HQ/Livros

Neil Gaiman reclama da hospitalidade brasileira

Neil Gaiman reclama da hospitalidade brasileira
-

Em entrevista ao site Bookslut, Neil Gaiman (Sandman, Os Filhos de Anansi) deu algumas palavrinhas sobre sua experiência com os fãs brasileiros, quando veio dar autógrafos para o lançamento de O Livro dos Sonhos, em 2001.

No meio da conversa sobre sessões de autógrafos, a pergunta era você já teve que parar uma sessão, com um toque de recolher?. Gaiman lembrou diretamente do Brasil, na tarde (que virou noite, que virou madrugada...) de autógrafos na livraria Fnac em São Paulo.

A pior de todas foi em São Paulo, no Brasil, em 2001. Os brasileiros são pessoas adoráveis. Mas eles não arredam o pé quanto ao que sentem. E 1.200 pessoas apareceram e quando chegou a 700 a loja decidiu que ninguém mais entraria na fila, achando que era demais. As 500 pessoas deixadas de fora aparentemente explicaram ao pessoal da loja, à sua maneira muito entusiasmada e agradável e brasileira, que é claro que eles poderiam acabar com a fila se quisessem, mas aquelas 500 pessoas destruiriam a loja se isso acontecesse. E eles pensaram por um minuto, reabriram a fila e eu assinei pra todos os 1.200. Mas só descobri o que tinha acontecido no fim do dia. Fiquei até as 2 da manhã, e perdi a voz.

Gaiman já mencionou a experiência em várias outras entrevistas, e diz ter grande simpatia pelo Brasil - que foi o primeiro país a acreditar em Sandman e traduzir a obra. Apesar de citar a experiência como a sua pior em sessões de autógrafo, o britânico sempre diz que adoraria voltar ao país. Mas, desde 2001, nunca retornou.

Retorne ele ou não, este que vos escreve já garantiu um rabiscado sweet dreams e autógrafo na fatídica sessão de São Paulo. Ou seja, posso dizer pros meus netos que fui um dos que fizeram Neil Gaiman ficar rouco.

But then, se ele viesse mais a tendência seria esse tipo de coisa amenizar, porque ninguém teria a sensação de que nunca mais terá uma oportunidade dessas. =x

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus