condenam em massa os atos homossexuais, diga, por favor.

Você é só mais um babaca homofóbico, que só por que não concorda, acha que é lei e não pode acontecer. Se você não é gay, você não é. Legalizar o casamento gay não te fará gay.

É muito fácil fazer comentários de ódio a alguém e mascarar como "liberdade de expressão". Se for assim, Hitler só estava expressando sua opinião em todas as coisas que ele fez contra raças que ele considerava "inferior".



sem avatar andre (18/01/2014 20:04:23)   48 0
assim como todo religioso (sabemos sua religião, mas melhor não falar) vc adora criticar a tudo e a todos, mas não suporta que façam qualquer critica a vcs!

ps. não vá jogar praga em mim dizendo que Deus vai me castigar, pq esse seu Deus que se preocupa com picuinhas não é o mesmo que o meu.

sem avatar Henrique (18/01/2014 20:37:33)   -2 4
Engraçado que todo homofóbico vem com a mesma ladainha de sempre "tudo é homofobia, vai ser crime ser hetero, blablabla". Meu filho, o cara foi torturado, teve todos os dentes arrancados, era um rapaz tranquilo (não era vida loka), e você ainda acha que é precipitado dizer que foi crime homofóbico? Concordo que tem crimes que não são homofóbicos, e a mídia considera que sim (assim como acontece com o racismo e com a lei Maria da Penha), mas é engraçado você querer generalizar como se tudo fosse invenção da imprensa. E ninguém tá te obrigando a virar gay, se você está sentindo desejos estranhos devido a tanta "notícia gay", é melhor então você procurar ajuda numa igreja, ao invés de dar chilique por notícia gay (sempre acho estranho esse pessoal que se considera "macho" surtando em qualquer notícia que tenha a palavra "gay". É algo a ser estudado)

sem avatar lucas (18/01/2014 21:36:50)   -4 -3
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Luiz Eduardo Luiz Eduardo (18/01/2014 22:25:08)   -309 2
Cara, pela amor de deus procura antes de falar merda: http://noticias.r7.com/sao-paulo/morte-de-jovem-encontrado-desfigurado-apos-festa-em-sp-intriga-familia-16012014

O BROTHER TAVA COM UM PEDAÇO DE FERRO NA PERNA, CLARO QUE QUANDO VOCÊ QUER SE MATAR VOCÊ FAZ ISSO NÉ

Pliskin Pliskin (18/01/2014 23:17:18)   348 2
Nossa que mané, esse lucas. Citar o caso do moleque que foi encontrado morto, como sendo um simples suicídio. O que te incomoda em saber que um homossexual foi assassinado?

Esse caso é um exemplo da incompetência da policia, ao invés de investigar o caso, fazer ao menos um pericia, simplesmente viram o corpo sem documentos debaixo do viaduto e deduziram: suicidio.

Que pessoa que vai se matar se prepara pra ir numa balada com amigos? Arranca todos os dentes, enfia uma barra de ferro na perna e se joga do viaduto. Faz todo sentido suicídio.


sem avatar lucas (19/01/2014 10:52:06)   -4 -2
Pliskin, o mané é você, a polícia reabriu o caso, não dá pra afirmar que foi suicídio e nem afirmar que foi assassinato, http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2014/01/1398641-policia-de-sp-diz-acreditar-que-jovem-gay-tenha-cometido-suicidio.shtml
barra de ferro na perna?acho que você confundiu barra de ferro com uma lesão,e se alguém se jogar de um viaduto vai perder os dentes, vocês só corroboram a minha afirmação que discordar de gays hoje em dia é imoral e proibido, emiti uma opinião e vocês me acusam de homofóbico, fanático religioso e mané.

Alex Winchester Grimes Kent Alex Winchester Grimes Kent (19/01/2014 16:01:53)   254 0
Como assim a matéria é tendenciosa por tentar ligar cristianismo com racismo e tbm homofobia? A história e a sociologia tbm são tendenciosas, então! Vamos lá: na Idade Média européia cristãos católicos criaram a inquisição, instituição de tortura e morte para qualquer um que discordasse das fantasias bíblicas. Na Contra-Reforma, católico matou protestante (Massacre de São Bartolomeu), protestante matou católico (vide In nomine Dei, de Saramago). Na Idade Moderna, cristãos católicos e protestantes perseguiram e mataram judeus, o que acabou culminando em extermínio em massa desse povo no século passado; no século XVIII, várias mulheres foram mortas por cristãos protestantes, em Salém, EUA, sob acusação de serem bruxas (mesmo que bruxas existam e essas mulheres tivessem sido bruxas, mais uma vez os cristãos mostram sua intolerância e ódio, para engendrarem assassinatos, nem mesmo a liberdade religiosa é aceita pelos religiosos); no século XIX, nos EUA, cristão matava até mesmo outros cristãos (protestantes matando mórmons); na década de 60, nos EUA, cristãos americanos criaram um verdadeiro apartheid naquele país, o homem e a mulher negros sequer podiam sentar no mesmo lado do ônibus que os brancos!); hoje, no Brasil, certo pastor cristão protestante neo-pentescostal, afirma que os negros e os gays vão para o inferno; como assim, então, essa matéria é tendenciosa? O cristianismo é uma praga de intolerância, basta pensar diferente, pode ser até mesmo outro cristão, de outra denominação, ESSA RELIGIÃO É ATROZ E ASSASSINA, os séculos da história humana estão aí para DENUNCIAR. Em qualquer lugar do mundo, onde reina governos teocráticos, há perseguição às liberdades individuais: qualquer religião é assim, cristianismo, islamismo, não importa - domínio religioso é igual a barbárie. Se discorda, ou acha ruim, contrarie a história do mundo cara.

Mas também, quer o que? O fundador do cristianismo, ele mesmo, o jesus cristo, que afirmou: CUIDAI QUE NÃO VIM TRAZER A PAZ, MAS A ESPADA, POIS DAQUI POR DIANTE EM MEU NOME PAI SE VOLTARÁ CONTRA FILHO, FILHO CONTRA PAI, NAÇÃO CONTRA NAÇÃO! Não é invenção, ele disse isso sim, O PRÍNCIPE DA PAZ, que ironia! E não estou tirando do contexto não! Ele disse isso mesmo e se referindo ao que iria acontecer por causa do nome dele. Ou seja, uma religião fundada em alicerces de sangue e ódio, onde a palavra amor, por mais que seja usada, nunca é praticada incondicionalmente, sempre é com delimitações, e as condições são: siga o que a religião diz e não discorde nunca! Se discordar, sofra e morra! Se for diferente, padeça, seja torturado e morra, por fim, ainda tenha a alma no inferno.

O cristianismo é uma religião doente e sedenta de vingança contra tudo e contra todos - a história está aí.

Liberdade de expressão, ora pois!!! Não podemos confundir liberdade de expressão com propagações de ideias que matam!!!

Luiz Eduardo Luiz Eduardo (19/01/2014 16:57:38)   -309 0
Olha, o barbudão ali tem a liberdade de comparar a homossexualidade com zoofilia e eu tenho a total liberdade de acha-lo um boçal, como o canal tem liberdade de tirar o programa dele do ar, como ONGS LGBT's têm liberdade de repudiar a opinião dele e como os telespectadores têm liberdade de simplesmente boicotar o programa dele. Entendeu? Agora vou aproveitar a minha liberdade para contribuir ao golpe de estado gayzista, por que afinal, eu tenho liberdade né? ODEIO HETEROSSEXUAIS E RELIGIOSOS ESSES SÃO ANOMALIAS DA HUMANIDADE!!!!!! (sou hétero e possuo família inteira cristã)

Madeira Madeira (19/01/2014 18:15:06)   171 0
O primeiro xingou e reclamou da opinião do cara que estava reclamando da opção alheia.
O segundo criticou a crença de milhares de pessoas pois não aceitou a crítica do outro sobre uma opinião em que ele discordava.
O terceiro ficou indignado pois o outro generalizava, e ao final generalizou ao fechar seu comentário.
Aquele do "Text Wall Hits Eyes for 1000 critical damage" eu passei, afinal, era MINHA opção.
E o mais engraçado é o fato de as pessoas acreditarem que temos "liberdade de expressão".
(Cof cof Lei Carolina Dickman/Biografias não autorizadas/Portal da Transparência cof cof cof).



Luiz Eduardo Luiz Eduardo (19/01/2014 18:39:25)   -309 -1
Não sei se sou o "terceiro", mas de qualquer jeito eu tava sendo irônico, rs

Alguém me diz que liberdade é essa que eu não posso chutar santa, chamar o negro de macaco e nem ameaçar a minha mulher??? A questão é: Não existe liberdade de expressão por completa em lugar em nenhum, diversos insultos são crimes e é questão de tempo até os insultos aos homossexuais ser crime também. Se isso é certo ou não, vai da tua opinião, mas as leis existem, são um fato, a total liberdade de expressão é uma farsa.


sem avatar luciano (18/01/2014 18:14:06)   23 2
mais um reality show inutil de uma familia inutil em um canal de tv inutil para um publico inutil


sem avatar andre (18/01/2014 20:08:01)   48 -2
ah desculpa ai senhor intelectual....mas a propósito pq o senhor está lendo e comentando essa matéria? seria o senhor um inútil tb?

sem avatar kelvlin (18/01/2014 21:26:05)   1 -2
Um inútil comentando algo inútil pra tentar parecer menos inútil.

Desculpe, não quis ofender. Mas viu como é fácil fazer polemiquinha?! Se não tem nada construtivo pra acrescentar, mantenha o silêncio, please...



Omeletop : series-e-tv

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.