Branca de Neve e o Caçador | Omelete Entrevista Sam Claflin

Príncipe Encantado fala sobre filmagens, cenas de ação e Charlize Theron

Branca de Neve e o Caçador (Snow White and the Huntsman) já está em cartaz no Brasil e o Omelete foi convidado pela Universal a viajar até o México para entrevistar a atriz Kristen Stewart e o ator Sam Claflin, respectivamente a nova Branca de Neve e o Príncipe Encantado.

O filme é uma versão sombria e violenta do conto dos Irmãos Grimm consagrado pela Disney. Nele, o caçador Eric (Chris Hemsworth) é contratado pela rainha má Ravenna (Charlize Theron) para encontrar a enteada dela, Branca de Neve (Kristen Stewart), que tem a chave para destruir seu poder. Mas, quando descobre que a rainha quer, na verdade, matar a donzela, o guerreiro ingressa em um movimento de resistência para enfrentar a regente.

Confira a entrevista com Claflin, que falou sobre as cenas de ação e filmagens, além da Charlize Theron:

Como você está?

Muy bien. Não, não estou tão mal. Obrigado.

Está aprendendo espanhol agora?

Só um pouco. Só algumas frases, não é nada.

Que bom. A única coisa que eu sei em espanhol é "dónde están mis pantalones?". "Onde estão minhas calças?"

Por que você sabe isso?

Longa história (veja no OmeleTV #173). Bom, sets de filmagem podem ser bem chatos, com toda espera e tal. Mas acho que não foi esse o caso com "Branca de Neve". Você pode falar um pouco sobre sua experiência nele?

Eu com certeza já passei por momentos, ou até dias, me sentindo tipo: "meu Deus, sério? Eu preferia fazer qualquer outra coisa ao invés de atuar hoje". Mas esse trabalho... Mesmo que eu tivesse só andando por aí sempre havia algo para fazer, para pensar... Eu podia ir na academia treinar ou praticar uma luta... Sempre havia algo para me manter entretido. Sabe? Mas, ao mesmo tempo, trabalhar com atores incríveis Quando eles falavam que não precisavam mais de mim eu gostava de ficar por lá, andar pelo set. Ver como outras atrizes e atores trabalham. Por sorte eu estive cercado das melhores pessoas na indústria, não só neste trabalho, mas em "Piratas do Caribe" também. Dizem que eu tenho muita sorte. Muita sorte.

Você não tem cenas com Charlize Theron, certo?

Não.

Mas você a viu trabalhar?

Eu precisei ver para uma cena em particular. Eu queria incorporar algumas de suas características. E... Sabe, ela é uma inspiração de verdade. Acho que ela é uma mulher extremamente talentosa e ela também não é feia.

Como foi?

É muito difícil estar perto dela e da Kristen. É tipo: "sério, cadê as mulheres bonitas?". Não, não foi difícil. Nem precisei atuar.

Eu daria em cima dela mesmo como uma mulher velha.

Sim, mesmo assim ela ainda é atraente. Mesmo quando está o mais feia possível, ainda é uma das mulheres mais atraentes do mundo.

Você poderia falar um pouco sobre a parte física do filme? Sobre seus treinamentos... Ouvi falar que você sofreu um acidente.

Sim, foi muito puxado no aspecto físico. Para mim e Chris, em especial... Quer dizer, o Chris já tem o corpo de Thor então ele não teve que treinar tanto. Mas ele treina, ele é muito disciplinado e trabalha duro. Então eu tive que alcançar, competir com ele na verdade. Então eu ficava na academia treinando, lutando, treinando arco e flecha e andar a cavalo. Tudo era... Voltava para casa na maior parte das noites me sentindo machucado e cansado. Eu sentia que não queria mais fazer. Mas então toda manhã eu acordava e pensava: "nossa, eu quero fazer de novo!". Novamente, eu sei que sou muito sortudo de ter tido essa experência, só de estar trabalhando como ator e ainda mais com essas pessoas. Você tem que viver o momento e aproveitar enquanto eles duram porque ninguém sabe. Eu posso nunca mais encontrar trabalho.

E quanto ao acidente?

Bem... O diretor queria basicamente que eu e o Chris atacássemos o castelo, o pátio, em cima dos cavalos. Que pulássemos do cavalo, atacássemos o castelo e lutássemos com pessoas enquanto isso. Eu nunca tinha desmontado de um cavalo em movimento. Eu estava totalmente coberto de armaduras, o Chris estava com calças de couro, vestido mais confortável. Quando a gente atacou... Sabe, eu dou tudo na primeira tentativa. Eu tento de tudo. Então eu ataquei, não pensei em diminuir a velocidade do cavalo. Eu tentei passar a perna, mas meu figurino limitava, minha perna passou, mas meu outro pé ficou preso no estribo, parte do sapato. Então o cavalo continuou correndo enquanto um pé estava no chão e o outro se soltou e fui com a cara direto na areia e rolei de costas. Mas essa nem foi a pior parte. Cair do cavalo não foi a pior parte, a pior parte foi olhar para cima e ver o Chris Hemsworth deslizar do seu cavalo, fazendo parecer tão fácil. E você pensa: "Jesus, esse cara é bom em tudo." Quer dizer, eu parecia uma tartaruga de costas sem conseguir levantar. O diretor gritava: "Continua! Só continua!". Mas eu não conseguia me mexer, literalmente. Quer dizer, eu tentava com todas as minhas forças, mas... Mas, novamente, o que foi mais vergonhoso foi que o Chris me levantou e o cara já é um deus, mas nossa! Não me fez me sentir mais homem.

Certo. Obrigado.

Muchas gracias. Obrigado.

Outras entrevistas:

O filme estreia em 1º de junho de 2012.

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus