Filmes

Aplicativo brasileiro analisa representatividade feminina no cinema

Estudantes da PUC Rio criaram ferramenta
-

Alice, um aplicativo criado por estudantes da PUC-Rio, analisa a representatividade feminina em obras de cinema.

A ferramenta, disponível na App Store, permite a busca por filme para descobrir se o longa passa no Teste de Bechdel, isto é, se mostra duas personagens femininas interagindo e conversando sobre algo que não seja homens. Ainda, é possível descobrir se há mulheres na equipe de produção do longa. O app tem 60 mil páginas de filmes e perfis de 42 mil mulheres cineastas.

Ana Cardoso, Felipe Viberti, Gabriella Lopes e Guilherme Marques, criadores da ferramenta, fazem parte do Centro Técnico Científico da PUC-Rio. 

O aplicativo pode ser baixado clicando aqui

<i>"(...) permite a busca por filme para descobrir se o longa passa no Teste de Bechdel, isto é, se mostra duas personagens femininas interagindo e conversando sobre algo que não seja homens. <b>Ainda, é possível descobrir se há mulheres na equipe de produção</b> do longa."</i> Realmente, assistir um filme com mulher falando só sobre homens, deve ser tão chato quanto um filme com homem falando só sobre mulheres... se bem que cada um é livre pra ver o que quiser, não é mesmo?! Agora, assistir ou não um filme só porque tem ou não mulheres na produção... só pode ser piada!

Dispense o biscoito não. rs

Sim! Disse o rapaz da selfie.

Disse o rapaz da selfie.

Dispenso os elogios e o biscoito, sou intolerante à lactose. Mas obrigado por oferecer.

Tem um remédio pra essa doença egocêntrica aí, se chama espelho...fique em frente a ele e se enxerga.

uiii...vossa genialiade transborda com tamanho conhecimento. Meus parabéns! Quer um biscoito?

Todos os Dickus (Biggus ou não) caem.

Pois tente as Ciências Humanas e verás como a recompensa para programador é boa, rs. Saudações "W"omanas.

Sim! Aconteceu o mesmo com o meu há uns 10 anos. Não importava o assunto, ele só digitava palavras fáceis e uma série de letras sem sentido. Já passei por isso, por isso identifico rápido os sintomas. Resolvi depois de uma boa dose de leitura e chá de camomila. Se isso não resolver, conheço a esposa de um bom técnico de computação que vive em Constantinopla. O nome dela é Incontinentia Stupidus.

Encontrei buscando por "Alice: mulheres no cinema". Lembrando que por enquanto o app está disponível apenas para iOS.

Acho que ele pensa que a Segurança Pública é gerida pela PUC/RJ.

Peço genuínas desculpas se não me fiz entender. O tempo da internet costuma ser mais rápido que aquele necessário para uma boa reflexão. Portanto, serei mais específico (de uma maneira bem respeitosa, como é costume "w"omano): fiz referência ao que chamou de "intelectualidade infantil e rasa". Apesar de tanto tempo de estudos e meditação, Pai Mei, claramente ainda não entendeu o papel desempenhado por uma Universidade, sobretudo pública, na sociedade. O método científico surge como um instrumento para despir a ciência, ainda que falhe miseravelmente na busca pela "neutralidade", de qualquer dogma e/ou preconceito que a impeça de lançar luz sobre os mais distintos fenômenos (sejam sociais, biológicos ou químicos, por exemplo). Nesse sentido, cabe à Universidade assumir um papel de pioneirismo face aos problemas e inquietações que envolvem a forma como nos organizamos e interagimos socialmente. Pela amplitude desses problemas, é natural que tenhamos uma gama variada de áreas de estudos especializados em temas específicos, que podem ir desde um arquiteto que estuda a cultura material das construções de um dado período histórico/região, até um matemático que dedica uma vida ao Teorema de Fermat (e há muitos na história!). Frente a isso, não me estranha que certos temas possam incitar os mais diversos sentimentos naqueles que desconhecem os caminhos dos estudos científicos (eu mesmo ainda não entendi como diabos a "vibração" de uma corda pode formar um quark). Apesar de ser de outra área das ciências, particularmente não vejo problema nos esforços empreendidos para expandir nossos conhecimentos sobre uma imensidão de fenômenos, sejam eles sociais ou naturais. Assim, a teoria feminista é mais um instrumento analítico que em muito enriquece nosso conhecimento sobre a sociedade em suas complexas e plurais dimensões, tais como: economia, política e cultura (olha o cinema aqui!). Alonguei-me um pouco além do que usual na internet, mas devo dizer que o fiz muito inspirado pela sua provocação da "mente vazia". Não se sinta pressionado em responder, até porque já é um senhor de idade e provavelmente não poderia desenvolver para além do que diz o senso comum. Peço apenas que difunda a boa convivência na internet e dedique ao menos 1h por dia para conhecer melhor os elementos que pretende criticar. A reflexão é cortesia. Um abraço!

óbvio que é interessante que as personagens femininas, possam falar sobre TUDO, e isso inclue garotos também, por isso acho que é falho, e de uma certa forma restringe a liberdade da mulher, que as vezes deixa de ver um filme, apenas por um diálogo do filme!!

Não, li sobre esse teste uma vez e achei q faz sentido o conceito apesar de n concorda com o teste em si por ser falho pq uma mulher pode falar de um homem só por um momento e aí já não passa no teste, vejo um filme se nele tem personagens femininas que tão ali para falar de homem eu vou achar uma bosta, n vou deixar de ver o filme, mas a visão q eu tenho do filme vai ser ruim.

eu não tô encontrando. Qual icone ta?

Que coisa formidavel Amei. Felizmente o cinema ta mudando pra melhor.

uai, o que uma coisa tem a ver com a outra??

💩💩

Sou homem.

Esse tal teste de Bechdel é uma cartilhinha sim...vc sempre acessa sua cartilha antes de ver um filme??

Falei de forma direta esse método ai...apenas isso...se da sua boca sai merd@ e acha que dos outros também ai é um problema seu!!!

Ue, mas este método ai caracteriza como falha falar sobre homem, mesmo falando sobre outras coisas na sequencia!!!

"comentaristas" acorda feminazi

Criticar agora virou insegurança e mente pequena. Kkkkk Acabou o estoque de "istas"?

Se o filme não passar no Teste de Bechdel acontece o que?

muito útil, ainda mais vindo do rio, onde se tem assaltos pra crl e eles ficam criando isso.

Nem precisa dizer nada.

Só mentes pequenas, acham que nada vinculado á informação, traz resultados. Positivos ou não

O problema não é falar sobre homens mas sim SÓ falar sobre homens.

de vez quando é sim, mas deve ser a idade, quando elas começa a conversa ou é de "boy" ou é de Melissa kkkkkkk Mas tem assunto que ja fiquei meio desconfortável, tipo an@l.

Nome do app: leftorium.

Lacrou!

rsrs... na realidade eu estudo até muito, mas de programação eu perdi o tesão tem tempo, ninguém recompensa programador direito.

É tipo a fazenda ou big brother pode faltar tudo menos bebida - melhor polêmica assim do que tomar banho de Nutella

Algo que não seja homens... elas estavam conversando sobre lobisomem sarado e vampiro que brilha no sol hehehe Deixa as meninas se divertirem!! elas sempre estiveram aqui mas a midia as trata como se fizessem dois anos que estão no planeta. Acham pouco as divisões sociais e politicas que existem ainda querem inventar mais.

Estudo nunca é demais. O que está esperando? Vá estudar!

Criticar o que não domina.

Olha, se para virar notícia hoje em dia basta criar aplicativos desse nível, eu até me animo a retomar meus velhos estudos de programação.

Reciprocidade

hummm..é mesmo?

https://therottenappl.es/

Hahahahahahahahahaha!

Aplicativo brasileiro.... Tá explicado...

Gera polemica por causa da visível insegurança dos comentaristas aqui em relação a esse assunto.

"se mostra duas personagens femininas interagindo e conversando sobre algo que não seja homens" Nunca reparei isso em filmes! A não ser que sejam duas garotas sendo perseguidas por um serial killer (homem) e elas estivessem falando a respeito dele, com o intuito de salvarem suas vidas. Fora isso.... não lembro de ver duas personagens femininas falando sobre homens.

Por Odin, sim! Mil vezes sim!

"E o Omelete só posta matérias ideológicas porque [...]" Acho que você forçou um pouco a barra, não? Minha internet às vezes falha, mas acho que a página inicial do Omelete carrega normalmente (e não vi esse quadro que você retratou). E se me permite a curiosidade: o que são "matérias ideológicas"?

É só na minha sala kkk sou o responsável do Compras da onde eu trabalho, ai divido sala com as meninas da Qualidade e da Logística.

Acho que seu teclado está com defeito.

Porque assunto polemico gera polemica ué. E o omelete só posta matérias ideológicas porque sabem que vai ter tretas nos comentários.

Eu ainda não consigo entender porque os comentaristas ficam tão pistolas quando esse assunto é abordado.

Não, amigo. "Revolução" mesmo foi essa daqui: https://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_Internacional_da_Mulher. O aplicativo em questão é mesmo um instrumento (muito importante) para ajudar na identificação de filmes que não passam em um simples teste. Já imaginou uma IA que não passa no Teste de Turing?

Pai Mei... lembrava de você mais sábio.

Com todo respeito, mas você escreve como alguém que não faz ideia de como funciona, tampouco do que representa, uma Universidade. Recomendo encarecidamente que leia a respeito de como funciona o mercado de publicações acadêmicas (tais como a Taylor & Francis Group e a Oxford University Press). Essa é apenas uma fração do complexo fenômeno objeto de sua preocupação, mas já um bom início.

Lacred

Excelente iniciativa! Já baixei no meu smartphone romano. Pena que a busca se restringe a filmes. Gostaria de também explorar/contribuir com opções de teatro. Aliás, ficariam surpresos como a mulher é mal vista e injuriada em muitas óperas tradicionais (principalmente da duplinha Da Ponte e Mozart). E não posso deixar de notar como alguns se incomodam com temas dessa natureza. Devem ter nascido da Força.

Melhor comentário.

Ironia?

Acho que é só hipocrisia da sua parte mesmo.

reciprocidade

Mas sinceramente...o padrão de qualidade no Brasil caiu muito, as universidades particulares estão assumindo o espaço que perderam.. os movimentos sociais aqui se mesclam e feministas, marxistas e chorões em geral estão mais preocupados em pseudo-direitos que na maior parte são baboseiras, do que em estudar.

Digo o mesmo de vc, enchendo o meu saco por não pensar igual a vc. Q estranho né?! Apontar um "erro" q vc mesmo comete.

Então reclama com ele, não comigo. Ele que criticou as universidades BRASILEIRAS como se não tivesse projetos envolvendo feminismo nas outras.

Claro que não, tem militonto em todo o mundo, basta ver a m...que a socidade está se tornando.

Ta nervosinho é?! Fica não rpz, seres humanos ignorantes, infelizmente, existe aos montes como você.

Ué, ele criticou as universidades brasileiras por formarem "militontos" como se a abordagem do tema ( feminismo) em diversos setores universitários fosse exclusivo do nosso país. Não é.

Agindo como um militante..incomodar não incomoda, a vida é sua, o problema é encher o saco de quem não pensa igual.

pior que esse teste ai só não pode ter homem na conversa, não importa o teor, se alguém fizer um filme com duas mina falando do melhor método de lavar louça passa no teste.

N sou militante de nada, só to expressando meu ponto de vista, foi mal se minha moral te incomodou brother.

e????

Feminismo é objeto de estudo nas maiores universidades do mundo, meu caro. Não tem nada de "partidário", você que está atrasado

cara..que militante chato você!!

Não...eu prefiro culpar quem coloca esses nomes no poder...o povo! A sociedade gosta de um pai estado pra "resolver" os problemas e assumir os erros, mas a culpa é inteiramente da população que escolhe os nomes e transfere a responsabilidade.

Nem uma coisa e nem outra man, tomo minhas atitudes de acordo com o que eu acho ético e moral, n preciso fica seguindo cartilhas de movimentos socias, pq eu tenho q ser responsável pela mudança que eu quero ver no mundo e não ficar defendo idéias de unanimidades. Toda unanimidade é burra pra mim.

lkkkkkjk Que m...bicho! kkkkkkkkkkkk

Dinheiro e tempo jogados fora.

Muda o seu Nick pra Geraldinho! O HIPÓCRITA pra ficar perfeito!!!!

Ainda bem. Uma mulher não pode ser independente e antenada sem assistir filmes que passem no teste de Bechdel.

Não fez nenhum sentido oq vc disse, o nick pode n restringir seu nivel intelectual, mas diz muito sobre o seu grau de imaturidade. Meu nick é Gerald! "O irônico", pois representa um personagem q fez parte da minha infância somado a uma das características dele que é de ser irônico na animação, e o seu um nick de duplo sentido manjado e usando suas próprias palavras RIDÍCULO.

Nosssaaaa q homem feminista super militante....ou seria um Escravocrata magoado?? Kkkk

Então o Nick de alguém na internet resume ou restringe o nível intelectual da pessoa??? Pronto, "Geraldinho o irônico" querendo disfarçar a sua dor de cotovelo com hipocrisia kkkkk

O problema deve ta lista, já vi filmes ótimos em que as mulheres não falam sobre homens.

Vixe, chamar os outros de atrasados não é legal mano, principalmente, quando vc tem um nick RIDÍCULO desses. rs

????

Isso mostra como as universidades brasileiras são atrasadas intectuamente, são universidades partidárias formando "militontos" que passam a vida inteira defendendo movimentos e ideias sempre da maneira errada!!! Fato vergonhoso: Nenhuma universidade brasileira está entre as 200 melhores do mundo, afinal os idiotas estão mais preocupados em caçar pelo em ovo com aplicativos RIDÍCULOS !!!

Uhuumm..tabom kkkkkk..

Nossa, que revolução. Agora as mulheres mutiladas e oprimidas nos outros países finalmente terão paz e uma vida decente. Não, peraí...

Procura no google o que é o Teste de Bechdel e para de falar merd@.

é claro, elas ficam do meu lado o tempo inteiro, na minha sala só tem eu de homem, é eu e mais 4 mina.

Vixe, como tu sabe que é o tempo inteiro? Ah já sei vc fica lá com elas falando sobre esse assunto tbm o tempo inteiro kkkk...

"se mostra duas personagens femininas interagindo e conversando sobre algo que não seja homens" então tem que avisar as mina do meu serviço que elas não representa as mulheres, só falam de homem o tempo inteiro kkkkkkkkk

Fiquei curioso, o q vc quis dizer com isso?? Com todo respeito

Deu sorte porque o robô não pegou esses nomes de políticos, como faz há meses com o nome daquele capitão presidenciável. Eu acrescento mais nomes a essa lista aí. Todos os governadores do Rio de Janeiro desde a fusão com a Guanabara.

E desta vez o justiceiro social, o Omelete, é paulistano. Não é carioca.

"se mostra duas personagens femininas interagindo e conversando sobre algo que não seja homens" HAUHSAUSHAUSHAUSHAUSHAUSHUSHAUSH não sabia que tinha essa, se estiverem falando de homem não vale então.

vi um dia desses essa lista de filme q passam no Teste de Bechdel, 90% são ruins, prefiro ficar com os meu filmes ''machistas opressores'' mesmo

Empoderamento.

Quem destruiu o Rio de Janeiro foi o Sergio Cabral, Adriana Ancelmo, Garotinho e o Pezão. Não vou me estender nessa discussão para não ser banido.

Então não vale os MB que ocupa.

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus