Assista Agora

Quero Matar Meu Chefe | Crítica

Seth Gordon e a escolinha das sitcoms

Érico Borgo
04 de Agosto de 2011

Quero Matar Meu Chefe

Quero Matar Meu Chefe

Horrible Bosses
EUA , 2011 - 98 min.
Comédia

Direção:
Seth Gordon

Roteiro:
John Francis Daley, Jonathan M. Goldstein, Michael Markowitz

Elenco:
Jason Bateman, Charlie Day, Jason Sudeikis, Colin Farrell, Jennifer Aniston, Kevin Spacey, Jamie Foxx, Donald Sutherland, Kenny Sommerfeld, Lindsay Sloane, Julie Bowen, Isaiah Mustafa, Wendell Pierce, Ron White, Ioan Gruffudd

Ótimo
Quero Matar Meu Chefe
Quero Matar Meu Chefe
Quero Matar Meu Chefe

Quero Matar Meu Chefe (Horrible Bosses, 2011) é tão ciente de suas intenções que fica até difícil criticá-lo. A comédia tem uma estrutura tão reconhecível que suas próprias referências viram piada autorreferente. A trama, afinal, pega a ideia original de Alfred Hitchcock de troca de alvos de assassinato (do clássico Pacto Sinistro, de 1951), e a aproveita como comédia, sem esquecer, elegantemente, que Jogue a Mamãe do Trem já havia feito isso em 1987.

Ao citar suas inspirações, o filme assume que não vai levar para casa o prêmio de originalidade e deixa claro ao espectador que ele não sairá do cinema impactado pela criatividade do roteiro. Como condenar algo tão honesto, portanto?

Sem o peso dessa expectativa por inovação, sobra ao texto espaço para o que os roteiristas e o elenco sabem fazer melhor: piadas. E elas vêm em ondas motivadas pelo ambiente. No bar frequentado por negros, discutem-se estereótipos; no apartamento do cocainômano, o tom é de comédia de chapados; no consultório da dentista fogosa, é o sexo que faz rir... e por aí vai.

Os roteiristas estreantes no cinema John Francis Daley, Jonathan M. Goldstein e Michael Markowitz, conhecidos como atores ou escritores de seriados menores de TV, conseguem emplacar também uma das mais engraçadas e difíceis formas de humor... a piada recorrente, algo que o diretor Seth Gordon soube aproveitar muito bem (nem parece o mesmo sujeito de Surpresas do Amor). O timing da edição é perfeito (nas piadas do gato) e a direção de (descontrolados) atores é excelente quando os protagonistas disparam os diálogos com o Ferra-Mãe Jones (Jamie Foxx).

De seu lado, o trio condutor da trama, formado por Jason Bateman, Charlie Day e Jason Sudeikis, está afiadíssimo como os três subordinados frustrados profissionalmente que decidem que a única solução para suas vidas é matar seus chefes, vividos por Colin Farrell, Jennifer Aniston e Kevin Spacey (excelentes como o idiota, a tarada e o psicopata). Bateman e Sudeikis agem em sua zona de conforto, com a paspalhice esperada e treinada em tantos filmes. Cabe assim a Day, em seu primeiro papel principal fora da série It's Always Sunny in Philadelphia, a tarefa de surpreender. E ele o faz em conjunto com os demais ou sozinho (como na impagável cena da injeção).

O sujeito é histérico. Pena que seu personagem e suas motivações não sejam tão bem trabalhadas quanto as dos outros dois. As razões para o assassinato que ele deseja não fazem sentido perante sua situação (se a dentista ninfomaníaca é a única que o emprega, matá-la não daria o mesmo resultado que um pedido de demissão?) - e, pior, o assistente de dentista está disposto a matar mas é incapaz de trair a esposa com a Rachel de Friends? Que ética insana é essa? O contador vivido por Sudeikis também deixa a desejar, já que o ator não convence como galanteador e as cenas de sexo pareçam forçadas, motivadas apenas pela necessidade da trama ao final (a ausência do gravador).

Vale lamentar também o volume de piadas perdidas na tradução. As legendas simplesmente não fazem justiça à boca-suja e aos trocadilhos do original ("I'm a squirter" era ouro). Se você é fluente em inglês certamente aproveitará muito mais o filme. Trocar "Mother-Fucker" por "Ferra-Mãe", por exemplo, simplesmente não desce. O tom boca-suja, o grande trunfo da comédia, é amainado pela classificação mais abrangente. Dá pra entender o objetivo do estúdio enquanto empresa, mas não dá para ser conivente com a higienização do linguajar da obra original.

De qualquer maneira, Quero Matar Meu Chefe é um excelente exemplo de comédia que, ao mirar baixo, acaba atingindo o alvo graças à força de suas piadas. Algo que Gordon certamente aprendeu não no cinema, mas na televisão. Desde o infame Surpresas do Amor, ele fez escola em séries como Parks and Recreation, Modern Family e The Office - todas elas focadas justamente na comédia de situações e não na inovação de estrutura. Contanto que as piadas fluam, fica muito mais fácil olhar para o outro lado.

Quero Matar Meu Chefe | Cinemas e horários

Leia mais sobre Quero Matar Meu Chefe



Publicidade

Comentários (73)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Washington Washington (27/03/2013 03:59:42)   1 0
Estou rindo até agora com esse nome "Ferra-Mãe Jones" ... e olha que assistir esse filme ontem ... kkk

É um filme pra dá risada, se for assim, o filme é propício.




Leonardo Leonardo (11/03/2012 19:39:36)   1031 1
muito bom filme, que venha continuações !!!



sem avatar Daniel (30/01/2012 15:59:24)   -3 1
Bom filme.
Recomendo.
Algumas risadas garantidas.



Leandro - nerd do interior mineiro Leandro - nerd do ... (16/01/2012 23:28:32)   256 1
assisti o filme hoje aqui em casa, e achei realmente ótimo, digno dos quatro ovos que recebeu.

Como o Borgo escreveu em sua crítica é despretensioso, mas diverte pra caramba.



lucas yan lucas yan (15/01/2012 00:40:55)   56 1
acabei de assistir
bom pracaramba, a critica foi totalmente justa :D



sem avatar vitor (03/12/2011 16:07:18)   -10 1
Muito muito maneiro..ri muito com esse filme. As comédias melhoraram muito..



Alessandro Alessandro (30/11/2011 09:11:59)   32 0
Muito legal!!!

E o Charlie Day é a cara do Mionzinho, rapá! haha

E Jennifer Aniston, sua chefe, tarada... é um sonho, meu amigo.



Daniel Daniel (21/11/2011 00:21:03)   5 1
Bom filme. Recomendo.



sem avatar John (02/10/2011 15:30:18)   0 0
Quase todos no filme são bandidos. O crime do negro foi bem menor que o dos brancos. E o que é uma semi-virgem? Essa Jéssica é uma cocainômana.



Zack Blazer Zack Blazer (23/09/2011 02:20:54)   227 0
Só uma coisa : '' Mother Fucker Jones ''



Publicidade
Zack Blazer Zack Blazer (23/09/2011 01:57:36)   227 1
Jennifer Aniston . eu ri ! esta otima além de gostosa !



Danielle Danielle (21/08/2011 22:01:20)   375 1
Citações interessantes, filme muito divertido. Vale a pena conferir no cinema.



sem avatar Caio (15/08/2011 10:25:58)   1 1
Gente, não vejo nenhum contradição o cara não querer trair a esposa e querer ao mesmo tempo matar sua chefa. O cara respeita a mulher dele, pô!



sem avatar Caio (15/08/2011 10:23:07)   1 0
E mais: não, pedir demissão nao adiantaria. SE lembram q ela fez chantagem com ele sobre aquelas fotos q ela tirou enquanto Day estava incosnciente?



Oscar Oscar (14/08/2011 10:00:58)   0 0
O filme tem um ponto que o faz único: Jennifer Aniston. E digo mais Jennifer Aniston tarada.

Dito isso, acho que a gente pode fazer uma análise menos tendenciosa do filme.

O filme, na minha visão, trata o humor não só com piadas no roteiro, mas também naquela segunda camada que torna uma pessoa (ou situação) engraçada, como é o caso da voz de adolescente de Dale (Charlie Day).

Concordo bastante com o Érico com a perda de piadas devido à tradução, mas quanto a isso nada podemos fazer. É um sapo que temos que engolir.

Estou bastante de acordo com a nota de 4 ovos.

Segue o que o texto inteiro com minha opinião: http://8porcento.com.br/2011/08/14/quero-matar-meu-chefe/



Jéssica Jéssica (13/08/2011 20:14:12)   325 0
O filme é machista sim, e muito!
Porque coloca uma mulher chefe bem sucedida como uma "tarada" e o cara prefere sua noiva sem graça e semi-virgem!
Porque a ÚNICA chefe mulher deste filme tem como defeito "gostar muito de sexo", ou seja Hollywood só considera "heroína", mulher virgem ou semi-virgem que não gosta de sexo.
Homem que é "tarado" é "normal", mulher que gosta de transar é p...!
Eita machismo gay do caramba!
Tirando isto, achei o filme racista também porque o ÚNICO ator negro faz um personagem bandido.
Só completando o trio de "heróis" são muito chatos e aguados.
O público acaba torcendo para os engraçadíssimos chefes, estes sim que deviam matar seus chatos subordinados!


sem avatar Bruno (15/08/2011 12:54:13)   0 0
O que é uma semi-virgem? O mesmo que semi-grávida ou semi-gay?

sem avatar Nero (24/11/2011 23:10:14)   -3 0
Jéssica,

Pelos seus comentários acima, acho que o filme é muito bom. Vou assistir e comento aqui depois.

Grato pela dica.

Nero


Letícia Letícia (12/08/2011 11:35:09)   123 0
Eu raxei quando eu vi... muito engraçado!



DR. Zaius, ministro da ciência e defensor da fé! DR. Zaius, ministro da ... (10/08/2011 22:14:26)   1031 0
Para quem curte comédia de maconheiros, baixem High School, com o Adrian Brody! É a primeira "SciFi weed comedy" de todos os tempos. O cara está muito melhor do que em o pianista!!! Seth Rogen que se cuide!!!


sem avatar João (30/08/2011 15:54:22)   0 0
Onde posso achar esse High School para download? ja lanço ja ?


sem avatar Fernando (09/08/2011 00:28:38)   -7 0
Achei bacana, mas poderia ser melhor. Fora que sofrerá muitas comparações com filmes do mesmo nível já lançados. Poderia ser melhor. Falei mais sobre ele no blog: http://temumcoelhonocinema.blogspot.com/2011/08/quero-matar-meu-chefe.html



João Gabriel João Gabriel (08/08/2011 18:35:30)   34 1
Em que universo alternativo algum homem heterossexual em sã consciência rejeita a Jennifer Aniston (com exceção do Brad Pitt)?
Perdeu o quinto ovo só por causa dessa falha no roteiro.



Publicidade
Fabiana Fabiana (08/08/2011 11:11:06)   -1 -2
Assisti no domingo e fui empolgada devido a critica ser boa, mas ao me deparar com o filme em si achei massante, chato e sem nenhuma graça. Quase dormi. Humor chato, não recomendo. Algumas partes até ri, mas no geral me arrependi de ter ido. Para quem viu se beber não case e gostou acredito que gostar deste tbm, gosto mais de outro tipo de humor e não esse sem pé nem cabeça.


Anderson OXS Anderson OXS (08/08/2011 13:05:33)   1 1
Desculpa mas seu humor parece ser um saco rs.

DR. Zaius, ministro da ciência e defensor da fé! DR. Zaius, ministro da ciência e defensor da fé! (10/08/2011 22:11:13)   1031 0
Humor é algo bem subjetivo. Os caras do Omelete amaram "Nacho libre", que me fêz apenas sorrir. E deram três ovos para "Os outros caras", filme que quase me fêz roncar no cinema. E olha que sou do tipo palhaço que ri à toa...


Agostinho Agostinho (08/08/2011 08:56:14)   52 0
Assisti sábado com minha esposa e gostamos muito, o cinema inteiro acho que gostou...muito engraçado o filme, acho que o único defeito foram ter dado tanto destaque pro personagem do Day (forçado e histérico demais) e ter deixado de dar o destaque merecido ao personagem do Collin Farrel, que foi muito bom...

Obs: Querer matar a Aniston por causa de assedio é um absurdo, nem os amigos do cara acreditavam nisso hehe



Julianna Julianna (06/08/2011 12:39:39)   6 1
Assisti o filme ontem, com a sala lotada e devo admitir que achava - a principio - seria mais uma comedia cliche com elenco mal aproveitado. Errei bem feio! Não só o filme me fez rir, ele me fez gargalhar! Só isso é um triunfo, já que, para comédias, eu posso ser considerada uma espectadora bem dificil de agradar (ultimamente só tenho dado gargalhadas com filmes de terror...). Enfim, grandes sacadas, grandes dialogos, ótimo ritmo, um filme quase perfeito, não fosse a personagem da Aniston (achei ela meio forçada). E, na minha opinião, o melhor do trio foi Charlie Day, o Dale... Palmas a ele :)


Alex Bauer Alex Bauer (06/08/2011 14:11:29)   83 0
Ju... na minha opinião a Jennifer sempre é forçada.... desde Friends ela só sabe fazer o mesmo personagem... talvez a única exceção seja um filme de "Fora de Rumo" que ela fez com Clive Owen... mas no restante é sempre a mesma paspalha.

Obs: Vc é muuuuuuito linda!!! Bjão


Patricia Patricia (06/08/2011 11:20:06)   0 0
Erico, oi

não chega a ser insano não querer transar com a jennifer aniston né...menos, menos. rs


Anderson OXS Anderson OXS (08/08/2011 13:09:43)   1 0
Mas ele nao aponta como insano nao transar com ela, e sim alguem que se dispoe a matar outra pessoa, mas nao a trair.

O que realmente nao faz sentido, o cara é incapaz de trair, mas consegue matar???

sem avatar Luciano (08/08/2011 18:18:01)   1 1
É insano não querer transar com a Jennifer Aniston.

Insano e boiola...


Márcia Márcia (05/08/2011 13:32:21)   31 0
Nossa ótima crítica!
É uma filme que nem li muito a respeito pq não me chamou nenhuma atenção! Tava realmente achando uma perda de tempo. E sinceramente me irrita uma pouco ver Jennifer Aniston em cena.
Mas com essa crítica, surgiu uma certa curiosidade.

E "Ferra-mãe" é o fim! Me dá uma agonia ver a galera xingando e na legenda sai uma baboseira dessas! Não sei pq tanto puritanismo nas legendas se o nos filmes brasileiros o pessoal bota pra f****!
Vai entender!

Valew!



Jefferson Jefferson (05/08/2011 12:28:54)   9 0
eu amo a "Rachel" de friends!!!



sem avatar Claudus (05/08/2011 09:40:25)   0 0
Pessoal, eu fui assistir à pré-estreia na quarta feira e posso dizer que o filme é muito bom mesmo...é garantia de boas risadas e não é um besteirol como uma pessoa disse aí.

O "Ferra-Mãe" dizendo como ele ganhou o nome de "Ferra-Mãe" é muito engraçado, a cena das agulhadas é demais, a visita na mansão é sensacional....

Eu, sinceramente, achei muito, mas muito melhor que o "Se beber não case" que eu assiti ontem pela manhã (estava afim de assistir comedias).

Podem ir sem medo aos cinemas este fim de semana assistir este filme que garantia de risadas....


sem avatar Felipe (19/08/2011 11:21:27)   -9 0
Realmente gosto é que nem.....cada um tem o seu.
Eu NÃO recomendo gastar no cinema pra ver esse filme...pra mim é 3 ovos no máximo, tem umas risadas, mas achei o trio muito fraco, exploraram pouco os bons personagens do Farrel e Spacey, aquele baixinho é muito histérico e chatinho, sem graça...Se beber não case, pra mim, é muuuuuuuuuito melhor, anos-luz na frente...mas pra ver numa Tela Quente ou Sessão da Tarde vale a pena ver esse filme.


Anselmo Luiz    Anselmo Luiz (05/08/2011 08:29:39)   100 2
Cara essa Jennifer Anniston, é demais, meu sonho é ter uma festinha particular com ela a Jennifer Connely e a Charlize Teron, e a Beynoce cantando rssssss


Romualdo Romualdo (05/08/2011 13:51:25)   1617 1
Beyoncé Principalmente!

Carlos Carlos (07/08/2011 00:26:55)   7 0
Opa pode tirar a Jennifer Connelly da festinha hehe. Musa d+



Karen Karen (05/08/2011 02:14:50)   23 1
Incrível como esses besteirois americanos são bem avaliados, enquanto um filme de comédia genuina (no estilo pastelão, piadas leves e que conservam a moral e o respeito) sempre recebem críticas ruins.
Saudades do Leslie Nielsen, ele sim sabia satirizar esses filmes ridículos que temos hoje.

Lamentável.


sem avatar Marcel (08/08/2011 23:36:50)   83 -1
Deplorável é ler essa boçal que sequer viu o filme querer emitir algum juízo, e pior, rasgar elogios aos manjados filmes de comédia acometidos com a sina do politicamente corretos

sem avatar Felipe (19/08/2011 11:28:18)   -9 0
Deplorável é VC Marcel! Xingando o companheiro de boçal!! Muito feio...eu vi o filme e concordo com a Karen, grandes tempos de Leslie Nielsen, Jim Carrey (no auge), Top Gang, etc...esse filme nem é tão bom quanto falam não.


Romualdo Romualdo (05/08/2011 00:16:12)   1617 1
Pow, eu não espera 4 ovos e sim 3! É uma suroresa agradável vindo do Omelete! irei assistir o filme com toda a certeza.



Publicidade
Carlos Carlos (04/08/2011 23:17:29)   1823 -1
Poxa, esse filme deve ser fera demais...

Pretendo ver!



Alisson Alisson (04/08/2011 22:51:07)   33 -1
Esse eu ñ perco,parece ser mto engraçado.:)



Marlon Marlon (04/08/2011 22:48:53)   314 -1
Verei amanhã com gosto!



James James (04/08/2011 22:36:55)   157 -1
Eu vou! Eu vou...!!!



Josias Josias (04/08/2011 21:24:54)   231 -1
Trocar "Mother-Fucker" por "Ferra-Mãe", por exemplo, simplesmente não desce.


Concordo..Vou fazer o possivel pra ver legendado.
Quando eu vi "Se Beber Não Case" legendado no cinema deu pra ver a diferença.O filme perde metade das piadas.



Agostinho Agostinho (04/08/2011 19:37:33)   52 -1
Estou com muita vontade de assistir no cinema, desde o começo da divulgação dos trailers me interessam muito pelo filme! Amanha to no cinema



Renan Renan (04/08/2011 19:28:50)   2462 0
A critica fala das motivações do personagem de Day não fazer sentido, mas o que realmente não faz sentido é a maioria dos filmes nacionais ter palavrões por frases e depois eles traduzirem os filmes americanos todos bonitinhos, salvando recentemente raras excessões. É um logica sem sentido, e estranhamente a critica reclama do fato de não ter palavrões no filme uma vez que comentários com os mesmos são apagados.



Lucas Lucas (04/08/2011 19:25:07)   45 0
Critica excelente. O filme parece ser muito bacana, espero conseguir ir assistir no cinema.



julio julio (04/08/2011 19:03:25)   415 0
Não sei se vou ver no cinema, mas parece muito legal.



RODRIGO RODRIGO (04/08/2011 18:31:46)   -27 0
afff!!ees eu dispenso!!!cara de filminho brasileiro nao?


Gustavo Gustavo (04/08/2011 20:56:24)   224 3
não

sem avatar marcelo (04/08/2011 22:34:27)   1 1
daqui a um, dois anos no máximo vao fazer especial de fim de ano, e com as sobras fazer um filme, nao te preucupa que seras atendido


Publicidade
Morpheus Morpheus (04/08/2011 17:53:44)   109 2
Sabia que a idéia de alguém NÃO querer a Rachel seria algo difícil de engolir!

E, sério, Motherfucker Jones é um nome MUITO engraçado!!!! Tipo, satirizando esses assassinos fodões hauheuahuheuaehuhaea eu rio só com esse nome.. deveria ter ficado no original pô!


Morpheus Morpheus (04/08/2011 18:05:43)   109 0
Se quisessem "traduzir" o nome do cara, tinha que ser pra algo q dê o mesmo sentido por aqui, tipo... "Fodão Jones"

mas ainda assim, original melhor.

Joel Schumacher Joel Schumacher (04/08/2011 18:11:33)   444 0
Realmente o nome é muito engraçado.
Agora me diz uma coisa, quem diabos diz "Ferra-mãe"!!!!

sem avatar Marco A (05/08/2011 00:44:18)   708 0
É parecido com o que fizeram com o nome do personagem do Ben Stiler em Entrando numa Fria.


Marcos Marcos (04/08/2011 17:30:46)   160 -1
4 Ovos para "Quero Matar Meu Chefe" e 3 para "Melancolia"? Sério?



Joel Schumacher Joel Schumacher (04/08/2011 17:22:14)   444 0
Eu já esperava que o filme fosse bom, agora eu tenho que ver se consigo vê-lo no cinema.



Mario Mario (04/08/2011 17:20:35)   61 0
Excelente crítica, filme muito bom msm.



Victor Victor (04/08/2011 16:50:15)   234 -2
Agora lendo essa crítica me deu mais vontade ainda de ver o filme. Não sei se irei ver nesse final de semana, mas definitivamente assistirei no cinema. Seth Rogen é uma dos melhores caras que fazem comédia hoje em dia.


Gustavo Gustavo (04/08/2011 20:58:40)   224 1
Quem falou em Seth Rogen?

Marcello Marcello (05/08/2011 11:16:42)   119 1
kkkkk

o cara confundiu Seth Roger com Seth Gordon!

Zack Blazer Zack Blazer (23/09/2011 02:37:41)   227 0
ta chapado !


Bruna Bruna (04/08/2011 16:40:43)   42 0
"Ferra-mãe". Hahahaha, sabia que viria algo do tipo.
Boa crítica. Aguçou ainda mais minha curiosidade para assistir.




Omeletop : cinema

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.