Filmes

35 anos de E.T. - O Extraterrestre

Inicialmente, filme seria um terror, e acabou virando um dos ícones do cinema
-

Em 11 de junho de 1982, estreava nos cinemas E.T. - O Extraterrestre, de Steven Spielberg.

Nascido em 1946, Spielberg foi fundamental no processo de transformação do cinema. O nascimento dos blockbusters com Tubarão (Jaws) em 1975 e subsequentes sucessos deram ao cineasta autonomia financeira, permitindo que eles desse vazão, nas telas, à sua imaginação. Primeiro, Spielberg transformou os aliens dos filmes B em coisa séria, com Contatos Imediatos de Terceiro Grau (Close Encounters of the Third Kind, 1977). A seguir, desejava empregá-los em um filme de terror, Night Skies.

O filme teria como vilões um grupo de alienígenas malignos. Spielberg passou meses desenvolvendo o roteiro e as criaturas. O designer e especialista em efeitos de maquiagem Rick Baker, que havia terminado o trabalho em Um Lobisomem Americano em Londres (que lhe rendeu seu primeiro Oscar), estava criando os alienígenas do filme, que mostraria uma família sitiada por extraterrestres, uma ideia inspirada no western Ao Rufar dos Tambores (Drums Along the Mohawk, 1939). No faroeste do mestre John Ford, uma família de colonos ajuda a defender um forte do ataque de índios mohawk.

Com o roteiro pronto e designs e bonecos apresentados, porém, Spielberg mudou completamente de ideia. Decidiu que seu próximo filme seria uma aventura familiar, sobre um ET perdido na Terra tentando voltar pra casa enquanto é caçado pelas autoridades. Baker ficou furioso, pois o cineasta queria que ele adaptasse todo o trabalho nas criaturas ameaçadoras de Night Skies para um alien bonzinho. O contrato foi cancelado e o especialista em efeitos reclamou publicamente da conduta de Spielberg, dizendo que perdeu quase centenas de milhares de dólares no processo de criação e que nunca recebeu crédito pelo trabalho, já que o resultado inclui algumas de suas ideias para a criatura. Carlo Rambaldi, criador dos aliens de Contatos Imediatos, assumiu então o projeto, criando o apaixonante alienígena de olhos grandes.

A ideia do grupo de criaturas aterrorizando uma família acabou virando outro filme, trocando os aliens por fantasmas: Poltergeist, o Fenômeno. O terror foi produzido por Spielberg e dirigido por Tobe Hooper (O Massacre da Serra-Elétrica), que também reclamou do cineasta, dizendo que ele praticamente assumiu a direção do filme.

Problemas à parte, E.T. - O Extraterrestre conquistou o público, consagrando definitivamente o cineasta na indústria. O filme foi a maior arrecadação da história do cinema até então e rendeu novas indicações de Spielberg ao Oscar, melhor diretor e filme, mas ele acabou perdendo em ambas as categorias para Gandhi, de Richard Attenborough.

Veja no infográfico, algumas curiosidades sobre o filme (clique para ampliar) :

Vinte anos depois do lançamento, E.T. - O Extraterrestre ganhou uma nova versão nos cinemas, com cenas adicionais (e algumas alteradas), som remasterizado e efeitos especiais melhorados. O resultado decepcionou tanto o público (que não gostou das mudanças) quanto os executivos da Universal (que esperavam uma arrecadação maior). Recentemente, Spielberg afirmou estar arrependido de ter mexido com o filme. Ele declarou que se sentia um tanto sensibilizado pelas críticas de alguns pais em relação à piada com o "bafo de pênis" e as armas nas mãos dos guardas (que viraram walkie-talkies), mas que ao lançar o filme alterado se sentiu muito pior, "como se tivesse roubado das pessoas que amam E.T. as suas memórias do filme". Ele jurou jamais repetir esse erro em futuros relançamentos.

Além de ser importante para a história do cinema e para a carreira de Spielberg, E.T. - O Extraterrestre também mudou a vida pessoal do cineasta. "Meu filme favorito para fazer ET - O Extraterrestre. Mas por razões muito pessoais. Quanto estamos fazendo um filme nós formamos uma família, que é deixada para trás quando o filme acaba. Mas quando ET acabou eu percebi que gostava tanto de crianças que decidi ter meus próprios filhos. Hoje tenho sete - graças a ET!", disse durante painel da Comic-Con 2011.

No OmeleTV, falamos sobre os filmes mais marcantes da carreira de Steven Spielberg

Leia mais sobre E.T. - O Extra-Terrestre

E.T. - O Extra-Terrestre
(E.T.: The Extra-Terrestrial) Direção: Steven Spielberg Estreia em 25/12/82
sobre o filme

Do meu tb!!

Lembro de ir ao cinema assistir este filme, tinha uns 5 anos e ainda não sabia ler direito e o filme era legendado, na época não existiam filmes dublados no cinema e mesmo sem entender quase nada gostei muito do filme, tempo bom que não volta jamais

E.T. não é apenas um clássico, um filme belíssimo e magistral em todos os sentidos, que marcou uma geração, mas marcou também o próprio modo de se fazer entretenimento nos anos 80. O próprio estilo de sci-fi que envolve um bando de garotos em um aventura se tornou uma marca registrada da década e isso se deve muito a E.T.. Embora pessoalmente esteja longe de estar entre os meus favoritos de Spielberg.

Eterno.

Todo mundo adora elogiar o filme ET, e com razão, pois é excelente! Mas a verdade é que quando eu era criança, eu tinha era muito medo do ET. Ele aparecendo no meio do nada, no escuro, que arrepio dava! Depois eu nunca curti o lance dele se conectar ao menino, e os dois quase morrem, pois o ET vai ficando doente e a criança também. Eu fiquei impressionado com aquilo, com medo de existir um bicho desses de verdade... eu ia manter distancias e gritar de medo

Muito obrigado Xuxa!!kkkkkkkk

Curiosidade:Quase teve continuação.Spielberg chegou a escreveu um roteiro inicial, e se charmaria "ET II: Nocturnal Fears".Nele se conhece o nome do E.T. :Zrek!

Eu assisti com 7 anos.Foi o primeiro filme que vi no cinema.Chorei muito no fim.kkk

Concordo vc disse 2 filmes do meu top 10!

que horror!

1982 tem filmes incriveis e musicas incriveis tb!!!!que epoca magica,eu tinha 2 anos!

a TRILHA realmente é perfeita,tem partes do filme que a trilha faz me arrepiar todo,ta no meu top 10 de melhores filmes!

E Stranger Things, recuperou um pouco disso. Saudosa época. Pelo menos para mim.

Lembro da sessão "Tela Quente" Fiquei uma semana na expectativa. Tempo bom. Após assistir o filme, a galera se reunia na rua para ficar comentando e conversando sobre o filme. Minha paixão por cinema veio dessa experiência. Até então, nunca tinha ido ao cinema e a sessão "Tela Quente" era uma ótima alternativa. Saudosos anos 80.

vi aos 10 anos,achei genial,um daqueles filmes que marcaram minha vida. ps achei ridicula a pressão da drew barrymore para o spielberg .mudasse as armas dos agentes que perseguem e.t e elliott por walkie talkies.

Parece que o texto de 2012 foi requentado.

Também tem o filme da xuxa trepando com o muleque

E.T é um dos melhores filmes da história do cinema , depois de mais de 35 anos continua e é inspiração para vários Filmes , Séries e Livros de ficção cientifica . Lembro -me em 1983 , quando o cinema estava com uma fila enorme de mais de 600 pessoas esperando , lembro-me daquela amizade que fez até marmanjo de 40 anos se derramar em lagrimas , eu me emocionei e todos também se emocionaram . Hollywood não faz mais filmes como antes

Spielberg é um fanfarrão mesmo. Deixou um monte de gente p* uta na produção. kkkkkkkkkkkkk. Apesar desse ser um dos meus filmes favoritos na infância (e ainda gosto dele) fiquei curioso com essa ideia de filme de terror.

ET é um ótimo filme! Marcou gerações, ultrapassou "SW: Uma Nova Esperança" (até o momento - 1982 - a maior bilheteria da história do cinema) e cativou milhões ao redor do mundo. Embora Steven Spielberg não tenha mais aquele "hype" de antigamente, é inegável que seus filmes, mesmo os menos conhecidos, sempre valem uma conferida. Uma boa tarde à todos. Até mais.

Spielberg é um gênio

Não consigo ter empatia por esse filme! A ideia original citada na matéria parece mais interessante!

impressão minha ou é o mesmo texto que o Borgo lançou ha 5 anos, quando ET fez 30 anos?

Lembro- me quando fui assisti Uma fila interminável ao cinema Lotado até o gogó, na época não tinha a chamada lotação máxima A música tema nem se fala, perfeita Spielberg muito mais que um diretor. Inesquecível.

Que filme! Que homem!

Drew Barrymore sempre curtiu isso!

Nunca houve e duvido que haverá novamente um ano como 1982. E esse foi apenas um ano excelente em uma década fantástica para o Fantástico em geral e principalmente para a Ficção Científica. Falei disso em um post do blog FANTASTICURSOS. Quer quiser ler, basta clicar em http://fantasticursos.com/1982-ano-cinema-ficcao-cientifica/

O ano de 1982 foi sem sombra de duvidas um marco para o cinema filmes inesqueciveis e memoraveis como o proprio ET, Poltergeist, Blade Runner e outros foram todos lançados nesse belo ano. ET é um marco, fez parte da infancia de muitas crianças e ainda sobrevive na memoria dos adultos, a trilha sonora do filme me deixa estasiado e o proprio filme é capaz de nos encantar e brilhar em nossas mentes. São filmes como ET que me fazem lembrar o quanto Eu amo cinema.

Um filme imortal ! Maravilhoso! Perfeito! Quem nunca viu, tem que ver! Que Avatar-Pocahontas nada, o verdadeiro filme campeão são E O Vento Levou e ET!

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus