Power Rangers
Filmes - Ação, Aventura
Power Rangers (2017)
(Power Rangers)
  • País: EUA
  • Classificação: 10 anos
  • Estreia: 23 de Março de 2017
  • Duração: 115 min.

Power Rangers | Crítica

Heróis coloridos ressurgem no cinema à base do drama adolescente

Na Hollywood dos super-heróis, acertar o tom de um filme de repente virou uma das maiores preocupações de um fã e a maior prioridade de um estúdio. É "sombrio e realista" para lá, "lúdico e cômico" para cá. É filme alcançando classificação para maiores de 18 anos em busca de um suposto respeito ao material original. Em sua nova versão para o cinema, Power Rangers faz dessa obsessão um exercício de excelência.

Afinal, é em "acertar o tom" que reside o maior desafio da nova adaptação, que propõe uma atualização para 2017 deste frankenstein criativo de cenas de luta japonesas e atores ocidentais sobre um grupo de heróis coloridos que, apesar da popularidade incontestável, sempre teve um quê de brega em sua essência. Muitos fãs queriam o caminho hiperviolento de filmes como Logan e o Batman de Christopher Nolan. Já outros preferiam a manutenção da essência juvenil mostrada na televisão.

O longa de Dean Israelite consegue unir um pouco de cada visão, mas não para sustentar um equilíbrio, e sim para contar uma história que, apesar de não parecer, também tem tudo a ver com os rangers: a de auto-descoberta e crescimento. Em busca da mesma explosão que catapultou ao cinema um gênero literário representado por Jogos Vorazes e Divergente, Power Rangers faz da adolescência o seu tema central e peça-chave para as cinco histórias de origem contadas em tela.

Em uma preocupação com o desenvolvimento de personagens vista raras vezes na franquia (e menos ainda nas primeiras temporadas da série), o filme reserva uma quantidade de tempo fora do comum para mostrar quem são Jason (Dacre Montgomery), Kimberly (Naomi Scott), Zack (Ludi Lin), Trini (Becky G) e Billy (RJ Cyler, rouba a cena).

Jogados à margem da vida escolar, cada um à sua maneira, os cinco se veem unidos na descoberta de um poder misterioso em uma mina de ouro, mas logo descobrem mais coisas em comum do que imaginam no desafio de vencer seus dramas pessoais.

Mas, no caminho, haja sofrência. Embora exista uma certa naturalidade para tratar temas como bullying, a perda de entes queridos e homossexualidade, também há uma boa dose de dramas escolares. Ao redor disso, o filme vai estabelecendo também a mitologia dos Rangers, subvertendo o que for necessário para fazer tudo caber dentro da narrativa e criando conexões rápidas e simples entre os demais fios da trama - a ligação entre Zordon (Bryan Cranston) e a vilã Rita Repulsa (Elizabeth Banks) aparece na primeira cena e é bem o que os fãs teorizam há tempos.

A tacada de mestre, entretanto, está no fato de os jovens precisarem criar vínculos reais de amizade para conseguirem, de fato, assumirem o título de Rangers. Antes de se transformarem em heróis, eles precisam abandonar a insegurança, o que une os dois "lados" do filme de forma simples e competente. De resto, as referências servem ou para o velho e bom fanservice, ou para preparar o terreno de uma continuação - a Lionsgate, braço financeiro do projeto, não esconde a vontade de ter um novo universo cinematográfico em suas mãos.

Em sua prioridade ao contar as histórias dos cinco Rangers e em estabelecer um universo, o filme acaba pecando no que mais chamava a atenção dentro da série original: as sequências de ação. Seja por decisão criativa, seja por economia no orçamento, fazem falta mais sequências de luta, em especial com o grupo de heróis vestindo seus trajes.

O que é mostrado, entretanto, consegue o incrível equilíbrio tão buscado quando se fala em "acertar o tom" de uma adaptação. Ainda que os efeitos especiais não sejam um primor, o filme acerta um bocado nas raras vezes em que os Rangers entram em ação, com coreografias espalhafatosas em seus uniformes berrantes. O mesmo não acontece com tanta eficácia nas lutas dos Zords, que por muito pouco não passam por uma versão genérica de Transformers.

Mesmo com estes tropeços, a missão dos Rangers (e da adaptação) tem êxito. Equilibrada entre duas visões radicalmente diferentes de um público que ansiava há tempos por uma releitura moderna da franquia, a equipe de heróis coloridos ressurge com uma sólida história de origem.

Nota do crítico (Ótimo) críticas de Filmes
 

Eu gostei muito do filme. Gostei da pegada dos problemas de adolescentes que o filme aborda, gostei da forma como eles remodelaram a origem dos Rangers, gostei até mesmo dos uniformes e dos Zords. Entendo que pro pouco orçamento, eles tiveram que reduzir demais o tempo em tela dos Rangers morfados e dos Zords, mas acho que o pessoal dos efeitos fizeram um bom trabalho. Torço para que tenha continuação, apesar de estar zero confiante.

De nada.

Bom gostei descontando! Achei legal abordar assunto da alta descoberta na adolescência e tal, mas o que me entristeceu foi os uniformes que não curtir como a própria crítica disse "Berrantes" e mega Zord na cara de transforme. E outra coisa, como o filme visava o realismo uma gafe imperdoável aconteceu; ao lutarem com o monstro da Rita nenhum dos Rangers se preocupou em tirar o monstro da cidade, pois existem vida na cidade pessoas vivem nelas, o que quero dizer que essa parte de lutar dentro da cidade é surreal, o correto seria de retirar o monstro da cidade algo que não aconteceu no filme. Entretanto foi legal reviver a série, como o filme não contou a cronologia das séries não será possível fazer um salve aos outros Power Rangers que existiram na década de 90 até 2000.

Meu eu nem tinha visto😱... Vlw, muito obrigado!

eu que assisti o Power Rangers clássico tinha expectativas bem baixas em relação ao mas me surpreendi com construção e evolução dos personagens, detalhes explicando pontas deixadas pelas series, a forma como morfaram e só pecou na luta com zords e o final do final deu a sensação que pode ter uma possível continuação...

Gostei do filme, mesmo achando a série de tv bem babaca.

Gostei do filme, me diverti muito, dei umas risadas, fiz um meh pra esse adolescentes de hoje mas gostei mesmo do filme, vi sem pretençao e sem buscar a serie antiga pra infernizar a cabeça, recomendo. Filme sessão da tarde.

O Filme é ruim! Terrível! Um dos piores que já assisti, no nível do House of the Dead. Não dá para levar em conta essa nota de 4 ovos! Custou U$ 100 milhões e arrecadou U$ 142,027,054. Certamente não vai ter outro!

Filme ruim eu deu sono elenco mau escolhido historia ruim exessivamente lento elenco sem nenhum carisma so dois ponto positivo a rapida musica original e o tommy e a kimbely q aparecem por alguns segundos no final do filme pessimo dos pessimos

É... Não assisti mas, pelo conteúdo desta página, percebi que, em vez de lançar um novo "filme" para antigos fãs da antiga série, a intenção é a de sempre: ganhar "cascalho" impulsionando uma "nova" série. A propósito, os comentários parecem, como sempre, ser mais úteis do que as crônicas destes sites sobre filmes. Aliás, esses tidos "críticos", "especialistas" coisa e tal deveriam, com tantos filmes que lançam hoje em dia, se especializar por gênero, ou por produtora, ou por direção, pois digitar grandes textos todo mundo sabe, agora objetividade é uma virtude que eu acho que nem todos têm e... É, eu também não a tenho, afinal, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá... Meu compadre, eu só estou aqui apenas para saber se vale ou não a pena baixar a porcaria do arquivo do filme, mas vou acabar é tendo de assistir essa bagaça para formar, eu mesmo, uma opinião!!! Raiush!!!

Achei o filme muito bom de uma forma geral, conseguiu esclarecer bem o inicio de tudo, não foi como na série original que do nada eles ganham as roupas e saem por ai lutando. a parte mais desempolgante foi no final com o megazord e o goldar que ficaram muito a desejar, parece que faltou tempo para fazer essa batalha, goldar era pra ser no tamanho normal, muito forte para no final crescer e ai assim o Alpha 5 ensinar a eles como juntar para formar o megazord. outro detalhe foi que a musica tema do original entrou meio que do nada, eles poderia ter elaborado algo instrumental maior que no fim das contas se transformasse no tema classico ou reestilizado que ficaria muito melhor como foi I Get Power nos créditos.

isso mesmo cara. (Y)

Que filme horrível cara! Não entendo como falam mal de Tartarugas Ninja 2 - Fora das Sombras que recebeu nota 2 AQUI no omelete e dar 4 pra esse troço: https://omelete.uol.com.br/filmes/criticas/as-tartarugas-ninjas-2/. Sério mesmo, acho que o crítico desse filme nunca jamais deve ter sequer terminado de assistir 1 série inteira de Power Rangers, e olha que eu assisti vários, só de cabeça eu lembro do Turbo, Dino, Força Selvagem, Super Patrulha Delta, o dos Ninjas, Samurai e o último que assisti que acho que era Força Mística. E esse filme eu garanto para vocês que é uma perda de tempo, retrata muito mal os personagens quando comparado ao seriado e faz uma adaptação do comportamento dos Rangers nojenta para os dias de hoje. Para gostar desse filme você não deve conhecer os Power Rangers de verdade. E Nunca, eu disse nunca mesmo está no mesmo nível de Homem-Aranha: De volta ao Lar: https://omelete.uol.com.br/filmes/criticas/homem-aranha-2017/ P.S: A maquiagem da vilã desse filme está no nível daquelas maquiagens com massa, faltando muitíssimo uma pós produção que não houve em várias cenas do filme, deixando bem visível o quão falso era. Falando em pós produção parece que esqueceram de fazer e só fizeram em cenas animadas, que estão terríveis por sinal. A sensação é de que o filme está incompleto e de que alongaram o filme para quase 2 horas sendo que daria para fazer em 1 hora e meia.

O filme é bom sim, quando assistimos pela primeira vez os PR, os efeitos e as tramas eram uma gosta não chegam nem aos pés desta adaptação e mesmo assim nós gostamos. Apresente esse filme a algum sublinho o filho e depois pergunte se ele gostou, pois o foco é o mesmo desde aquela época: crianças pre-adolescentes e não pra críticos barbados que tem boletos a pagar! Eu daria 5 ovos pois o filme é divertido, os atores escolhidos conseguem criar uma química foi acertado em cheio!

Pois é. Foi tão rápido que até eu custei a a acreditar.

Mesma coisa aqui

Caraca não percebiiiii issoo...

Esse filme não faz sentido algum.

O jeito como a vilã é derrotada nesse filme é uma das coisas mais absurdas que eu já vi,e por que as moedas desaparecem da trama e algumas coisas iconicas da serie não são apresentadas como as armas individuais que só o vermelho usa.

Perdi 2h da minha vida vendo esse filme ruim e entediante. Se pegassem um único episódio da primeira temporada e lançassem nos cinemas teria sido melhor.

Eu gostei de tudo e em especial amei a Rita. Mas cara o q me deixo puto foi a relação de Zordon com os rangers...Caralho meu, q Zordon ridiculo e frio. Serio o efeito do Zordon foi D+, mas a personalidade dele foi totalmente ridícula. O Zordon da serie é um ser acolhedor, bondoso e humilde. Os MegaZords foi top, tirando o da Rosa e do Preto q foi feio pra pesti, ( podia ter caprichado no deles) em compensação o tiranossauro valeu por todos. O Alpha 5 eu gostei muito foi um amor de robô. Gostei d ter abordado homossexualidade. Em fim tirando as coisas q falei eu curti muito o filme e espero q tenha o 2.

O filme é ótimo !

Dai fui ver pensando "vai ser ridículo e vou rir disso" pra quebrar a cara... gostei mesmo.

Homenagem a Kimberly e Tomy ou são eles mesmo? http://prntscr.com/fla95k

Bela de uma bosta esse filme as vezes querem modernizar de mais e acabam estragando trazes horríveis zords ruins mega bosta parece o satanás de chifres

Melhor que Esquadrão suicida... infelizmente..!!!

Acho que vc tem um admirador. kkkkkk

Exatamente!

Levantei da cadeira aqui *Palmas*

Assisti hoje e gostei até. Não posso comparar com a série pois nunca a assisti, nenhum capítulo sequer. Como filme até que foi legal, demorou 1h30 pra turma colorida aparecer, mas foi divertido. Talvez seja por isso que me agradou, não posso ter como base o seriado. E quem sabe um filme do Jaspion também não seria má ideia... :p

Assisti p filme hoje cara... deram 4 ovos... eu não daria nem uma das minhas bolas pelo filme. Muito ruim... um episódio da série antiga dava pau nesse longa. Eu brincado quando criança com os hominhos dos personagens dava mais emoção.

Porque se importa tanto com isso cara? Se não gosta pra que perder seu tempo pra ficar falando mal, isso é falta do que fazer? A continuação do filme é uma incógnita, só saberemos se vai rolar ou não quando o estúdio se pronunciar sobre isso, então até lá tudo é apenas especulação. Eu assisti e gostei do filme, assim como muita gente, vc deveria assistir pelo menos antes de ficar criticando algo. O filme tem defeitos sim, eu não neguei isso em momento algum, mas ele tem muitas qualidades, e eu prefiro enxergar o que ele tem de bom a oferecer do que os defeitos.

Comentário de 2 meses atrás, mas de um assunto que ainda está relevante, não concorda? Olhe as notícias mais recentes deste site. Fanboy tem que usar a cabeça, mesmo sendo fanboy. Se não usar, não pode obrigar os outros a fazer o mesmo.

É sério que vc veio num comentário meu de dois meses atrás pra ficar fazendo intriguinha? Quantos anos vc tem? Sou fanboy sim, qual o problema? E outra, vai ter continuação sim e vc vai ter engolir, então vai achar outra coisa pra fazer, bjs.

Eae, fanboy. E agora? talvez nem tenha continuação. Criticava aqui a falta de efeitos práticos, atuações aparentemente medíocres (só pelos trailers), CGI em excesso (só em trailers) e tu defendia até a morte. Acontece.

O que me incomodou muito no filme foi a falta da "transformação" dos Zords em Mega Zord. Sabe aquela ceninha que assistimos em todos os Eps dos PR? Pois é... Diretor retardado em colocar uma cena que os Zords caem em um buraco e ressurgem como Mega Zord... OBS: Goldar MUITO tosco!

tomara que no segundo seja o guilermo del toro a dirigir! imagina os megazords como no filme circulo de fogo!

Filminho tão bosta que os caras nem se deram ao trabalho de escrever uma crítica... Mandaram o estagiário fazer, e o cara vai e me dá 4 ovos pra esse filme ridículo! Filme esquecível e muito aquém do que os fãs antigos esperavam. Drama adolescente desse nível eu vejo nas séries da Nick. Duas horas de filme e eles aparecem como Power Rangers em apenas uns vinte minutos. Ruim.

Eu só discordo da parte que faltou ação, pois tiveram muitas, o que talvez tenha faltado foram cenas deles morfados, mas a história deixou claro essa parte, então essa parte não me incomodou. Achei o filme na medida certa, teve humor (cara ri muito com Billy), teve ação, teve drama, enfim adorei o filme, principalmente por ter mostrado a origem dos Rangers, foi uma ótima adaptação. Estou torcendo para que tenha continuação.

Achei o filme muito bom! Senti minha infância respeitada por essa adaptação. Agora respeitosamente tenho que discordar de todo mundo que critica a falta de ação do filme. Quando o filme pouco em ação e mais no desenvolvimento dos personagens, todo mundo critica falando que falta ação. Quando o filme foca na ação (exemplo perfeito do Man of Steel) a galera critica que não desenvolve bem os personagens. Se você encarar a perseguição de carro dos 5 na Van do Billy, o treinamento e o final, teve ação suficiente para um filme cujo objetivo não era esse... era apresentar os personagens. Aprofundar em cada um deles e nos fazer mais conectados com eles. Achei, sim que valeu a pena. O filme não comete o erro de criar uma trama mal fechada e roteiro furado para encaixar na ação. Na verdade a ação que serve de plano de fundo para fechar com louvor um filme sobre a introdução de personagens adolescentes. E como toda franquia, caso realmente haja o segundo, dará mais espaço para ação que todo mundo reclamou que não teve.

"muitos fãs queriam o caminho hiper violento de Batman do Nolan". Como assim? O Batman do Nolan não é hiper violento nem aqui nem na China. As cenas de ação da trilogia beiram ao regular.

Achei ruim, a única parte boa.foi.a.do.comeco... Sou da geração que assistia a clássica...

Queria ver o Hessel fazer a critica deste filme... mandou o estagiário fazer e o cara sapeca 4 ovos... dificil viu... Rotten Tomatoes 48%...

Tô não. Logan nem é tudo isso.

calma ai não vc ja esta exagerando calma filho

concordo plenamente muito foda

vc esta velho de mais para isso

tive o mesmo sentimento

finalmente um comentario positivo a pegada do filme esta diferente mais quando chegar na cena de luta ai meu amigo a historia vira completamente muito bom mesmo

Acho meio batido esse papo de fã "purista" de tokusatsu. É meio que tipo: "Ahh minha infância foi melhor do que a sua por esse ou tal motivo." Não podemos ter a pretensão de comparar esse tipo de coisa. Até porque se tivessem feito os Power Rangers nos anos 80,quem garante que não seria a mesma febre? O que difere PR de séries tokusatsus originais talvez seja um enredo um pouco mais elaborado. Mas nem por isso menos infântil. Gosto de ambas as séries,originais e americanas.

Concordo plenamente!

ver Now >> http://bit.ly/2nwrqgI

GitS estreou em quarto lugar nos EUA, com 19 milhões. Foi um pouco melhor no resto do mundo, mas a essa bilheteria tá longe do ideal.

A bilheteria tá bem morna. O filme vai se pagar, mas não dar muita renda ao estúdio.

Gostei muito da crítica do Bruno, mas daria 3 ovos e não 4...Pela falta de lutas...

A realidade o filme me deu um pouco de ''sono'', esperando a sequência para um desenvolvimento mais amplo...mas quanto aos personagens..sim de fato foram muito bem explorados e não personagens pré-prontos como a saga nos joga#Sim faltaram boas cenas de ação, mas pelos trailers a gente já presumia que ia ser somente aquilo#Trouxe sim uma gostosa nostalgia

Dá pra dar 2 ovos, sendo camarada. Power Rangers que lutam nos últimos 20 minutos (e olhe lá). Elenco principal bem fraco, principalmente a ranger amarela (que atriz horrível). O humor não funciona, os dramas são forçados e os diálogos bobos. O que ficou muito bom foi o visual! E QUE sequência de abertura, cheguei a achar que o filme seria muito bom (até os primeiros 10-15 minutos)

Sou fã do negócio. Fui de camiseta especial e tudo. Tem cenas legais, tem cenas necessárias (o começo todo, que precisava mesmo), mas o filme é ruim. Tiveram várias cenas, que poderiam ter sido aproveitadas de maneira diferente. aquela sensação de ver uma cena, e depois pensar "Nossa, poderia ter sido muuuito melhor. Desperdiçaram a oportunidade de fazer uma cena massa". E isso aconteceu praticamente em toda a parte de power ranger deles. Algumas poucas cenas de humor ficaram boas, outras não deu nem pra entender. Acho que isso foi um roteiro até bem legal, ideia muito boa, mas a direção de segunda divisão ruim, não chega a ser péssima, mas definitivamente ruim. Tiveram cenas que pareciam de filmes de baixo orçamento, não tinham um refino, parece que foram filmadas uma vez e pronto. Sai do filme triste, do mesmo jeito que sai do cinema ao assistir Dragon Ball Z: Batalha dos Deuses, pensando que eu preferiria que não tivessem feito o filme, para que em um futuro próximo fizessem algum outro. Fui na doida achando que estava indo ver uma obra prima pelas críticas.....Talvez a história seja muito boa, mas a transmissão dela pelo filme, não foi tão boa assim

O filme é ruim, não importa a idade

Achei legal que a Elizabeth Banks que é uma ótima atriz cômica honrou o trabalho da Machiko Soga e a música do Kanye West ficou bem legal na batalha final na Alameda dos Anjos.

Eu gostei bastante do filme e achei legal que a Elizabeth Banks honrou o trabalho da Machiko Soga fazendo uma Rita Repulsa bem humorada e ao mesmo tempo cruel lembrando a Bruxa Bandora.

Queria ter gostado. Tem bons momentos mas é fraco no fim.

A critica foi feita por um fã da serie, que gostaria do filme de qualquer jeito. Power Rangers está impactando muitas pessoas pela nostalgia e o Bruno foi pego. E no fim, o filme é para esse publico, quem não gostava de PR não vai gostar agora.

Conferi domingo agora, e achei bem legal, me e tetéu do início ao fim, gostei dos personagens pra caramba, história, os efeitos realmente as vezes peca um pouco, mas nada que comprometa o filme! Recomendo a assistirem o filme!

O Jason David Frank e o Walter Emanuel Jones também aprovaram o filme

Cara...eu vi o filme e achei muito legal...teve várias referências...foi uma baita nostalgia...recomendo

O filme é maravilhoso! Não tem como fazer um filme de origem com ação do início ao fim. Ficou perfeito assim. Vc realmente se importa com os personagens, e torce por eles, e para que eles se entendam e consigam morfar. Cada referência, cada fanservice fizeram com que o filme fosse empolgante e nostálgico, e mesmo assim dando indícios e preparando o terreno para o início de uma franquia. Eu adorei, não mudaria nada.

Eu já acho que o filme poderá agradar igualmente aos três. É realmente muito bom.

Resumindo: não parece adequado (a classificação etária é 12 anos) para meu filho de 4 anos, que assiste ao seriado no Netflix e quer ver no cinema; nem para o outro filho, de 9, que acha o seriado infantil e bobo e não quer ir ver no cinema; nem para mim, que iria só pra acompanhar e ver um pouco de ação e efeitos melhores que na TV. 3 espectadores a menos.

HAUHAUHAUHAUHAUHAUHUAHUAHUAHUAHU!!!!

eu me refiro especificamente a crítica

"Claro que tem uns tropeços (na luta dos robôs)" kkkkkkkkkkk genial, eu peguei a referencia!

Isso tudo faz a morphagem ficar ainda mais legal <3

Concordo. Melhor que Logan.

Eu vi o filme esse fds... e ADOREI!!! É uma atualização muito, muito bem feita! Dá todo um pano de fundo aos personagens, coisa inexistente até então, e você realmente se importa com eles - a detenção lembra Clube dos Cinco. Aliás, os atores que fazem Jason, Billy e Kimberly estão ótimos (grandes achados), e a primeira cena, com Zordon e Rita, é MUITO LEGAL! Claro que tem uns tropeços (na luta dos robôs), mas nada que diminua o filme. Talvez tenha faltado um pouco mais de luta deles morphados (aliás, a cena da morphagem é ótima), mas tudo bem.Eu gostei do que eu vi e já tô ansioso pela sequência!!! Ai ai ai!! (PS. gritei feito um louco quando tocou GO GO POWER RANGERS!!!) Kkkkkkk

claro que diverte, é isso que eu procuro num filme, eu num fico procurando defeito em roteiro, cg ou direção sla, eu procuro me divertir

Acho que você está velho de mais pra isso

Vc viu o veredito?

ALGUMAS VZS. OK😉

O filme foi FODA D+!!! Esse filme vai me fazer ir no cinema mais de uma vez, assisti legendado na estreia e agora quero ver o dubladão. O único filme q tinha me feito repetir a ida ao cinema foi o primeiro Jurassic Park, mas dessa vez ñ vai ter jeito. VOU DE NOVO!!!! Go Go Power Rangers. \o/\o/\o/\o/\o/ Boooommm

Vc esta velho de mais para isso! ;)

o filme é ótimo , achei demais a cena de abertura com o antigo ranger vermelho !!

Gente eu amei esse filme, bateu uma nostalgia que chorei de tanta emoção.

foda foda foda ..eu tava com o hype baixo desde os trailers .mas supero rapaz eh muita nostalgia..tanto na musica go go power ranger tanto na hora q os ranger antigos aparecem.chorei

Porque do elenco "teen" ele é o que tem os melhores trabalhos, carregando inclusive uma indicação ao Critics Choice Awards por "Me & Earl and the Dying Girl".

O parâmetro, enquanto princípio, deve ser base sólida e imutável para servir de fonte de comparação. A opinião alheia, e mais do que isso, a opinião de um grupo isolado de críticos, é subjetiva e parcial, não é parâmetro para nada e não deveria ter tanta importância na formação da sua própria opinião, dona Martha.

Foi bom pela nostalgia, mas não vale 4 ovos não. Não mesmo. O fanservice salvou o filme, na minha opinião, os 10 segundos da música clássica da série foi a melhor parte. Ou talvez eu já estou velho demais pra isso.

Salvou o filme!

Concordo. Ou talvez deve ser porque já tenho 29 anos. 4 ovos tá de brincadeira. Mas pra não dizer que o filme é ruim, os 10 segundos da música clássica salvaram o filme.

Acho que você não sabe o significado da palavra parâmetro. O parâmetro é o princípio o qual vou comparar com a minha opinião.

Você esqueceu que o Jason David Frank também aparece junto com a Amy Jo Johnson e sem contar que ele tá postando no facebook o making off desse cameo

Só posso dizer que a demora pra vestir o uniforme me fez ficar cada vez mais vidrado no filme.. E quando aconteceu, até chorei... top demais! A propósito... alguém percebeu que a verdadeira Kimberly aparece no finalzinho do filme?

achei ótimo a questão do desenvolvimento dos personagens, e não ser só tiro, porrada e boba, até porque é só o filme 1, tinha q ter introdução, origem, essas coisas, se não fica superficial e não funciona. Achei muito bom, inclusive a maravilhosa rita repulsa e zordon como fizeram, os dois com muita veracidade e credibilidade, e mesmo assim com traços da série.

E de repente eu estava sentado no cinema com cinco anos de idade de novo... E segurando o melhor balde de pipoca já criado (muito obrigado Cinemark!!!). Power Rangers foi o seriado mais importante da minha infância e como estou feliz com o que fizeram com este filme... Criaram uma mitologia muito rica e construíram personagens com profundidade e personalidade. A série clássica é conhecida pela diversidade dos protagonistas e aqui mantiveram a representatividade com direito a um personagem autista e uma homossexual, o que não é necessariamente a principal característica deles, mas faz parte do que são, achei muito bem colocado. Zordon tem muita presença em seus minutos de tela graças ao grande Bryan Cranston e deixa de ser só uma cabeça num tubo passando a ter uma história mais aprofundada e também suas próprias intenções. Rita Repulsa é interpretada perfeitamente pela atriz Elizabeth Banks, que dá alguns toques de horror e também de humor em suas cenas sem parecer caricata demais, sendo o seu melhor momento o primeiro encontro dela com a Trini ("Eu mostro a minha se me mostrar a sua", alguém mais percebeu o duplo sentido?). Infelizmente os defeitos do filme estão nos seus poucos minutos de ação (claramente uma consequência do orçamento do filme), que deixam uma vontade de querer ver mais. A sequência na pedreira é muito curta e a edição tem muitos cortes, realmente ficou devendo. O momento em que os Zords surgem é legal e não tem como não ficar contente ouvindo o tema clássico "Go Go", mas é outro momento curto que poderia ter durado mais, assim como a batalha contra o Goldar. O potencial para essa franquia é enorme e realmente espero que o filme consiga conquistar o público e fazer uma boa bilheteria. Agora que fomos introduzidos a esses personagens e a esse universo chegou o momento de expandir e mostrar mais. Afinal, Angel Grove tem um novo aluno, e nome dele é Tommy Oliver. É hora de morfar! PS: Que cena maravilhosa aquela em que os rangers surgem caminhando após a morfagem, a trilha sonora fez eu me arrepiar todinho!

Eu to de cara e muito feliz do quando esse filme é bom <3

Juro, tenho certeza que você dá a toba na esquina.

Porque ofender os atores... vagabundos? O que sabe deles? Vagabunda é gente azeda que se acha um máximo e adora postar porcaria em site de cinema jurando que é cinéfilo!

Ótimo! Fale por você, não envolva outros fãs só porque você não gostou!!! Sempre fui fã e esse filme superou inclusive séries antigas!

Aliás, tem muito filme Oscar por aí que é um saco!

Pois o filme cumpre esse papel, acreditem você ou não. Conseguiu divertir e muito! E ainda conseguiu mostrar muito dos personagens. Se a série antiga não estava nem aí para isso, o filme teve esse cuidado, acostumem-se.

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus