Assista Agora

A Hospedeira | Crítica

Stephenie Meyer tenta trazer sua fórmula de triângulo amoroso para um gênero mais "sério"

Marcelo Hessel
28 de Março de 2013

A Hospedeira

A Hospedeira

The Host
EUA , 2013 - 125 minutos
Ficção científica / Romance

Direção:
Andrew Niccol

Roteiro:
Andrew Niccol

Elenco:
Saoirse Ronan, Max Irons, Diane Kruger, William Hurt, Jake Abel, Frances Fisher, Boyd Holbrook

Ruim

Quem conhece o diretor Andrew Niccol por seu melhor trabalho, Gattaca (1997), talvez ache A Hospedeira (The Host) familiar. O futuro asséptico e a distopia regida pelo totalitarismo científico são bem parecidos nos dois sci-fi, mas a aproximação termina aí.

A Hospedeira é menos um olhar sobre a sociedade no futuro do que uma tentativa de reproduzir, em um gênero mais "sério" do que a fantasia, a dinâmica de triângulo amoroso de Crepúsculo. A escritora Stephenie Meyer pode ter encontrado na sua série de vampiros uma forma de dialogar com pré-adolescentes tementes do sexo, mas A Hospedeira - cuja adaptação ela produz - simplesmente não funciona sob o mesmo formato.

Na trama, adaptada por Niccol, a Terra foi assimilada por uma raça alienígena de parasitas benevolentes que se autodenominam Almas. Uma dessas almas, Peregrina, se funde a uma humana em estado terminal, Melanie Stryder (Saoirse Ronan), para encontrar o último bolsão de resistência de terráqueos sobreviventes do planeta. A questão é que a consciência de Melanie ainda resiste dentro da Peregrina, e as duas partes - o corpo e a mente - entram em choque.

Na prática, mais adiante no filme, isso significa simplesmente que Melanie ama um cara (o interesse romântico da humana) mas sente tesão por outro cara (o interesse da alienígena). O fato de os tais parasitas benevolentes serem altamente racionais - ao contrário dos "emotivos" humanos - é colocado displicentemente de lado para justificar o triângulo. Se já parece ruim, imagine então assistir a Saoirse Ronan (boa atriz em papel ingrato) falando sozinha consigo mesma, num embate psicológico sobre quem ela deve beijar agora.

Não faz sentido exigir que um autor abra mão de seus temas cativos. Stephenie Meyer entende o amor como sacrifício e essa ideia, martelada ao longo da Saga Crepúsculo, retorna em A Hospedeira de um jeito até digno, embora genérico. O que torna a experiência do filme excruciante é ver um bom elenco de apoio e um design de produção esmerado serem colocados a serviço de uma fórmula visivelmente desencontrada de romance teen. Nem um clímax decente Meyer consegue criar (a matança no fim do último Amanhecer não era obra dela, a propósito), no meio de tanto amor e tanta boa vontade.

A Hospedeira | Cinemas e horários



Publicidade

Comentários (143)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Mel Gibson. Mel Gibson. (15/03/2014 00:52:37)   133 1
A única coisa boa neste filme,é a música do Imagine Dragons,"Radioactive",se não me engano...



André André (20/02/2014 20:17:14)   5 0
Eitha filminho LIXO, assisti no TELECINE, pq nunca teria coragem de pagar sabendo de quem é. E não me enganei, como sempre criando invencionices e se perde dentro da sua própria criação. [O QUE FALO É QUE O SE VÊ NO TRAILERS NÃO TEM SPOILER] Vamos lá a humanidade foi tomada por parasitas alienígenas chamados de "almas", certo até ai tudo bem, mas passa o filme inteiro mostrando que para o humano ser "contaminado" pelo tal parasita é preciso ser feito um INCISÃO NO PESCOÇO, e logo após ele é inserido. Muito bem partindo desse princípio como "cargas d'água" o primeiro humano foi infectado? Já que o parasita é incapaz de auto-contaminar o hospedeiro! OBS.: Não li o livro caso isso esteja lá explicado, o que acho bem improvável. Não sou hater da escritora mas bem que ela poderia se esforçar um pouco mais pra convencer os espectadores, se ater a mais detalhes afinal é uma ficção científica



sem avatar Dakota (09/12/2013 17:09:52)   8 1
Eu não achei a ideia do filme (ou livro) ruim. Na verdade custa a acreditar que a Stephenie Meyer tenha conseguido criar algo desse nível. Sério! O problema é que a história é lenta, meio arrastada. Os personagens não são aprofundados, principalmente a relação da Hospedeira com o Ian, além da Buscadora. O romance dos dois meio que nasce do nada. Enfim, foi um ótimo elenco, uma ótima produção e uma ideia promissora desperdiçados. O filme quebra o galho, é infinitamente melhor que qqr filme da saga Crepúsculo. É até injusto comparar haha E tem a música Radioactive, no finalzinho. Desperdiçaram até a trilha sonora!!!



Jefferson José Jefferson José (20/08/2013 16:50:26)   1617 5
É tão ruim que nem merece ser mencionado ou criticado, só execrar!
Cabeças terão que rolar se Stephenie Meyer ousar escrever sobre a Terra Média como ela tem soltado pelos cotovelos. Escritora tola!

1#5



sem avatar Mariana (13/07/2013 23:10:15)   0 0
O livro e completamente magico, sensacional! Mas já o filme, totalmente decepcionante! Fiquei animada para ver a adaptação logo apos de terminar o livro, achando que era uma adaptação não tao radical e desapontante, achei mesmo que era bom e eu queria ter gostado. Faltou tudo, o filme não conta praticamente nada, e eles resumiram um livro fantástico de 560 paginas em coco.


sem avatar Mayra (29/07/2013 16:48:47)   0 0
Deixou a desejar, o diretor não soube trabalhar com os momentos chave do filme, há coisas que ele poderia ter enfatizado para dar mais sentido a historia, talvez uma melhora na luz e no desenvolver de umas cenas que, ao meu ver, umas poderiam ser mais rápidas e outras serem mais lentas e trabalhadas com mais calma.


sem avatar João Vitor (09/07/2013 02:06:02)   1 0
É o seguinte, eu não sou fã, mas, li o livro e assisti o filme. Fiquei de certo modo, confuso com a critica feita, pois, não é possivel saber se esta critica é feita para o filme A hospedeira ou para a escritora Sthephenie Meyer.
Sempre achei que uma critica deveria conter qualidades e defeitos, mas, na critica acima só pude observar criticas negativas, e o que dá para tirar como conclusão é que Marcelo Hessel não gosta e as vezes nem mesmo respeita Stephenie.
Minhas considerações sobre o filme foram boas, elenco maravilhoso, diretor ótimo e uma história de romance extremamente bem feita, destacando a palavra ROMANCE, pois Stephenie nunca foi uma escritora de ficção cientifica, sua ideia principal e que acho que sempre vai ser é criar romances de diferentes formas. Por isso achei a critica muito mal feita, pois analisar o filme apenas como uma ficção não tem valor nesse caso. A hospedeira é uma história detalhista de um romance muito instigante.



sem avatar Isabela (14/04/2013 13:54:19)   3 2
Eu sinceramente fiquei com raiva da critica q foi feita pelo omelete em relaçao a esse filme eu acho q o marcelo nao sabe fazer critica com filmes assim, esse filme nao tem nada a ver com Crepusculo a historia é totalmente diferente nao faz sentido comparar com um triangulo amoroso de crepusculo e o "triangulo amoroso" de a hospedeira ate pq na hospedeira tem duas "vidas" dentro de um corpo só. Achei um absurdo a classificacao ser ruim ate porque o livro é excelente e o filme é um dos melhores filmes q eu ja vi. A stephanie mayer é uma execelente escritora e eu tenho certeza de que qnd ela fez a hospedeira nao era na finalidade de ser comparado de algum modo com crepusculo. Esse filme foi feito com uma proposta totalmente diferente dos demais dela, o filme foi bem fiel ao livro. Recomendo assistirem o filme e comprarem o livro. Acho q a critica do omelete nao foi a critica correta.



sem avatar Luiz Felipe (07/04/2013 22:16:20)   9 1
O filme é de fato fraco.
Poderia ter sido muito mais elaborado. Partes do livro que, se inseridas no filme, com certeza iria dar um ar mais esclarecedor.
O livro é sensacional. Explica muito melhor, envolve mais tramas, dá destaque a outros personagens...
Enfim, não desgostei totalmente, mas não nego que esperava bem mais.



Kestrel Kestrel (06/04/2013 00:59:59)   318 1
Sério alguem de fato tinha esperança de que esse filme seria bom? um ovo deve ser muito



Isabel Isabel (02/04/2013 15:35:21)   5 2
Eu já achei o livro ruim, imagina o filme.



Publicidade
Adler Adler (02/04/2013 00:47:53)   304 6
Duas palavras: Um Ovo.


André Filipe André Filipe (04/04/2013 10:15:14)   1207 0
kkkkkkkkkk

Kestrel Kestrel (06/04/2013 01:01:54)   318 0
poderia ser "nenhum ovo" rsrsrssr


sem avatar Major (01/04/2013 21:27:37)   125 0
Já imaginava que esse filme fedia a Crepúsculo mas nem achava que fosse ser tão ruim assim! Me poupou de ter que pagar pra ver esse lixo, obrigado Omelete.

Conheçam o fórum Mundo Realista: http://mundorealista.com/forum/viewforum.php?f=76

Conheçam também o blog Cirstãos Realistas: http://mundorealista.com/cristaosrealistas/


sem avatar Camila (02/04/2013 16:53:44)   -12 -2
Eu gostei.

sem avatar Alexander (11/04/2013 19:31:42)   210 0
não gosto de seus livros, suas adaptações pra filme. acho tudo um monte massivo de mer..., mas é o que eu acho. negativar alguém só porque diz que gosta é infantilidade.


Vespa Vespa (01/04/2013 21:03:43)   68 0
filme péssimo, a menininha até que atua bem pq já vi ela em outros filmes, mas o pior é vc ver dublado, estraga mais o filme!!!!



Nando Nando (01/04/2013 14:02:50)   287 0
Não assisti o filme e nem pretendo mais eu li o livro já faz um tempo e apesar de todo o preconceito em torno da Stephenie Meyer eu achei um bom livro.



Bruce Willis de Bigodinho Bruce Willis de Bigodinho (01/04/2013 09:28:52)   601 5
Eu sinto falta dos "filmes de adolescentes" de antigamente como Curtindo a Vida Adoidado.

Não assisti ao filme ainda, provavelmente esperarei sair em DVD ou passar no Telecine... mas pelo que ouço falar, Stephenie Meyer está alcançando o posto de uma quase "desescritora".
Ela meio que destrói a escrita... pessoalmente li sim dois livros de Crepúsculo por se tratar de vampiros, mas quando percebi que os vampiros estavam em segundo plano pulei fora.

Stephenie Meyer parece pegar temas interessantes e se aproveitar deles para contar histórias simplórias.

Mas sei lá, gosto é gosto. Até pode ser que o filme não seja tão ruim, afinal de contas, não dá pra criticar alguma coisa pelo passado da autora.

Mas desconfio que vai ser sem graça como tudo o que Stephenie Meyer faz enquanto autora.



Glenda Glenda (01/04/2013 07:40:48)   94 0
Ela sempre criando livros com uma protagonista sem graça (Desculpe Sairose, vc é talentosa, mas não é gostosa) para serem desejada por vários homens.


sem avatar Alexander (11/04/2013 19:32:53)   210 0
hehe. é porque se ela criar uma gostosa, fodona e determinada, os livros dela não vendem.


sem avatar Henrique (31/03/2013 15:09:58)   19 2
Assisti o filme e pelo que percebi, a intensao do filme realmente é arrastar milhoes de adolecentes meninas paras o cinema.
Durante a seçao varias pessoas chingaram o filme e foram embora, eu suportei ate o final pois paguei caro pelo ingresso.
Filmes adolecentes realmente bons como As Vantagens de Ser Invisivel quase ninguem assiste agora filmes como A Hospedeira e Crepusuclo pessoas correm pra fila, me sinto apenas Decepcionado com o mundo de hoje.


Glenda Glenda (01/04/2013 07:33:49)   94 -1
Nem perdi meu tempo, foi assisir aos Joe's e não me arrependo nem um pouco.


Lucas Lucas (31/03/2013 11:37:36)   2 1
Eu acredito que realmente o filme esteja sendo injustiçado pela antiga saga da autora. Não sou fã de Stephenie Meyer muito menos da Saga Crepúsculo, porém "A Hospedeira" é muito mais adulto e sério do que um simples romance adolescente. Achei o filme uma forte crítica a sociedade e sobre a humanidade de cada um de nós. Antes de julgarmos essa obra de Niccol, assistam!

Em relação ao livro, neste ponto acho o filme uma adaptação fraca. O livro traz aspectos muito mais fortes sobre a história, deixando até de lado o romance para a aceitação de Peregrina pelos humanos. Agora o filme em si, é uma boa escolha. Um ótimo trabalho de Niccol, seguindo a linha de "O Preço do Amanhã" que traz uma breve comparação do papel de Cillian Murphy com a da buscadora Diane Kruger.

Assistam com a mente aberta e esqueçam das comparações com Crepúsculo que será uma boa viagem.


Danilo Danilo (31/03/2013 15:45:24)   223 0
Belo comentário.

sem avatar Camila (02/04/2013 16:56:17)   -12 -2
Com certeza. Eu adorei o filme, a propósito. É diferente de Crepúsculo sim!

sem avatar Isabela (14/04/2013 14:05:08)   3 1
adorei seu comentario, ate pq nao adianta as pessoas assistirem o filme pensando na comparaçao com crepusculo.....


Lucas Lucas (31/03/2013 10:05:26)   141 0
Eu acho que essa autora e apenas uma mal amada...sério so aco porque e difícil viu.



Danilo Danilo (31/03/2013 09:58:08)   223 0
Embora tenha cenas bem piegas e um romance meloso por parte dos protagonistas, eu gostei do filme. Não é estupendo, mas serve para passar o tempo. Li o livro, gostei e achei uma boa adaptação. Muito, mas muito melhor do que qualquer Crepúsculo.



Publicidade
sem avatar Henrique (31/03/2013 09:13:35)   2 1
fui ver porque o cinemark recife fez o favor de disponibilizar o horário de Parker errado no site... só sobrou este A Hospedeira. Sinopse do NE10 classifica como TERROR. Beleza, estamos em três amigos, todos saindo sexta à noite para ver pancadaria após horas de videogame em casa, toca todo mundo pro filme de "terror", afinal, a premissa de ficção científica, algo meio "a experiência", talvez....

...'que o pariu, viu? horrível. Não tô nem aí pra quem curte Crepúsculo ou os afins, cada um ver o que quiser, ninguém me obriga a ir pra sala de cinema ver isto ou aquilo. Agora... poderia ser melhor informado de que tipo de filme de trata! O pôster, a publicidade, o trailer (sim!), o gênero informado (aí não sei se por erro do portal NE10), a sinopse...

Sério, TODO mundo das fileiras próximas que a gente pôde ouvir ficavam "que porra é essa?", "É Crepúsculo do espaço?", etc.

Só deu pra agüentar até a parte das cavernas, quando começou o mimimi do triângulo amoroso, nós 3 nos levantamos do filme e, quando percebemos, mais CINCO pessoas pegaram carona na nossa saída lol lol

Enfim, deveria ter visto a crítica antes. Nem acredito nisto (como alguém aí em cima já mencionou), mas o Hessel tá certo. Cuidado para não ir sem saber o que vai encontrar pela frente.

É um filme TEEN-tipo-Crepúsculo, sim!



sem avatar Jhonny (30/03/2013 23:41:20)   109 1
Bom assisti o filme,simplismente pq eu gosto de cinema,e mais uma vez sai infeliz! entendo que cada um tem seu gosto,e que tudo tem seus fan boys...mas pera la! não li o livro e então nao tenho como opinar mas...o filme é mal executado! não sei se por ele ser preso a historia,ou sei lá,é pessimo,e para um publico mt especifico,enfim,uma resenha rasa a minha mas que definiu meus sentimentos em relação ao filme.



sem avatar Michael (30/03/2013 23:05:57)   0 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Camila (02/04/2013 16:58:59)   -12 1
Concordo plenamente!
Eu acho que as pessoas têm que assistir antes de falar mal. Só por causa de uma crítica vai deixar de ver? Ridículo.
E eu tb não gostei da comparação com Crepúsculo, pq não é parecido.

Danilo Danilo (04/04/2013 19:12:42)   24 -1
Toda crítica se trata de uma opinião de um crítico sobre o assunto. Não tem a obrigação de ser imparcial, apenas deve ser justa e ter coerência. E acho que o Hessel foi bem coerente na crítica.


sem avatar Nove (30/03/2013 19:54:12)   -5 -6
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Glenda Glenda (01/04/2013 07:39:08)   94 -3
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Michael (01/04/2013 13:22:09)   0 2
Glenda, você mesmo disse no comentário acima que não assistiu o filme, se julgamos algo que não conhecemos o que é além de preconceito ?

Glenda Glenda (01/04/2013 14:14:03)   94 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Michael (01/04/2013 17:16:11)   0 2
Entendo, bem eu apenas acho que você não deveria criticar um filme que não assistiu, e nem pretende assistir :)

sem avatar Camila (02/04/2013 16:59:30)   -12 0
Também acho! Não tem nem comparação com Crepúsculo...e eu adoro a Saoirse!


sem avatar Nove (30/03/2013 19:52:42)   -5 1
Na boa vocês estão sendo injustos, acho crepúsculo ridículo mas esse filme é mil vezes melhor que crepúsculo.
Não julguem pelo gênero!



sem avatar cristina (30/03/2013 19:42:29)   6 -1
Li o livro, é um bom no sentido de entretenimento, dá para distrair, mas depois disso é quase impossível ter vontade de ver o filme, não depois de ler essa crítica!!!! Enfim, bom para quem gosta!!!!!



Rachel Rachel (30/03/2013 16:17:11)   42 1
PELA PRIMEIRA VEZ NA MINHA VIDA CONCORDO EM GÊNERO, NÚMERO E GRAU COM O HESSEL. (Uau, nem acredito que digitei isso, rs). Assisti o filme ontem, e me doeu ver Diane Kruger nele. Excelente atriz, num filme MEDONHO.


sem avatar Henrique (31/03/2013 09:25:16)   2 0
eu pensei que A PRIMEIRA VEZ NA VIDA tinha sido com o Anna Karenina...

Esta foi A SEGUNDA VEZ NA SUA VIDA, não?

lol

cable cable (01/04/2013 19:56:56)   638 1
medonho e uma palavra engraçado!!!

Rachel Rachel (25/05/2013 00:54:39)   42 0
Com o HESSEL? Primeira e única! Anna Karenina não foi analisado por ele.


André Filipe André Filipe (30/03/2013 12:08:23)   1207 4
o problema é que crepusculo acabou,e tão desesperados para por outro filme que traga meninas e meninos adolecentes para o cinema,fazendo que lucrem bastante!!

ja tentaram isso em 16 luas e não deu certo,agora nesse filme...

deprimente!!



Moose Moose (30/03/2013 11:40:11)   95 0
Achei a crítica muito injusta. Assisti ontem com minha namorada - uma menina linda que adora jogar Super Mario e Street Fighter - e achei o filme muito divertido. Não estou dizendo que seja uma obra-prima, mas daí a chamá-lo de ruim para o gênero? Poxa, ficção científica, para mim, é sempre benvinda e o triângulo amoroso é muito bem resolvido e nada maçante. Enfim, funcionou muito bem para mim, principalmente se comparado com aqueles filmes românticos da Cameron Diaz e da Reese Whiterspoon. Caso precisem de um filminho para assistir com a namorada - e já tenham esgotado as formidáveis adaptações da Janeiro Austen - sugiro esse aqui!


Danilo Danilo (31/03/2013 11:15:09)   223 3
Perfeito comentário @Moose. É bem isso mesmo. Não é uma obra-prima da ficção-científica, mas está muito longe de ser um desastre. A história é boa sim, evolui muito bem e não é cansativo. Eu gostei e achei a crítica injusta também.

sem avatar Luiz Felipe (07/04/2013 22:24:38)   9 0
Janeiro Austen? eheueheuhe xD
Concordo, rapaz.
Mas pra quem leu o livro, poxa, foi meio desapontante.


sem avatar Henrique (30/03/2013 10:42:27)   19 2
Huum Um triangulo amoroso?
Uma menina no centro de tudo?
Amor em excesso?
Acho que já vi essa historia.
Filme feito simplesmente para levar adolecentes apaixonadas e desiludidas ao cinema, tenho pena delas.


Danilo Danilo (31/03/2013 11:16:39)   223 -2
Porém @Henrique, o filme não foi vendido como 'o novo Crepúsculo', tanto que ele está bem longe disso. O livro e o próprio filme em si são incomparavelmente superiores a qualquer produto dos vampiros que brilham no sol.

sem avatar Henrique (31/03/2013 15:07:17)   19 -1
Finalmente assisti o filme
Deus nao acredito que gastei dinheiro com isso.
Adoro a atriz principal me doeu vendo ela neste filme.
Apenas uma coisa eu falo o filme é ruim, so nao é pior do que Crepusculo.


Publicidade
Leandro Leandro (30/03/2013 08:51:19)   1454 1
Deixando a critica de lado, poxa nem o trabalho que o Antonio Pinto fez na trilha sonora do filme presta?

http://www.youtube.com/watch?v=N0N0cbNoa5Q

Tá certo que os filmes da Saga Crepusculo, DEFINITIVAMENTE, não prestam. Mas todos tiveram um score de primeira feitos por Carter Burwell, Alexandre Desplat e Howard Shore.


Leandro Leandro (30/03/2013 20:32:36)   1454 1
@Neto

Bem, de certo modo, é um desperdicio sim.

Contudo, deve-se levar em conta que, Howard Shore é um sinfonista. E ele está sempre explorando sua arte de compor.
Ele compos uma musica ótima, para um filme muito ruim feito Eclipse.

Compositores de cinema, deveriam explorar sua arte desta forma. Pois um compositor, extrai todos os elementos positivos que um filme ruim possa ter (se ele não tiver, azar, o compositor nem sempre faz milagres).

Shore fez um tema belissimo para o Jacob:

http://www.youtube.com/watch?v=718RWF8tgMk

E Shore, não é o unico a desperdiçar seus talentos em filmes ruins:

John Williams fez isso em A Furia (dizem que é uma bomba, mas eu gosto); James Horner fez isso em Mercenarios das Galaxias; e, para finalizar, Jerry Goldsmith fez isso em As Minas do Rei Salomão, O Sombra, Damien - A Profecia II...

Quando um compositor é contratado, ele precisa pensar nas emoçoes do filme (por mais ruim que ele seja) e transpor isso com sua musica. Se John Williams tivesse feito um dos filmes da Saga Crepusculo, com toda a certeza, ele teria feito uma obra notavel! Jerry Goldsmith iria além, pois ele era o REI dos filmes mediocres com musicas excelentes!

E quando Shore aceitou o desafio de Eclipse, ele simplesmente ignorou o background dos vampiros porpurina, e encarou o filme como um profissional do ramo o faz: o encarou com seriedade e entregou um score acima da média para um filme totalmente esquecivel.




sem avatar alyson (30/03/2013 07:20:30)   23 2
realmente, sacanearam o Hessel ao coloca-lo para fazer a critica deste filme... o que eu principalmente vi aqui foram os comentarios dos defensores da saga crepusculo afirmando: "ha voces nem estão dando uma chance ao filme.. estão criticando sem ter assistido! bla bla bla!" acontece meus caros.. que algumas vezes voce consegue perceber se um filme é ruim apenas seguindo a sinopse ou o trailer... se eu percebo que um filme que eu vou assistir fala sobre um alienígena que gosta de matar seres humanos enfiando eles no seu orificio anal, eu não preciso ver o filme pra saber que ele não deve de forma alguma ser levado a serio! a mesma coisa se encaixa nesse filme da stephanie meyer... que se enquadra na categoria daqueles escritores que gostam de deixam seus livros todos com a mesma cara! sempre com a mesma trama so mudando o nome dos personagens!



sem avatar Mateus (30/03/2013 06:31:36)   12 7
Filme bom - jovens passam longe.

Filme ruim - jovens correm para assistir, dão rios de dinheiro, e acabam por influenciar os estúdios a produzir mais e mais filminhos sem qualidade. O mesmo ocorre no cenário musical, que é uma pena.

Não generalizem.

Enfim, era de se esperar um filme alá as novelas Malhação+Mutantes americanizada. Nunca que irei gastar meus 15 reais com isso, e ótima crítica Hessel.



sem avatar Luiz Pedro (30/03/2013 00:59:47)   2 2
Não assisti o filme ainda, mas já senti pelas criticas um certo desapontamento em relação ao filme.
Já deduzi antes do filme ser lançado, que por ser baseado em uma obra da mesma autora de crepúsculo, seria massacrado pela critica.
Não entendo, por que já li todos os livros da saga crepúsculo e a hospedeira, sendo que são histórias bem diferentes. No meu ponto de vista, já estão criando um certo esteriótipo.
Cinema não precisa ser sexo,drogas e violência, podemos assistir filmes com romance e amor, coisas que vem se perdendo.
Aceito quando uma pessoa não gosta de um filme, faz parte, mas não concordo e acho perverso, mal-educado, usarem termos depreciativos como: ESSE FILME É UM C*C*, SÓ PODEM SER IDIOTAS QUE GOSTAM ETC...
Todos tem o direito de não aprovar, mas não de ofender as pessoas pela internet.




Jane Jane (29/03/2013 22:59:05)   0 0
O filme é chato!!



Marcos Paulo Marcos Paulo (29/03/2013 21:52:45)   100 1
Digamos que eu não quero opinar sem ver,tipo pode até ter uma estrutura estilo Stephenie Meyer,mas não sei,o trailer é um pouco fraco e tals,mas só vendo pra saber se é tão ruim assim.



Beth Beth (29/03/2013 21:48:50)   3251 0
Sem surpresas!



Thiago Thiago (29/03/2013 21:35:41)   420 0
Resumindo, o filme é uma merda!
E o trailer... também!!!



Nando Nando (29/03/2013 20:28:28)   33 -1
A respeito do filme The Host ( A hospedeira )
Hoje fui ver o filme A Hospedeira , mas antes tive a infeliz ideia de ler a critica de Marcelo Hessel do Omelete. Infeliz porque tive o prazer de ler o livro antes e quando confirmei a visão torta e preconceituosa de um critico que ataca mais a escritora que a obra , fica realmente complicado de aceitar e respeitar. O problema é que para muitas pessoas , criaturas míticas ou alienígenas devem ser o tempero somente de filmes ou livros de terror ou ficção cientifica onde o espectador deve colocar para fora sentimentos de medo ... Ou para aqueles poucos ... graça devido ás varias comedias a respeito .
O fato que The Host é um romance , onde a ficção vem apenas para temperar e não definir .
Quando li o livro tive o prazer de acompanhar uma analise bacana de como um individuo se comportaria diante de um fato tão truculento quanto estar preso em uma mente alienígena ou/e pior ... absorver os sentimentos fortes que acompanhavam esta situação . Você se encanta pela historia, pelos acontecimentos, pelos fatos que vem passo a passo e principalmente pelos personagens... A ficção cientifica em si , acaba ficando em algumas paginas do livro.
O filme teve a mesma ideia. Mostra mais os problemas gerados do que propriamente o gerador do problema, num ponto em que que o espectador torce para que o dito problema se torne a solução .
Se o filme é perfeito... Não sei dizer. Sei que em minha opinião, um filme deve me manter ligado nele pelo tempo que durar e me banhar de sentimentos ao ponto a transformar a tela em minha única janela por duas horas . E A Hospedeira fez isso comigo e acredito com os demais que lotaram a sala em que o vi . Tanto foi que o silencio foi total em cenas de emoção e os breves aplausos nos créditos foram o grito de obrigado pelo brinde de uma boa historia.
Desculpe aos críticos que limitam a mente em apenas ficção cientifica pura ou talvez outro gênero que acabam de uma forma infeliz cuspindo seu gosto para os outros destruindo o trabalho de artistas e escritores. Outros como este que escreve estas palavras tem a coragem de conhecer o trabalho tanto literário quanto cinematográfico e banhar-se de criatividade e um ponto de vista peculiar e único ... Fugindo de alguns clichês e formulas preestabelecida.
Não vou dar nenhum spoiler quanto ao livro , muito menos aos filme , mas aconselho conhecerem ambos .


Denis Denis (29/03/2013 22:01:59)   295 -1
"Fugindo de alguns clichês e formulas preestabelecida."

Mas o filme é um clichê só e não gode deles de maneira nenhuma

sem avatar Tiago (30/03/2013 00:46:25)   57 0
Valeu sensato @Nando.

sem avatar hudson (30/03/2013 19:47:10)   18 0
cara, desculpa, mas alguém que ADORA um livro quase sempre vai gostar do filme, independente do que seja.. então não da para acreditar em suas palavras.... alguém que chama o 'treco' de the host só pode ser um fanático

Danilo Danilo (31/03/2013 11:20:13)   223 3
@Nando, obrigado pelo melhor comentário de todos. É bem isso que você mesmo disse: pessoas que criticam autores, sem conhecer a obra. Critico Meyer por Crepusculo, mas li o livro e vi o filme... Agora, A Hospedeira é de longe um livro mais profundo e muito bem escrito pela autora.

sem avatar Camila (02/04/2013 17:11:46)   -12 1
Aplausos para a única resposta inteligente aqui!


Raphael Raphael (29/03/2013 20:26:27)   433 3
Lixo para adolescentes desmiolados !

Só !


Ðartђ Ѵadęr™ Ðartђ Ѵadęr™ (30/03/2013 16:18:18)   2249 2
Ou seja, para a maioria dos adolecentes.


Publicidade
sem avatar Alisson (29/03/2013 18:37:11)   5 1
O livro eh mto mto mto show, amei o trailer agr vamos ver como ficou.



Cavill Cavill (29/03/2013 15:20:23)   265 1
Mais um besteirol adolescente...quando vão fazer algo relamente para esse público??


Denis Denis (29/03/2013 22:02:44)   295 0
Já fizeram Jogos Vorazes


Pyro Pyro (29/03/2013 15:03:18)   985 0
"Saoirse Ronan (boa atriz em papel ingrato) falando sozinha consigo mesma, num embate psicológico sobre quem ela deve beijar agora."

Tive que rir kkk

Em suma, Saoirse Ronan e Diane Kruger mereciam coisa melhor, ambas tem talento.



Dane McGowan Dane McGowan (29/03/2013 14:08:54)   514 0
Eu confesso que estava torcendo para que o diretor Andrew Niccol (que eu admiro muito) conseguisse colocar sua marca nessa historia, mas pelo jeito o que ele conseguiu foi uma mancha em sua carreira. E a sina de quem se arrisca a adaptar as historias dessa escritora mediocre.



sem avatar Michael (29/03/2013 12:51:46)   11 1
Honestamente, não sei porque vocês perdem tempo escrevendo críticas para filmes teen, eu não preciso nem entrar no link para saber que a nota do Omelete para esses filmes é sempre ruim.

Vocês são totalmente parciais, vocês gostam de um determinado gênero de filme e qualquer coisa que foge a isso recebe uma crítica negativa.


Castiel Castiel (29/03/2013 17:43:32)   79 1
Quando as pessoas vão se tocar que crítica nenhuma é parcial? Crítica não é, nunca foi e nunca será um texto imparcial, só apresentando fatos, e não argumentos.

Uma crítica não é uma sinopse, e tão pouco um resumo. Crítica é um texto COM OPINIÃO.



Denis Denis (29/03/2013 22:05:44)   295 0
"mas Hessel assim como alguns críticos sempre foram imparciais"

[Cássia] você sabe o significado da palavra imparcial?


Beetlejuice³ Beetlejuice³ (29/03/2013 12:24:21)   235 2
Uma garota dois amores hunm acho que já vi este filme kkkk
Brincadeiras a parte existem FILMES e filminhos comerciais, e este é só mais um entre tantos que não iria fazer falta alguma se não fosse produzido!



Yuri Yuri (29/03/2013 12:08:16)   50 0
In Niccol we trust, digo, ao menos eu. O cara que realizou Gattaca merece meu crédito eterno. É dificil acreditar que ele tenha produzido um material final que seja uma perda total, porque nem O Preço do Amanhã é totalmente ruim (ainda mais com a referencia a Nouvelle Vague).



sem avatar DIMAS (29/03/2013 12:06:48)   15 0
É triste e decepcionante ver uma excelente atriz (basta ver Desejo e Reparação) se perder em obras insignificantes e jogar sua carreira fora. Depois do detestável e ridículo Hannah, ela agora embarca nessa furada de "a hospedeira". Ela deveria trocar de agente. Ainda pode se recuperar.



nilton nilton (29/03/2013 08:57:47)   -1502 0
vou assistir para prestigiar o trabalho do Andrew Niccol aind que mediocre segundo o filosofo de kaboom, vai que de repente cortam a verba e ele fica muito tempo sem filmar



Conrado Augusto Conrado Augusto (29/03/2013 02:52:51)   53 4
Tá... A crítica é do FILME ou do modo como a autora do LIVRO segue com o romance?

Cade os detalhes técnicos? Cade as informações sobre o roteiro? Sobre o elenco? Cadê a crítica? :s

Vou assistir ao filme e, só assim, crio minha opinião...


Marco Antonio Marco Antonio (29/03/2013 05:13:27)   16 1
"Vou assistir ao filme e, só assim, crio minha opinião..."

Parabéns! Finalmente uma mostra de que os leitores do Omelete ainda têm salvação!

Está indo pelo caminho certo meu filho!

Raul Raul (29/03/2013 11:15:37)   1073 4
Marco Antonio, não é preciso assistir e esse filme pra saber que é uma merda. Eu que não vou sujar meus olhos vendo isso!

Satantango Satantango (29/03/2013 12:09:08)   306 0
Observando alguns padrões é possível antever algumas coisas. E a chance de esse ser uma tremenda porcaria justifica o pré-conceito com sobras.

Conrado Augusto Conrado Augusto (29/03/2013 13:35:37)   53 1
Valeu, Marco.
Nunca que uma crítica tão mal escrita assim vai me impedir de ir ao cinema...

Por mais que eu quebre a cara, prefiro eu mesmo ver se é mesmo bom ou ruim, antes de sair falando asneiras... (:

Castiel Castiel (29/03/2013 17:45:57)   79 0
Tbm acho que faltou o Hessel se esforçar mais nessa. Provavelmente o filme é uma bosta mesmo, mas faltou ele comentar mais aspectos do filme...



Omeletop : cinema

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.