Filmes

Entenda o impacto das denúncias de assédio contra Harvey Weinstein em Hollywood

Produtor foi responsável por alavancar nomes importantes da indústria cinematográfica
-

O assunto do assédio sexual na indústria cinematográfica tomou grandes proporções em Hollywood na última semana com a série de denúncias contra o famoso produtor Harvey Weinstein. O caso se tornou emblemático exatamente pela importância do executivo no lançamento de grandes filmes e carreiras de vários atores e atrizes.

Harvey é irmão mais velho de Bob Weinstein e foi essa parceria que originou a Miramax, fundada na Califórnia em 1979. O primeiro filme distribuído pela empresa foi Rockshow, em 1980, um filme-concerto que mostrava a turnê de Paul McCartney e os Wings pela América do Sul. Em 1989, a empresa começou a tomar importância nas premiações com Meu Pé Esquerdo, que venceu o Oscar nas categorias de Melhor Ator, para Daniel Day-Lewis e Melhor Atriz Coadjuvante, para Brenda Fricker.

Desde então, o nome do produtor esteve envolvido em mais de 20 produções indicadas ao prêmio máximo do cinema, como Pulp Fiction (1994), O Paciente Inglês (1996), Gênio Indomável (1997), Shakespeare Apaixonado (1998), entre vários outros, com seu nome sendo mais citado do que "Deus" nos discursos de agradecimento. Sua influência nos bastidores cresceu e ele começou também a lançar carreiras, como de Quentin Tarantino, Kevin Smith, Matt Damon, entre várias outros artistas. Ter Harvey Weinstein em um projeto era sinônimo de sucesso e reconhecimento e é exatamente por toda essa influência que as graves denúncias de assédio tomaram grandes proporções.

Além dos casos citados pelo New York Times, que deram início às discussões, a New Yorker publicou um novo artigo com relatos ainda mais graves. A atriz e diretora italiana Asia Argento afirmou ao site que ele fez sexo oral de forma forçada nela. Seu medo, na época, era que Weinstein acabasse com sua carreira por conta de sua importância: “Sei que ele já tinha acabado com várias pessoas antes. É por isso que essa história - no meu caso tem 20 anos, algumas são mais antigas - nunca apareceram”.

Duas mulheres disseram à New Yorker que o produtor as estuprou, fazendo ou recebendo sexo oral e vaginal de forma forçada. Outras quatro mulheres, que trabalharam na The Weinstein Company, empresa fundada em 2005 depois que os irmãos deixaram a Miramax, disseram que ele se masturbou na frente delas. No mesmo texto, o comportamento de Weinstein é definido por uma das funcionárias como “conhecido” das pessoas da indústria, que não se incomodavam com o que acontecia. “Se ele um dia descobrir minha identidade, tenho medo que ele arruíne a minha vida”, afirmou a fonte.

Desdobramentos

Os relatos são impactantes e causaram uma onda de declarações de repúdio e polêmicas em Hollywood. Uma delas veio de Ben Affleck, que afirmou se sentir “enojado” após saber sobre os casos mais graves, mas uma polêmica envolvendo o ator também tomou forma. Em resposta à declaração, a atriz Hilarie Burton lembrou um caso de 2003, quando Affleck tocou seu seio nos bastidores de um programa da MTV. Ele se desculpou no Twitter:

“Eu agi de forma inapropriada com a Sra. Burton e sinceramente me desculpo”.

Outro nome famoso que entrou na polêmica é George Clooney, que disse ter ouvido rumores sobre o comportamento, mas não deu importância: “Os rumores geralmente eram dos anos 90, de que algumas mulheres dormiram com ele para conseguir um papel. Mas isso parecia uma maneira de diminuir as mulheres, dizendo que elas não conseguiram os papéis pelo talento, então não levei esses rumores à sério”.

Em 2004, a editora do The Wrap Sharon Waxman afirmou que tinha começado sua carreira no New York Times e já tinha relatos sobre o comportamento abusivo do produtor. Ela procurou Fabrizio Lombardo, que era o chefe da Miramax na Itália, e supostamente não tinha nenhum conhecimento sobre filmes. A função dele seria cuidar das “necessidades de mulheres de Weinstein, entre outras coisas”. Ela diz que foi pressionada para deixar a história, recebendo inclusive ligações de Matt Damon e Russell Crowe.

Damon deu sua versão da história para o Deadline, dizendo que não foi bem isso o que aconteceu: “Harvey me disse ‘Sharon está fazendo uma história muito negativa sobre Fabrizio [Lombardo]. Você pode apenas ligar para ela e dizer como foi sua experiência com ele?’. Então fiz isso e foi o que disse para ela”.

São esses desdobramentos que tornam a história de Weinstein tão importante e emblemática para a indústria do cinema. Cada denúncia traz à tona um novo caso, um novo assédio e tudo isso demonstra o quanto o mercado de Hollywood ainda é extremamente preconceituoso. E não apenas com as mulheres. Terry Crews revelou em seu Twitter que também já sofreu assédio em uma festa, quando estava ao lado da esposa. Longe de serem engraçadas, essas atitudes só mostram o quanto aqueles que estão em posição de “poder” acreditam que nunca serão atingidos. Com Harvey Weinstein, as consequências já começaram a aparecer. Além de ser demitido de sua empresa (alguns até dizem que os executivos já queriam sua saída há algum tempo), sua esposa Georgina Chapman pediu a seperação, ele foi suspenso do conselho do BAFTA (British Academy Film Awards), teve uma doação negada por um fundo americano para ajudar mulheres cineastas e, segundo informações do TMZ, foi para uma reabilitação na Europa cuidar de seu “vício em sexo”.

Seja qual for o destino de Harvey Weinstein depois dessas acusações, o fato é que a discussão sobre o tema estimula que outros homens e mulheres falem suas histórias, mais pessoas paguem pelos atos criminosos e talvez, depois de algum tempo, a indústria cinematográfica se torne um lugar melhor para todos. Em comunicado à Variety, Viola Davis definiu a questão:

“O predador quer o seu silêncio. Isso alimenta seu poder, seu direito e eles querem que isso se alimente da sua vergonha. Nossos corpos não são ‘espólios de guerra’, um troféu para ser colecionado e alimentar o seu ego. Ele é nosso!!! Não pertence a você!!! E quando você pega isso sem permissão, isso destrói, como um vírus. Aos predadores, Weinstein, o estranho, o parente, o namorado… eu digo para vocês: você escolhe o seu pecado, mas não escolhe as consequências. Para as vítimas: eu vejo vocês, eu acredito em vocês e estou escutando”.

Leia mais sobre Harvey Weinstein

Não vi o vídeo e nem tenho interesse em defender ninguém, mas a "opinião que conta" não é só a dela não. Se ela diz que algo aconteceu e um vídeo mostra que não aconteceu, então NÃO aconteceu. Ao contrário desse discurso frágil e fantasioso que algumas feministas pregam, NÃO é só a opinião da mulher que conta, visto que a mulher é passível de MENTIR assim como qualquer homem, então tudo deve ser analisado de forma BEM cuidadosa.

O pior de tudo é ver uma pessoa como a Meryl Streep, que é amiga e foi fortemente apadrinhada por ele, inclusive o chamando de "Deus" em algumas oportunidades, dizer que não sabia de nada e que nem imaginava nada do tipo. Logo ela, que sempre levantou bandeiras e inclusive atacou o Trump diretamente. Hipocrisia tremenda de uma das maiores vozes femininas de Hollywood. Aliás, tinham é que ir atrás de atrizes e atores que ele "destruiu" por não se submeterem aos avanços dele, assim como os que ele alavancou por se submeterem. Tenho certeza que muitas máscaras cairiam e muitas mentiras que afundaram carreiras seriam reveladas.

Só li a primeira linha. Você é muito burro e já perdi muito tempo com você.

Vai chvpa um prego até virar parafuso seu escroto! Não entendeu ainda o que eu quero dizer? Que tem uma porrada de mulher oportunista nesse mundo. Safadas, perversas, nojentas... Assim como varios e varios outros seres humanos. Vou até soletrar pra vc: se-res hu-ma-nos seu imbecil. Ou nunca ouviu falar de assédio por parte de mulheres? Agora se tu não acha estranho e suspeito, uma atriz vir a público, 20 anos depois que um cara assediou ela, eu acho e acho MUITO. No começo da carreira ainda vai. Agora depois ela ainda voltou a trabalhar com o cara varias e varias vezes? Ein? Pelo menos a Headley foi mais honesta e disse que depois da ultima tentativa ela nunca mais quis trabalhar com o cara. Mas o que mais eu poderia esperar de um babaca que até pouco tempo usava a foto do criciuma como avatar. Normal, vindo da cidade com o pessoal mais arrogante de Santa Cataraina. Não, mentira, vcs só perdem pra galerina dexcolada de floripa. Agora vai lá apoiar um bando de marmanjo correndo atras de uma bola enquanto vc urram como espartanos por... por b0sta nenhuma.

Meu Deus. O que uma coisa tem a ver com a outra? Imagino o tipo de gente que você apoia.

Não tava mais nem pensando nisso. Tava aqui me lembrando pq será que as prisões femininas estão lotadas. MAS (lá vem machismo) devem ser todas vitimas inocentes das circustâncias.

Esquece.

Assim como também não apaga a HIPOCRISIA dela e muitas outras.

Eu não sei. Isso é outra questão. O que não muda é que nada apaga os CRIMES do dito cujo.

Porque vc continuaria trabalhando com alguem do tipo? Mesmo depois de ter ganhado um oscar e ter sua carreira consolidada.

Não entendo onde você quer chegar.

Tudo. MAS é estranho, né?

E o que isso muda?

OIIIIIIIIIIINNN, a feminazi ficou pvtiadinha? Vai chvpa um parafuso até virar prego, vai... Embora seu negocio deve ser outra coisa ;)

Ou voltar a trabalhar com ele como a Paltrow fez... varias e varias vezes.

Tipo a Paltrow, que foi assediada mas voltou a trabalhar ele varias vezes?

Para você ver, os lugares citados estão no ocidente e possuem comunidades imensas de pessoas de outras crenças e costumes. Alemanha, Suécia, etc. Será mesmo que existe tanto ódio assim nesses lugares? Na sua outra fala, você citou a comunidade LGBT, onde a comunidade LGBT é mais bem tratada fora do ocidente? No mundo árabe nem pensar, na china também não e por ai vai. Uma das maiores parada gay do mundo fica em Tel Aviv e outras tão grandes quanto são, São Francisco e São Paulo, ou seja, cidades em países de maioria judaico/cristã. Respeito sua opinião, mas eu não consigo enxergar onde tem esse discurso de ódio todo.

tá dodói, tá? mimimimi a moça não concordou comigo, vou ser malvadão e falar palavrão, mas quanta maturidade... Por aqui se vê que um homem machista também é ignorante e mal-educado. Dá chilique, dá...

Tenho sérias dúvidas de que algum lugar do mundo poderia se declarar como o mais tolerante. É a marca das últimas estatísticas comparadas sobre intolerância, temos nos últimos 40 anos o aumento generalizado das ameaças contra a liberdade de expressão, liberdade religiosa, aumento dos cartéis econômicos de mídia, e crimes de ódio. Estou na Alemanha agora, sul. E é assustador observar o discurso de ódio ganhando o espaço público alemão, numa sociedade que é considerada a mais rica da união européia. Nem mesmo os países nórdicos, que gastam bastante com propaganda internacional dos seus sucessos estão livres do aumento dos crimes de ódio em 1990, 2000 e 2010. Enfim, nesse momento, eu sou pessimista. As promessas de tolerância no Ocidente não se cumpriram, e o medo toma conta de grande parte da agenda política, o que vai garantir um círculo de ódio por, pelo menos, mais uma década.

No ocidente sim. O ocidente é majoritariamente judaico/cristão.

Olá. Se você realmente leu meus comentários, deve ter percebido que em nenhum momento eu disse que a fé cristã não é passível de falhas. Porém continuo peguntando. Onde fora do ocidente pessoas de outras religiões/crenças são mais respeitadas?

Convivência pacífica? 500 anos de história de extermínio indígena e mais de 300 anos de escravidão e conversão forçada são contra evidência dessa convivência pacífica. Em tempo, a maioria dos assassinos em massa nos Eua são cristãos. Se não dá para afirmar que é causa direta, não dá para dizer que o cristianismo 'só' entregado frutos de paz para sociedade. Sem falar da intolerância com opções de escolha individual que confrontam a fé cristã: aborto proibido no Brasil, violência contra LGBT, agora aquela famigerada cura gay... Só exemplos de boa tolerância com quem não segue a fé, realmente...

Não no ocidente, aqui é o cristianismo a base religiosa que reforça comportamentos machistas e de violência sexual.

Vi o vídeo, e interpreto completamente diferente de você e, na boa, a opinião que conta é a dela. Não desculpe agressão, não tem justificativa para isso.

Você viu o vídeo ? Ela diz que naquele momento ele pegou no peito dela, no vídeo a imagem mostra que não. É um fato, só isso.

Procure o relato do Pedro Cardoso sobre os abusos de cenas sexuais em seriados e novelas globais, em que a atriz só pode escolher o tamanho da calcinha. Ele relata q elas chegam a abandonar a carreira.

Isso expõe a hipocrisia de Hollywood. Falaram do Trump, mas todos sabiam que esse tal de Harvey Weinstein assediava as atrizes e ficaram de bico calado. Até a Hillary Clinton fechou a boca.

Não dúvido. Essa vida não é só glamour

Que parte vc nao entendeu?

Você também.

E não é?! Vão procurar algo para fazer e deixem de ser chatas.

Ah tá! Arrã. Sei. É.

Oi? Cala a boca? Gargalhei com você Todynho. Vai com Deus e pela sombra.

kkkkkkk

Em que sentido?

vacilão, bandidão.... porra pra que forçar as mulheres? pra que estuprar? tem um fila de centenas de atrizes querendo estrelar filmes, que fariam serviço completo com ele pra ter esse papel

Tem uns especiais no youtube onde descrevem as tais "festas" das celebridades de Hollywood. Sugiro que todos dêem uma olhada antes de ficarem se digladiando por causa de seus "ídolos".

cala a boca, mimizenta. Vai trabalhar e pagar suas contas, antes de reclamar de alguma coisa.

um balconista, um paraquedista, um pianista, um terapista...

Olha, acho que o título da matéria tem de ser mais enfático diante de tantas denuncias. Dá a impressão que estão tentando lhe dar o beneficio da dúvida.

Justo. Disse tudo, Remy.

Um fascista, um maquinista, um eletricista, um contrabandista...

Vim seco nos comentários com meu balde de pipoca e olha..... não me decepcionei.

Lógica?

Pessoas como Harvey são comuns em qualquer industria. Pessoas no poder em sua maioria sempre utilizaram desse status para conseguir o que quer que fosse. Espero que com o avanço da tecnologia a exibição pública desses crimes comece a dar mais temência a essas pessoas na hora de decidir se vai ou não cometer esses tipos de atos abomináveis.

Aqui no Brasil se o cara tem "poder" tem imunidade, a gente vê acontecer quase todos os dias, mas nos States costuma ser diferente. E espero que o cara vá para a cadeia!!!

Exatamente.

Se ele estuprou , deveria ir em cana. O resto não importa. Infelizmente, a industria se protege e protege os seus.

Foi nojento.

Cara, o seu comentário é nada com coisa nenhuma. Se é para ser hater que pelo menos seja inteligente. Sai fora!

Eu sempre digo que depois de um "mas" vem um comentário de uma homofóbico, um misógino, um racista, um machista...

quando não é o sexo é aceitar sair nuas em revistas ou entrar em relacionamentos pelo dinheiro ou pela exposição para poder abrir portas....

não é difícil.. é não ser conivente com o que não está certo. Jamais o fim deveria justificar os meios... mas a pessoa está preparada para isso?

Pior são os "mas" nos comentários do tipo: "Óbvio que o cara está errado, mas..."

Penso que não nos cabe ficar julgando as atrizes. Muitas que chegaram a conhecer Harvey Weinstein vieram de longas batalhas e ele já era um nome forte e sedimentado na indústria. Aí, se impõe uma escolha de Sofia: você denuncia, corre o risco de se desacreditada e de naufragar a carreira e o sonho pelo qual lutou por tanto tempo... Ou aceita, engole a dignidade e espera que nunca mais aquilo aconteça de novo? Digo, sem medo: eu escolheria a segunda, e isso não tira o mérito de ele estar errado: ele cometeu crime, eu estava defendendo meu sonho e minha carreira como podia. Além disso, perdemos de vista que a vítima de assédio é, muitas vezes, solitária. Não é algo que você comenta no almoço de domingo na família, afora todas as tentativas de descrédito que vêm quando você conta. Não é nada difícil que toda a extensão dos crimes de Harvey Weinstein não fosse conhecida.

Não sabe porrrra nenhuma de cinema? Não sabe nada sobre a relação Rodriguez/Tarantino e Weinstein? Lógico que não. Se não saberia do pq ela não ter comentado nada até agora. É pq ela tem o rabo preso! E por falar em não saber de nada... conhece a fama de dificil que a Mcgowan tem? Sua ridicula! Pq o omelete postaria que o Afleck pegou nos peitos de uma "criança" a 200 anos atras?

Machismo é o teu ku!

Quem sofreu a violência foi ela, e já nenhuma vítima escolhe ser agredida, o mínimo de decência que se espera da sociedade é que respeite e apoie quando, sobre quem e de que forma a vítima denuncia. Por quê será que você não tem uma mísera palavra de apoio a ela, ou contra os fatos denunciados? Reveja esse machismo aí.

Engraçado que a moça diz o contrário, mas sempre há homens para defender os abusos de outros homens, por quê será?

É brabo mesmo. Muita grana envolvida. Mas, aproveitando que tudo (ou quase tudo) veio à tona, cadeia pra esse sujeito aproveitador.

"Hmmmm, por que na tua concepção o empregador que impõe a uma pessoa que ela faça teste do sofá, vai dar chance pra outra conseguir a vaga de forma honesta? Hahahaha" É isso que ligitima, é igual o político que diz "Mas se eu não roubar, vai ter outro roubando minha parte...". O correto é cada um fazer sua parte, ser honesto consigo mesmo, e não tentar trapacear pq outro no seu lugar faria também. Quem pensa assim (como vc) merece ser sim julgado, não tem essa de que o cara vira assaltante pq cresceu pobre e ta tudo bem, ser honesto é ser honesto independente de classe ou posição, isso é questão de caráter. Sobre a comparação com o empregado negro, não dá pra se fazer pq de forma alguma ele está sendo desonesto ou imoral, por mais que seja doído acatar desaforo, ele pode dormir com a consciência tranquila de que não está fazendo nada de errado. Se vender vai da cabeça de cada um, mas o cara que paga suborno é tão errado nesse mundo quanto o que cobra.

É, realmente o dinheiro manda nesse mundo. E eu não sabia dessa história. Vc tem razão. Cadeia para esse sujeito ainda é pouco, mas já seria bom. O que eu quis dizer no comentário anterior, é que algumas pessoas, independente do gênero, se valem de acordos sexuais para conseguir ascensão profissional. Porém, erradamente tomei como base os dias atuais. Me esqueci completamente das dificuldades de outrora. Hoje em dia qualquer um faz um vídeo de denúncia e posta na internet. E rapidamente alcança um número inimaginável de visualizações. Antigamente não existia isso. Peço desculpas.

"Deveriam ter dito NÃO, e passar a procurar emprego em outras empresas do ramo. Quantos fizeram isso?" Pois eh cara, como tu reconheceu depois, eh fácil falar. Como você mesmo disse, quem diz "não" cai no ostracismo. Tu não percebe que se cria uma situação de refém ai? Se você parar pra pensar, diariamente no nosso mercado de trabalho mesmo, a gente já engole alguns sapos, e "naos" que deveríamos falar pro chefe. Imagina se tu ta num lugar como Hollywood??

Sim, tem razão. Cadeia nele. Tem que ver sol nascer quadrado pra aprender.

"pra cada teste do sofá aceito é o mesmo que tirar a vaga de um concorrente de forma desonesta" Hmmmm, por que na tua concepção o empregador que impõe a uma pessoa que ela faça teste do sofá, vai dar chance pra outra conseguir a vaga de forma honesta? Hahahaha Olha, existem casos e casos. Nem o teu discurso nem o meu se aplicam pra tudo. Sim, uma pessoa tem que saber ate que ponto eh aceitável pra ela se submeter a algo pra conseguir carreira, dinheiro e afins, enfim "vender a alma". Mas por outro, a gente n pode ter esse posicionamento de "apontador de dedo" que simplifica as coisas como se tudo dependesse da pessoa que aceita ou não. Digamos q tu, sei la, seja negro e trabalhe numa repartição e dai tu leva um esporro homérico do teu chefe, com direito a injuria racial e outras coisas. Tu sairia desse lugar na hora e o denunciaria por crime (o que, moralmente, eh o certo), ou pensaria bem, pq dai tu ficaria desempregado e não teria como pagar as contas no fim do mês, assim "vendendo a alma" pro diabo e compactuando com uma coisa errada? Na boa, se uma pessoa aceita o teste do sofá, isso mais culpa de quem impõe do que dela própria. Relações de poder são assim.

Só foi uma piada , oxi.

Denunciado na hora? Quem ia conseguir denunciar Harvey Weinstein por assédio sexual? Uma modelo italiana o denunciou na época e ele subornou toda a polícia para abafar e silenciar o caso. Nenhum mulher tinha nenhum opção ou alternativa senão fugir da cidade e abandonar a carreira de atriz ou aceitar o acordo com ele. As mulheres não tinham opção!

Se eu me lembro bem o Elijah Wood mencionou que ele quase foi vítima de pedófilos em Hollywood mas os pais dele conseguiram protege-lo e afasta-lo dos produtores pedófilos. Infelizmente Corey Haim e Corey Feldman não tiveram a mesma sorte.

Existe um produtor em Hollywood chamado Scott Rudin que muitos dizem ser o "Harvey Weinstein gay", que pratica a mesma coisa que o Harvey mas com rapazes.

A pessoa iria andar de cadeira de rodas e o Terry ia ter a sua carreira destruida e talvez até mandado pra prisão. Não se trata de força física, se trata de status e poder. Estupradores com muito poder e influência não tem medo de ninguém, nem de um Dwayne Johnson ou de um Terry Crews.

E infelizmente casos de pedofilia acabaram com a vida de atores jovens e promissores, como do ídolo adolescente dos anos 80 Corey Haim, mas ninguém nunca fez nada sobre isso e os estupradores continuam mandando em Hollywood.

Uma delas falou na época (parece que foi uma modelo italiana) e denunciou ele a polícia, mas o caso foi abafado pelo polícia. Muitas nunca falaram publicamente nada porque não seriam acreditadas e o Harvey destruiria a carreira delas com todo o poder que ele tinha.

E sobre o Robert Rodriguez (seu ex) e o Tarantino? A Rose não vai se manfestar?

Quero ver quem terá coragem de denunciar os podridão que acontecem na Globo

Triste verdade

Sei que não, acontece que a parte do "acordo" não era o unico problema envolvendo esse cara. Não esqueça das partes da materia que falam sobre "Duas mulheres disseram à New Yorker que o produtor as estuprou, fazendo ou recebendo sexo oral e vaginal de forma forçada. Outras quatro mulheres, que trabalharam na The Weinstein Company, empresa fundada em 2005 depois que os irmãos deixaram a Miramax, disseram que ele se masturbou na frente delas."

Hipocrisia do carai. Primeiro aceitam o assédio desse medonho. E depois de conquistar tudo na vida por conta disso, vêm a público denunciar 20 ANOS DEPOIS. Tinham que ter denunciado na hora, no ato. Mas pensaram primeiro na carreira. Cadeia pra esse cidadão aproveitador e verniz para essas atrizes passarem na "cara de pau" delas que, por ficarem caladas, no mínimo ajudaram esse cidadão a continuar com suas práticas, causando mais estrago na vida de outras mulheres.

Ele, do modo dele, sugeria o acordo. Algumas disseram não e meteram o pé. Outras ficaram e ganharam o Oscar. Só estou comentando, não estou dando razão a ele. Nada justifica o comportamento dele.

Concordo.

Acho que ele apenas está dizendo que isso acontece há mais de dois mil anos. Bom, ao menos foi o que eu entendi.

É verdade.

Eu até faço, mas se trocar, trocou. Vida que segue. Não vou chorar por isso.

Antes tarde do que nunca.

Tanto direita quanto esquerda se difamam por conta própria. O Omelete só respeita as coisas (como a vida e as orientações sexuais diversas). Se fossem realmente de esquerda, criticariam filmes como Batman, Kingsman, etc pois todos eles vão de contra a ideais de esquerda.

Não existe do modo como NÓS aplicamos no Brasil.

fora que ate o Terry Crews ja foi asseadiado e nao fez nada. Imagina um cara daquele tamanho ter medo do que pode acontecer com ele se ele meter um soco na cara do safado que pegou nele?

pois entao deve ter a separaçao em quem faz isso e nao ve problema e entre que nao quer fazer isso e é assediado mesmo assim. acredito que o simples fato de alguem dizer nao já deveria ser suficiente pra pessoa parar. pelos relatos que eu tenho lido o cara avançou mesmo assim, a ponto de algumas terem que fugir. fora que sempre tem o lance de que tu fica se perguntando se tu fez algo errado, se tu deu abertura, qnd na verdade o cara que se passou.

Cada vez que essa mulher abre a boca pra fazer uma declaração sai algo brilhante e certeiro.

O que não justifica assédio e estupro. Uma coisa é um "acordo" entre mulher e produtor no qual ela faz aquilo pelo papel, outra é o que esse cara estava fazendo.

Você está tentando justificar?

...QUEM QUER O PAPEL, faz por onde....isso também ocorre na GLOBO. quer ser atriz ?..aparecer ?...estrelar?...É assim desde os primórdios !

Exato o que muita gente aqui não parece ter entendido, tendo as varias acusações as vitimas seja pela demora em denunciar ou "ganho delas com isso" e esquecem do quanto e traumatizante e difícil a questão do assedio sexual, ainda mais quando se é jovem e em inicio de carreira.

Se você ver o vídeo ele claramente não pegou o peito dela....... pediu desculpa pra não prolongar a polêmica só !

isso aí é a ponta do iceberg. Pedofilia la reina.

Sério omelete, e a outra acusação contra o Ben Affleck, não vão postar? Achei de uma cretinice sem tamanho o Twitter ter cancelado a conta da Rose Mcgowan, e o Ben ter a audácia de mentir na cara dura dizendo que não sabia dos assédios, só para posar de 'bom moço', mas quanto oportunismo.

Kkkkkkkk

Jahahahahahahahahahahahshahahshsha eu gostava dela como atriz ficou completamente zoro

Olá. Cara a unidade federal é laica, porém o país é majoritariamente Cristão, isso é um fato. A convivência aqui sempre foi pacífica e permite até o sincretismo religioso. Onde se vê isso em países onde o Islã é a religião e o Estado? A pacífica, na medida do possível, convivência entre grupos de religiões diferentes é praticada justamente nos países onde a grande maioria é Cristã ou seja, o ocidente em geral. Então, eu não engrosso as fileiras do anti-cristianismo, pois mesmo conhecendo pontos onde há falhas, a nossa base cultural e social foi moldada na fé Cristã.

Pois é. Ela teria feito um acordo judicial com o Harvey... Acho essa mulher muito escrota também...

Quero ver quando descobrirem todos os abusos que foram feitos com o Robin...o coitado ficou conhecido como prega frouxa.

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus