Séries e TV

The Flash | Estreia do quarto ano resolve questões pendentes na velocidade da luz

Com herói de volta após uma breve saída de cena, novas dinâmicas e vilões inéditos são introduzidos
-

The Flash não aguentou ficar 15 minutos, quase literalmente, sem seu herói principal. Em "The Flash Reborn", primeiro episódio da quarta temporada da série do velocista da DC, vemos o retorno de Barry Allen (Grant Gustin) à Central City após sua emocionante partida para a Força de Aceleração. Logo de cara, somos apresentados a uma nova Iris West (Candice Patton), bem mais fria do que o público está acostumado e na liderança do time de heróis. A primeira parte do episódio mostra que ela e Cisco (Carlos Valdes) lidam com o luto de forma quase oposta - enquanto a jovem noiva se dedica a trabalhar pela segurança da cidade, fazendo o que Barry pediu em sua despedida, o melhor amigo de Flash passa o tempo empregando recursos em segredo para resgatar o herói. Contudo, esse momento delicado para os personagens não dura tanto tempo: Barry retorna (de uniforme novo!) antes que o público consiga sentir sua falta.

É claro que não seria uma tarefa fácil fazer The Flash funcionar sem o Flash, mas resolver grandes eventos com tanta facilidade faz com que o público se acostume a vê-los cada vez com menos impacto. Os fãs foram deixados com o coração na mão no fim da terceira temporada justamente por colocar o protagonista do programa em risco real, mas, apenas um episódio depois, com um salto temporal de seis meses, isso foi resolvido. As possibilidades não eram exatamente limitadas para trabalhar melhor a ausência de Barry: a série podia, de alguma forma, focar na evolução das habilidades - e do ego - de Wally West (Keiynan Lonsdale) ou mesmo mostrar gradualmente as investidas de Cisco em sua missão pessoal de resgatar o amigo. Seria realmente interessante ver algum esforço dos roteiristas em tratar a saída de cena do herói com a proporção que pareceu que teria no encerramento do último ano, mas foi escolhida a via mais confortável e, de certa forma, frustrante.

Ou seja, ao que tudo indica, a série preferiu focar nos efeitos ao longo da temporada do sumiço temporário de Barry do que no evento propriamente dito. De fato, há muitas questões que ficaram abertas em relação tanto ao tempo que ele passou na Força de Aceleração quanto à sua saída de lá. No episódio, vemos que Barry volta com os poderes amplificados e, em contrapartida, completamente transtornado. O rapaz parece ter enlouquecido, passando o tempo rabiscando marcas na parede - ponto para a piada de Cisco com o filme Uma Mente Brilhante - e falando frases desconexas. É bem provável que as coisas que ele desenhou e disse revelem sua real importância mais para frente na trama.

Analisando as frases, aliás, já dá para deduzir que, em sua mente, passado, presente e futuro estavam completamente embaralhados. O rapaz recita a letra da música "Runnin 'Home to You" em um momento, diz uma frase vista no primeiro episódio da série quando está descobrindo os efeitos da noite da explosão do acelerador de partículas (“você falou que a cidade estava a salvo, sem perigo residual”), entre várias outras coisas. O mais interessante dentre as coisas ditas, contudo, é o que pode ser uma indicação sobre o futuro. Quando o herói diz “sou inocente…eu não matei ninguém”, pode ser uma referência a história dos quadrinhos chamada O Julgamento do Flash, assim como a frase “vamos precisar de mais fraldas” pode ser uma referência aos gêmeos que ele tem no futuro com Iris West.

Falando na noiva do herói, Iris perdeu Barry novamente - desde o primeiro episódio da primeira temporada vemos a jovem lidando com a possibilidade disso acontecer em algum momento dado os riscos aos quais ele se expõe - e está convencida de que dessa vez foi algo definitivo. Os produtores já falaram diversas vezes que a partida de Barry para a Força de Aceleração, como não poderia deixar de ser, vai mexer de alguma forma com o relacionamento deles e isso ficou bem claro no primeiro episódio. Iris está confusa sobre o que sentir após uma sequência de perder o amor de sua vida, ver ele de volta, encarar um Flash aparentemente enlouquecido e, só por fim, se deparar com o Barry de sempre - não há psicológico que aguente tantas mudanças repentinas.

Uma das melhores coisas do episódio foi a revelação dos vilões logo no primeiro episódio. Após a derrota do Samuroid, o público é apresentado ao Pensador (Neil Sandilands) e à Mecânica (Kim Engelbrecht), que serão o principal problema de Flash e seus amigos no novo ano. Os planos da dupla não são claros, mas já é empolgante só pelo ponto de vista de um grande vilão que não é velocista. Outra coisa que pode render bons arcos é o retorno - ainda que repentino demais - de Caitlin Snow (Danielle Panabaker), já que sabe-se pouco do que ela andou fazendo ou com quem estava envolvida nos seis meses do salto temporal e, como já foi visto, também não está completamente resolvida com sua personalidade gelada. A nova temporada de The Flash, no geral, estreou bem, ainda que ironicamente pareça ter se precipitado nas escolhas em relação ao ritmo da trama - para saber se os caminhos escolhidos foram acertados ou não, só acompanhando os próximos episódios.

O novo ano de The Flash estreou em 10 de outubro nos Estados Unidos, enquanto no Brasil o canal pago Warner Channel passa a exibir os capítulos novos a partir de 26 de outubro - saiba mais.

Leia mais sobre The Flash

The Flash
Estreia em 07/10/14 Produção: 2014
sobre a série
Galeria de imagens (790)

A primeira temporada foi legal, a segunda foi ÓTIMA, já a terceira é horrivel, estragaram o Flashpoint, a reviravolta é idiota (Im the future, Flash, Im the future, Flash, Im the future Flash) e Aaahh, volta o lenga-lenga que é o romance com a Iris, e ainda NÃO MATAM LOGO ELA, mas matam um personagem legalzinho que era o HJ, esse season opening foi legal, várias referencias mas parece que não vão parar de fazer o """"romance"""" com a Íris e o Barry, não achei muito legal o visual do pensador, ficou muito futurista juntando com aquele cenário, vou continuar acompanhando, mas espero que matem a Iris logo

Acho esse uniforme mais fiel aos quadrinhos que o do Ezra Miller

Incrivel como só existe agora analista de seriado com PHD . #povochatodocaralho

"Os fãs foram deixados com o coração na mão no fim da terceira temporada... " Os fãs de qual faixa etária? De 8 a 12 anos?

Podia ter uma lei com limite de temporadas ou episódios das séries. Muito episódio, pouca coisa legal, toda vez que assisto uma rodada me pergunto pq eu ainda assisto essas coisas. 23 episódios de romances malhação. Supergirl então, eu falto colocar o player pra passar a 1,5 a velocidade normal pra acabar logo. hehehe

pra mim esse seriado morreu na segunda temporada...A terceira temporada do Flash virou um Malhação de superherois...Barry Allen escravoceta, pelamor!

Uniforme mudou? Mudou o que? O branco ficou mais branco? Continua horrível do mesmo jeito. Mais do mesmo.... Flash dos anos 90 era mais empolgante. Inventaram agora que os heróis precisam de mini-liga ... Arrow, Flash ...e por aí vai. Falta Gotham...kkk

Deixa eu ver se consigo prever a série: Barry estará mais rápido, porém, ele ainda não conseguirá lidar com as responsabilidades de ser O FLASH e as sombras das pessoas cujo ele não conseguiu salvar ainda estarão em sesu encalço. Com isso, o herói escarlate continuará sofrendo e bem melancólico. Sua velocidade estará ainda maior, porém, como sempre, ele não irá estudar a força de aceleração, muito menos tentará entendê-la. Ficando assim dependente da sua equipe. Cada episódio teremos um vilão desconexo, fraco, porém, ele será capaz de combater o Flash de igual para igual. Já o herói vai correr para um lado e para o outro, não usará nenhuma habilidade que aprendeu durante as 3 temporadas. Breve conheceremos o Boss e Barry continuará com seu discurso "eu preciso ser mais rápido para vencê-lo". Enquanto isso teremos sub-tramas chatas sobre o Cisco,Catlin, Wells(vão arrumar algum jeito de coloca-lo de novo), Wally, Iris(MORRE INFERNO) e toda trupe. No final, Barry conseguirá deter o vilão com sua velocidade, porém, ele continuará triste porque não conseguiu salvar uma pessoa aqui e outra ali.

Agente Carter derrocou assim, mt romance e pouca ação na 2ª temporada.

Somos dois, esse papo de ir e voltar de mundos alternativos , voltar ao passado e o futuro dar merd@ já me cansou.

ele fala balançando a cabeça haha

tipo the walking dead

Desisti no primeiro episódio da terceira. Só naqueles 45 minutos de um crime contra o Flashpoint já deu pra ver o rumo que a série ia tomar.

muito bobo esse season premiere. Ainda bem que trouxeram o bary logo pq Wally e Cisco tavam ridiculos, iris chatissima muito infantil viu...Tudo é resolvido realmente na velocidade da luz numa facilidade ducassete...eu acho que "deus(es) ex machina(s)" é a força motriz desse seriado

Foi só eu ou alguém mais notou que as falas e os desenhos do Barry foram quase cópia carbono do arco da Sociedade da Justiça onde o Starman veio do futuro sem falar coisa com coisa e culminou numa tangencia com o Superman do Reino do Amanhã? Essa fase foi escrita por Geoff Johns e desenhada por Dale Englesham

Tudo nessa serie é ruim, pra mim ja deu, larguei arrow no fim da 3 temp e flash no final da 3 tambem, dois lixos que nao sinto falta e nem perco nada nao vendo.

DC/ Warner perdida no cinema e se perdendo nas séries pelo menos parece que arrow vai voltar ao que deveria ser e nao ficar só no drama entre o oliver e a felicity

O problema maior de Flash é a estrutura repetitiva. Cansa ver o Barry ou qualquer outro personagem desmotivado em todo episódio, mandando um genérico "Eu não sei se eu consigo" enquanto os demais aparam com alguma versão de "o que importa é que eu acredito em você". Só volto pro Arrowverse quando o Bruce der as caras. Ou aquele Superman genial marcar mais presença.

eles não se aguentam daqui há alguns episodios um vilão velocista vai chegar de novo

Vi parte de alguns episódios no Youtube (li sp0iIer$ na internet também) e comprovei o quanto a série foi pro caminho do ridículo. Acompanhar de assistir tudo religiosamente eu fui até a segunda.

Um episódio quase inteiro com as chatices da Iris. Pelo amor dos meus filhinhoooo!!! Desisti. Pelo visto não vai mudar nada. Esperar só o final da temporada kkkk

Parou de ver na segunda temporada e está falando da terceira?!

Exato! Assisti até metade da segunda temporada. E achei chato isso; e além do mais, acho os episodios tudo no mesmo padrão: Aparece vilão > flash encontra o vilão > é derrotado > volta para os amigos e leva uma lição de moral > vai atrás do vilão > vence > fim

Mas vc ta brava?

Hahahahahahahahahahahahahaha!!!

Mesmo problema de Flashpoint. Querem só focar em família e romance, e quando tem uma boa trama, jogam fora.

Impressionante como há pessoas que perdem tempo em dizer "caguei"... Se você não vê mais a série, passe reto pela notícia e poupe-nos de suas bobagens!

o flashpoint foi um desperdício, queria q a hbo colocasse as mãos nessas séries da DC

The Flash com 1,0 na demo nos E.U.A!!!! Esperem a quinta, sexta...... Temporadas!!!! Rsrsrs Pra CW que não opera em todos os Estados Unidos isso é audiência demais!!!! Quem não gostaaaa!!!! Chora!!!

O final da terceira é ridículo, série que começou até legal mas que ta muito fraca.

Caguei! Parei de ver The Flash na segunda temporada. Um personagem com tanto potencial, preso por esse romance bosta com a Iris West, foi e voltou na friendzone umas quinhentas vezes, esqueminha do vilão do dia, vilão da terceira temporada não tem nem o que dizer. Um monte de episódios só de encheção de linguiça (aquele episódio musical, aff)!

Deixei de ver essa série. Toda temporada é uma repetição da anterior apenas com mudanças de detalhes. Tudo que poderia causa impacto de verdade, logo é ignorado e tudo volta a ser uma Malhação.

meu problema com flash (e a maior parte das series da Cw ) é que se acontece qualquer coisa no próximo episodio já se resolveu, ex. o flashpoint que poderia ser ÉPICO durou menos que um episodio...

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus