Colunistas

Jacidio, who? | Bruce Springsteen, o novo nome da EDM, e DJ Sasha fazendo milagres com a e-music

Confira as novidades do mundo da música eletrônica
-

Hallo, tudo bem com vocês? Mais uma semana cheia de coisas bacanas, eventos confirmados, sets pra ouvir e dicas. Se prepara que tá pesado e vem comigo!!

Bruce Springsteen está na EDM

Sim, um dos pilares do rock mundial, Bruce Springsteen está creditado como um dos compositores da nova faixa do DJ e produtor russo, Arty. “Supposed To Be” foi lançada no início de setembro e está diretamente ligada a vibe mais radiofônica do produtor eletrônico que começou sua carreira focado no trance (Arty, atualmente também trabalha com o projeto trance Alpha 9 e vem ao Brasil para o Ultra Rio). Vale lembrar que Springsteen, de 67 anos, parece ter feito sua entrada no segmento eletrônico de forma discreta, já que ninguém comentou sobre a parceria de forma oficial. Pra entender a importância de Springsteen na cena musical, basta saber que “The Boss” - na ativa desde 1964 - já ganhou 20 Grammy awards e vendeu mais de 120 milhões de discos. A parceria foi lançada pela gravadora de Martin Garrix, STMPD Records e você pode sentir o drama abaixo.

Sasha continua fazendo milagres sonoros e entrega uma experiência única no inédito reFracted: Live at the Barbican

Não dá pra negar que Sasha é um dos nomes mais importantes e incríveis da história da música eletrônica. Basta uma rápida pesquisa para descobrir que ele é um dos DJs/produtores mais premiados da história do gênero e está na ativa desde o final da década de 80. Um ícone do segmento que no próximo dia 25 de setembro lança reFracted: Live at the Barbican, show registrado em Londres, no qual revisita alguns de seus clássicos acompanhado por um excepcional time de músicos. Como diz o título do artigo da Noisey, “Sasha continua capaz de realizar milagres na Dance Music” e a gente pode ver isso acontecendo ao vivo, com o produtor galês entregando o sonho de praticamente qualquer amante da música, não só eletrônica. E claro, o apelo sonoro de Sasha fica ainda mais evidente ao transformar suas criações em algo orgânico, climático e amplo. Veja abaixo a apresentação da clássica “Xpander”. Fique ligado que o Blu-Ray do projeto já está em pré-venda por aqui. P.S.: Nós ainda vamos falar mais dessa entrevista em breve. :)

 

Você precisa ouvir: BlackGummy - EP. Monolith

BlackGummy é mais um produtor que integra o selo/gravadora de deadmau5, a mau5trap. E como de costume dentro da label, o norte-americano trabalha com uma sonoridade única e instigante que coloca em evidência graves pesados em conjunto com nuances que preenchem espaços de forma criativa. Sem dúvida, mais um tiro certeiro da mau5trap. Iman Marouf (seu nome real) é um daqueles achados no mercado da música eletrônica, justamente por entregar um som no qual você encontra referências de algumas das vertentes mais instigantes da e-music, pensadas com originalidade e, de certa forma, de maneira complexa. É uma daquelas apostas que instigam a gente a buscar coisas novas a todo momento graças a tradução de teorias complexas em ondas sonoras.

Em entrevista a YourEDM o produtor comenta que seu novo trabalho foi inspirado na busca pela interação humana com “três coisas muito importantes e que afetaram seu crescimento e desenvolvimento: Tecnologia, sua casa (Terra) e símbolos”. Monolith é o terceiro EP da série, sendo antecedido por Singularity e Impactor.

BlackGummy segue explicando que o trabalho com os símbolos é algo interessante para ele, por causa dos diversos estilos de música que produz. “Elas [músicas] - são um pouco semelhantes à essas grandes estátuas e figuras sinistras que um conjunto de culturas diferentes criou ao longo da história da Terra. Elas [estátuas] não falam (ao menos, eu não as vi falando), mas os seres humanos continuam vendo e dando valor a elas. Minhas músicas geralmente não têm letra, então, de certa forma, os ouvintes estão meio que fazendo a mesma coisa”. Depois dessa explicação, você realmente precisa ouvir esse EP. Sao só 4 faixas. Seja feliz, sério! (E você também pode ouvir os três trabalhos, em ordem, na playist linda do  Soundcloud). 


Uma das coisas que mais me deixam impressionado na música eletrônica é a beleza e a evolução melódica de algumas faixas. E, não posso negar que, o trio Above & Beyond domina esses quesitos ao levar suas músicas para lugares que, muitas vezes, você não imagina que seria possível. Os ingleses liberaram recentemente o single “My Own Hymn” com a voz incrível de Zoë Johnston e, como sempre, conduzem a gente por uma viagem incrível. A letra é maravilhosa, o clima… Coloca no repeat e depois dá uma olhada no que eles têm feito. Vale lembrar que Above & Beyond é uma das atrações do Ultra Rio em outubro e anunciou seu próximo disco de inéditas, Common Ground, para janeiro de 2018.

 

Outra novidade fresquinha, que saiu nesta sexta, é o single do DJ e produtor KhoMha. O colombiano, um dos nomes mais interessantes do trance, lançou “Other Side Of Me”, faixa vibrante e dançante (algo constante em sua produção) e que conta com a voz de Emma Chatt. Ouça essa maravilha abaixo.

 

Dica nacional da semana

Sabe quando você descobre um som que te faz mergulhar em sensações e possibilidades? Então, assim costumam ser os live sets do VAntônio. Paulistano, que eu pude ver algumas vezes e que sempre surpreende graças a uma sonoridade cadenciada capaz de conduzir a audiência por momentos cheios de refinamento e peso; se é que vocês me entendem. :) Vale ficar ligado na agenda dele e curtir seu som ao vivo. Coloca o fone e vai ser feliz.

Pra fechar a conta

Neste final de semana a coisa está pesada em São Paulo. Você pode curtir, já nesta sexta 22,  a LEEDS Colapso que tem no line-up só Adriatique (com long set de 04 horas) Eli Iwasa, Danny Daze e muita gente boa. Você precisa ir. Os detalhes estão aqui.  

Também no dia 22 a Kubik BH reúne dois dos principais nomes da e-music do Brasil em uma mesma noite. DJ Marky e Anderson Noise. É a chance de dançar com duas lendas botando pra quebrar. Eu confesso que não lembro qual foi a última vez que os dois estiveram tocando em um mesmo evento. Os detalhes estão aqui.  

Ainda no sábado, os núcleos Sonido Trópico + EKO se reúnem para uma festa Nos Trilhos. A festa é focada na sonoridade eletrônica com argumentos orgânicos e apresenta alguns dos nomes mais especiais do segmento como Spaniol, Cosmic & Damião, Exequiel, o incrível Nicolas Pera (falamos dele na coluna passada) e diversos outros DJs incríveis.Agora é escolher em qual ir. Os detalhes estão aqui.

E por hoje é só. Enjoy the weekend que tá bem pesado. Tem uma faixa bacana e quer que eu escute? Vai fazer um evento de música eletrônica? Manda pro jacidiowho@gmail.com, de repente aparece por aqui. Nos vemos em breve. Fui!!

Realmente uma das maiores revelações é o produtor Blackgummy parece que ele traz uma versão melhorada e mais nova do deadmau5, ambos tem identidade muito parecidas mas blackgummy consegue trazer a sonoridade que está rolando atualmente ao estilo progressive house "raiz" com timbres bem melódicos.

Bruce deve ter sido creditado pois a música tem a melodia de Atlantic City.

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus