Assista Agora

Ninfomaníaca | Filme erótico de Lars Von Trier ganha novo clipe

História de Joe será dividida em oito partes

Natália Bridi
25 de Dezembro de 2013

Ninfomaníaca (Nymphomaniac), o filme erótico de Lars Von Trier, divulgou o oitavo capítulo sobre a história da sua protagonista:

[Capítulo #8] Veja o clipe de The Gun (para maiores de 18):

[Capítulo #7] Veja o clipe de The Mirror:

[Capítulo #6] Veja o clipe de The Eastern and Western Church (The Silent Duck):

[Capítulo #5] Leia o trecho de The Little Organ School e veja o clipe:

"Um prelúdio de Bach: Três vozes, cada uma com personalidade própria, mas em completa harmonia. Em outras palavras: POLIFONIA. A ninfomaníaca se inspira facilmente e age."

[Capítulo #4] Leia o trecho de Delirium e assista ao clipe:

"Confusão. Ilusão. Alucinação. Morre o pai da ninfomaníaca".

[Capítulo #3] Leia o trecho de Mrs. H e assista ao clipe com Uma Thurman:

"Manter uma vasta rede de amantes nem sempre é fácil e Joe logo é confrontada com as consequências desagradáveis de ser uma ninfomaníaca. Afinal, você não pode fazer uma omelete sem quebrar alguns ovos".

[Capítulo #2] Leia o trecho de Jerôme e assista ao clipe com Shia LaBeouf:

"Amor é apenas luxúria com ciúme. Apesar de o amor ser um sentimento frívolo aos olhos da cínica ninfomaníaca, a jovem Joe encontra forças que penetram a sua defesa blindada. O seu nome era Jerôme".

[Capítulo #1] Leia o trecho de The Compleat Angler (título que faz referência ao livro de Izaak Walton sobre pescaria, publicado em 1653) e assista ao clipe:

"Como uma embalagem de doces de chocolate se torna um símbolo de vitória sexual? Quando Joe e sua amiga experiente, B, embarcam em uma viagem de trem, elas apostam quantos homens seduzirão no trajeto. O grande prêmio é uma deliciosa embalagem de doces de chocolate e se torna claro que Joe está disposta a vencer. Como um pescador experiente, ela precisa atrair a presa ao anzol."

Dividido em dois volumes (dois filmes), Ninfomaníaca terá oito capítulos: The Compleat AnglerJerome, Mrs. HDeliriumThe Little Organ SchoolThe Eastern and Western Church (The Silent Duck) The Gun.

Ninfomaníaca trata da jornada erótica de uma mulher, do seu nascimento aos 50 anos, a auto-diagnosticada ninfomaníaca Joe - que Charlotte Gainsbourg interpreta adulta e a modelo Stacy Martin faz na juventude. Na trama, em uma noite fria de inverno, o velho solteirão Seligman (Stellan Skarsgard) encontra Joe semiconsciente e machucada em um beco. Depois de levá-la ao seu apartamento, ele cura os machucados dela enquanto escuta à luxuriante história da vida de Joe.

Uma ThurmanChristian SlaterJamie Bell, Connie NielsenShia LaBeoufNicolas BroJesper ChristensenJens AlbinusShanti RoneySeverin von HoensbroechWillem DafoeUdo KierJean-Marc BarrCaroline GoodallKate AshfieldSaskia ReevesOmar Shargawi também estão no elenco, entre outros.

Ninfomaníaca estreia em 25 dezembro na Dinamarca, em uma versão de quatro horas editada pelos produtores - leia mais. A versão de Lars Von Trier, com 5 horas e meia, chegará aos cinemas na segunda metade de 2014.

Leia mais sobre Ninfomaníaca



Vídeos relacionados

Publicidade

Comentários (153)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

sem avatar Bruna (29/12/2013 03:34:13)   0 0
Só eu que enxergo "Ninfomaníaca" como uma drama, e não um filme erótico/pornô como a maioria das pessoas???


sem avatar Jean (03/01/2014 13:16:23)   2 1
O elenco do filme e as pessoas aqui que pagam de intelectual também concordam com você. Para mim, não passa de putaria camuflada...

Tatiana Tatiana (08/01/2014 11:20:13)   163 1
A ideia na cabeça do Lars pode até ser o de drama, e o de usar o sexo pra mexer com as pessoas. Mas o resultado será meramente um pornô com orçamento alto...


Alexandre Henrique Alexandre Henrique (26/12/2013 13:24:00)   223 -2
O ser humano e sua falsa moral.

O Von Trier gosta só disso... colocar o dedo na ferida. E vocês ainda ficam discutindo merda pra caralho! Hehehe...


Alexandre Henrique Alexandre Henrique (26/12/2013 14:08:19)   223 -1
Hahahahaha... não.


Tatiana Tatiana (26/12/2013 09:18:48)   163 3
To até vendo já a crítica de 5 ovos do Hessel.


Tatiana Tatiana (08/01/2014 11:19:25)   163 0
O Hessel vê pinto e sexo em tudo, até no novo "Carrie" ele fez a crítica toda sexualizada... volta e meia no Omelete TV ele vê pinto em alguma coisa... Então, imagina só, vai criar o sexto ovinho pra dar pro Ninfomaníaca, afinal reúne um diretor que se acha inteligente por ser complexo e parnasiano demais (Lars Von Trier) e o tema preferido dele... rs


sem avatar Flávio (25/12/2013 20:51:58)   56 2
Faço um comentário simplesmente como leitor, um cara que ama cinema, enfim;

"este projeto" tem força para ser uma bomba de tamanha proporção que afetará estúdio com demissões em massa, acabará com a carreira de alguns atores e sepultara diretores e afins.


Willie Willie (25/12/2013 22:57:54)   810 0
huahauhauhauh

Why so serious?

Ok, ganhou o prêmio de comentário mais involuntariamente engraçado!


Madeira Madeira (14/12/2013 17:19:05)   193 0
Próximo filme do Tier vai ser um reboot de Centopéia Humana, só que uma versão profunda e inteligente, que mostra a melancolia e a diversidade humana exposta em sua forma mais crua.
(sarcasm off)



André André (13/12/2013 15:49:47)   161 1
Se é para discutir o ser humano ou questões existenciais, prefiro Bergman.
Ou mesmo o Malick, cujo diálogo com o espectador se dá tanto na ação das personagens quanto dentro de seus pensamentos, às vezes extremamente intimistas e metafísicos.

Não que não goste do Trier; pelo contrário: Medea (1988), Europa (1991), Os Idiotas (1998) Dançando no Escuro (2000), Dogville (2003)são filmes que tenho consideração especial.

O Lars Von Trier é um deprimido diagnosticado. Mas em vez de tomar antidepressivos, ele faz filmes.
Ele é bom, é diferenciado.
Mas depressão cansa. E melancolia também.

Sobre seu novo filme,apesar de instigante, o trailer já me pareceu cansativo. Mas depois de assistir, se achar concernente, faço meu comentário. Lembro do impacto que o público (e eu) sentiu ao ver Império dos sentidos (1976), do cineasta japonês Nagisa Oshima, também ele vencedor de Cannes.
É um filme enxuto, sem nenhuma firula narrativa ou excessos de câmera, apenas dois personagens se trucidando psicologica e fisicamente em alguns pouco cenários. A importância do filme?
Godard, Truffaut e Alain Resnais diziam que sem a nouvelle vague japonesa não teria havido a francesa.

Duvido que o Nymphomaniac tenha tamanha repercursão.










sem avatar Eduardo (14/12/2013 11:14:46)   3 2
O diagnóstico das doenças e transtornos mentais é totalmente diferente do das doenças orgânicas, como chamamos em medicina. Antes que venham querendo me falar de livros, enfim, eu sou médico, e obtenho meus conhecimentos de fontes técnicas e manuais. Desconheço e não me interesso por blá blás de filosofia e qualquer outra coisa. Do ponto de vista psiquiátrico, seja CID 10 ou DSM V, os manuais mais importantes para catalogação de doenças e condições mentais, parafilias (pedofilia, coprofilia, sadomasoquisamo, etc) não são consideradas doenças, mas sim transtornos de comportamento. As pessoas que apresentam esses transtornos têm o seu prazer sexual necessariamente associado à essas práticas, sendo assim, um indivíduo que realizou uma dessas práticas uma ou duas vezes na vida, não pode ser enquadrado nesse diagnóstico (Frequência é essencial em psiquiatria e na medicina em geral. Uma pessoa com sintomas psicóticos só pode ser diagnosticada como esquizofrênica após 6 meses de início dos sintomas, por exemplo). Se esses pacientes encontram formas de executar essas atividades sem dano a si próprio ou a outras pessoas, não existe porque se intervir nisso. Sobre as intervenções, bem, diferentemente das doenças mentais, não existe tratamento farmacológico específico preconizado talvez psicológico. Quero deixar claro que, justamente por não ser doentes, essas pessoas não podem ser consideradas inimputáveis caso cometam crimes para satisfazer seus impulsos (um pedófilo explorar uma criança sexualmente), como seria um esquizofrênico que matou a família durante uma crise psicótica, por exemplo. A maioria dos transtornos de comportamento não oferece riscos ou sofrimento aos pacientes. Mas, infelizmente, essas pessoas são constantemente estigmatizadas e excluídas pelos seus pares "normais".Este acaba sendo o maior problema delas. A psiquiatria moderna é totalmente diferente das dos filmes. É verdade que, no passado, essas doenças serviam muitas vezes como rótulos para legitimar o exílio de pessoas que causavam desconforto na sociedade. Elas eram trancafiadas e abandonadas em manicômios para apagar a sua existência imperfeita do mundo. Hoje em dia a internação é a exceção. O objetivo é ajudar as pessoas e não rotular e banir aberrações. Um pouco de tolerância tornaria o mundo muito melhor. É compreensível se rejeitar essas práticas, mas também, não se pode agir com a mentalidade de inquisidores e pedir uma caça às bruxas. Se não interferem na sua vida e não fazem mal a ninguém, porque se importar com isso?


Iorio Iorio (30/11/2013 18:13:11)   -6 -2
Fico assustado quando vejo o público-alvo deste site, que, em tese, são as pessoas que consomem HQs/filmes, emitindo opiniões sobre o que não viram.

Lars von Trier é um diretor, um artista. Muitas pessoas, eu inclusive, consideram-no um dos melhores em atividade. Ele, porém, se propõe apenas a fazer o seu trabalho autoral, não a ser um gênio. Logo, qualquer um é tão livre para adorar o seu trabalho quanto para detestá-lo, e há que se respeitar qualquer uma das opiniões.

Entretanto, permito-me dizer que nada há de pretensioso na obra de Lars von Trier. Nenhum de seus filmes jamais me decepcionou (Dançando no Escuro, Os Idiotas, Dogville, Manderlay, Anticristo), ainda que eu goste mais de uns que de outros (Melancholia, e que não tenha assistido a outros tantos (Europa, Ondas do Destino, O Grande Chefe - que é tido unanimemente como seu pior filme).

A adesão do cineasta ao movimento Dogma e, depois, a um estilo de cinema mais seco (evitando, tanto quanto possível, efeitos especiais, trilha sonora, e outros elementos que "colorem" os filmes) não é "pretensão", "vontade de ser difícil" ou "loucura": é um MOVIMENTO de DIVERSOS DIRETORES, dentro de um contexto, de assumir que muitos artistas têm o que dizer mas suas histórias não são capazes de atrair investimentos de milhões como acontece em Hollywood e nos filmes ditos alternativos de Sundance. Esse estilo nada mais é que a versão européia de "uma idéia na cabeça, uma câmera na mão", já ouviram falar?

Pode ser que Ninfomaníaca seja uma bosta. Ninguém viu, então ninguém sabe. Julgar o diretor e o filme só a partir dos cortes feitos para o trailer é de uma infantilidade atroz. Será que, por tratar de sexo, e de não ter pudor de ser explícito, o filme tem de ser rotulado como pornô-cabeça?

Indo além: e se Lars von Trier realmente tiver cismado de rodar um pornô? Nesse caso, Bryce Dallas Howard e Kirsten Dunst farão muita falta. Mas já que estamos entre adultos, e que todo mundo conhece Xvideos e Redtube, qual o problema se alguém propuser uma mudança no formato padronizado e sonífero padronizado pela indústria norte-americana (em que até o fetiche foi padronizado de forma mecânica e sem graça pelo Kink.com)?

Enfim, eu nunca tive o menor pudor de discordar do senso-comum e detestar pseudointelectuais que endeusam filmes chatérrimos com idéias pobres, formas confusas e pretensão em excesso, mas atesto que Lars von Trier não é um desses. Seu cinema nunca é entretenimento puro, e muitas vezes torturar o espectador é uma opção deliberada, mas, na boa, quem consegue resistir a Dogville até o final vibra e não se decepciona com o filme.

Manderlay propõe a seguinte discussão: até que ponto os oprimidos não contribuem para a opressão? Até que ponto o status quo e o papel de coitadinho não são uma desculpa para o imobilismo? Lars von Trier trata o tema com negros e escravidão. Isso é a antítese do cinema existencialista pseudointelectual: gostem ou não da discussão proposta, gostem ou não da forma como ela é desenvolvida no filme, o cara tem colhões de verdade.

E Anticristo, bom, é o melhor filme de terror desde O Bebê de Rosemary. Rodado num momento de depressão (demência?) do diretor, é bem menos racional e bem mais simbólico - o que funciona muito bem quando o objetivo é filmar terror.

De minha parte, eu ficaria feliz se, depois do pornô-existencialista-cabeça-ou-seja-lá-o-que-Ninfomaníaca-é, Lars von Trier filmasse Washington (a 3a parte da trilogia iniciada com Dogville e Manderlay) ou assumisse o filme do Sandman.


João João (30/11/2013 20:57:43)   358 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


Away  de  Pequenópolis Away de Pequenópolis (30/11/2013 15:57:33)   -77 2
Eu queria ver é "Mônica mattos vs 300 d Esparta.


sem avatar murilo (30/11/2013 18:35:36)   0 0
Awwwwwwwwwwwwaaaaaaaaaaaaayyyyyyyyyyyy!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


sem avatar nulib (30/11/2013 15:21:05)   10 4
bucetomaniaca!



Cesar DS9 Cesar DS9 (30/11/2013 10:29:30)   777 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Marcio A. (30/11/2013 12:34:43)   201 4
Diria que são a trilogia da masturbação mental. Pois o que dizer de algo tão ridículo e doentio, como uma mulher que ganha um chicote de presente e oferece a b@nda pra que alguém a flagele? Ah, é verdade! Estava esquecendo que agora sadomasoquismo é considerado "normal".

Piada de mau gosto. Lars von Triers não passa de um louco fissurado pelo que há de mais baixo e patológico no ser humano, e tenta vender isso com ares de profundidade e intelectualidade aos tontos que ficam de quatro diante de quem não faz mais do "falar difícil".

Puro lixo. Nada mais.

sem avatar Eduardo (30/11/2013 17:38:14)   -98 -7
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Anderson OXS Anderson OXS (30/11/2013 18:32:25)   1 -3
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Marcio A. (30/11/2013 19:33:22)   201 5
Já que vocês gostam de bizarrices, façamos como o esquartejador. Vamos por partes:

Para o Sr. Eduardo:

1- Quer dizer que emitir uma opinião diferente da sua, que pelo visto navega nas águas do mainstream politicamente correto, é "não conhecer nada as facetas do ser humano"? Lamento, mas quem não conhece é você, que só tem a oferecer clichês e lugares-comuns.

Aliás, pensamento pequeno é o seu, que não aceita o contraditório, típico de gente medíocre, incapaz de debater com argumentos e que parte para a agressão pessoal. Triers é um apologista do nazismo e do que há de mais baixo no ser humano. Diretor de 5a categoria, endeusado por babacas semianalfabetos, que nunca leram nada, e só sabem repetir o que críticos baba-ovos dizem. Imagino que você deve fazer parte dos mesmos nazistas admirados por Triers. Dá para entender.

B) Para o Sr The End:

1- Sadomasoquismo é DOENÇA diagnosticada e catalogada por todas as sociedades de psiquiatria do Ocidente e sua retirada do index da OMS se deveu a pressões políticas de grupos que defendiam também a retirada do homossexualismo da condição de doença. Então, para se legitimar um, resolveu legitimar-se todos os outros, embora sem NENHUM ESTUDO SÉRIO E CONCLUSIVO FEITO A RESPEITO.

A retirada do sadomasoquismo do catálogo de psicopatologias se deveu ÚNICA E EXCLUSIVAMENTE A QUESTÕES POLÍTICAS que envolveram a Sociedade de Psiquiatria Americana, que não é base para se chegar a conclusão sobre o tema, pois a sociedade americana nada tem a ver com a indiana, a chinesa ou as islâmicas. Portanto, trata-se de resolução parcial, sem qualquer base científica.

2- Pior que o preconceito é a burrice e a desinformação de gente sem qualquer cultura, que apenas fica repetindo como papagaio o que outros disseram. O seu raciocínio, Sr. The End, funciona assim: SE UM DIA A PEDOFILIA FOR RETIRADA DO CATÁLOGO DE ENFERMIDADES PSICO-SOCIAIS, ENTÃO ELA SERÁ NORMAL, NÃO É?

3- Se você quer legitimar algum eventual pendor seu por esse tipo de prática, faça-o em sua vida privada. Mas vir aqui, num espaço público, defender o comportamento de aberrações, vai ler o que merece.

Bom fim de semana.

sem avatar Eduardo (30/11/2013 23:03:43)   -98 -7
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Marcio A. (01/12/2013 11:51:33)   201 4
Eduardo, você não muda seu discurso, ein, colega? É incapaz de aceitar que alguém pense diferente de você, que não goste daquilo que você -contando exclusivamente com sua opinião pessoal- considere bom. Lamento, mas considero Trier um lixo e o cinema que ele faz sub-sub-sub-sub. Não é muito mais do que um Tinto Brass repaginado. Ele pode reunir a melhor plêiade de atores, que continuará a mesma porcaria.

Você não apresentou sequer uma opinião em defesa do cinema do Trier. Deveria fazê-lo ao invés de partir para o ataque pessoal. Com isso, só evidencia sua incapacidade para o debate. Desculpe se meus comentários tocam algo dentro de você mesmo.

Baseio minha argumentação em dados, não em achismo ou gosto pessoal. Particularmente, fugindo da discussão sobre cinema, creio que só doentes psicopatológicos é que podem gostar mesmo de doenças. Mas para gente com QI nível 80, gostar de doença, hoje, é "glamuroso" e "in". Portanto, desfrute à vontade. Abraço!

sem avatar Mateus (01/12/2013 15:41:43)   -3 -6
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Marcio A. (01/12/2013 20:53:49)   201 4
Mateus, você é outro que segue na linha de ataque pessoal. Impressionante como aqui todo mundo discute o comentarista, jamais o comentário. E ai de quem discordar. Mas vamos lá.

Seu comentário é tão ridículo, que diz que eu não teria assistido aos filmes de Trier. Vi e dormi. Lamento. Chato pra cacete, e não acrescenta um milímetro a nada a respeito da natureza humana. Exceto para quem gosta de masturbação mental e círculos fechados. Se é para discutir o ser humano, prefiro Bergman ou Peter Brook.

Quanto a chamar os outros de "doente", lamento se sadismo e masoquismo são considerados enfermidade (leia Havelock Ellis, Freud, dentre outros) em psicologia, psicanálise e psiquiatria. Os termos foram retirados do catálogo de doenças psíquicas da OMS em 1993, para legitimar a retirada da homossexualidade como doença psíquica, que até então era considerada desvio. Não houve qualquer estudo sério de nenhuma entidade de saúde que endossasse essa supressão, exceto pressão política de grupos, que chegaram inclusive a ameaçar de morte médicos da Sociedade de Psiquiatria Americana. Isso certamente você não sabe, não é? Pois é. Mas você que deve ser mais um rato de Internet, pesquise e confirme por si mesmo. Não em português, porque a Internet em língua portuguesa é para lá de fraca.

Agora, entenda uma coisa: O fato de uma pessoa realizar algo de maneira "controlada", como por exemplo ir a uma casa de sadomasoquismo ou a uma casa de zoofilia, não torna estas práticas saudáveis ou minimamente normais (entendendo-se "norma" como padrão de comportamento de pessoas que vivem em sociedade). E realmente não são. São aberrações. Ponto.

No caso, meu ponto a respeito de Trier é que ele só deseja chocar. Nada mais. Para mim, como pessoa ele acabou no dia em que fez a saudação nazista no Festival de Cannes. E como cineasta nunca foi nada demais.

As fotos dos cartazes são ridículas. Os clipes absolutamente toscos. Tem que ser muito idiota para considerar essa bobagem aí como "estudo da natureza humana". Só se for do esgoto humano. No mais, não assisti o filme, óbvio, não saiu ainda. Só estou antevendo que será mais do mesmo: um cara que adora tentar chocar, agora tentando chocar mais ainda, fazendo um pornô cult, com atores de qualidade. Receita para fanáticos como você se arrepiarem quando alguém ousa falar contra seu totem.

Aliás, o próprio termo Ninfomaníaca (ou furor uterino, como antigamente era chamado) já evidencia uma patologia. Se você não sabe -e suponho que não saiba-, tanto em medicina alopática como homeopática existem medicamentos para tratar a ninfomania, que é considerado distúrbio da personalidade.

Colega, minha recomendação para você: vá estudar mais. Mas ler LIVROS, e não sites meia boca. Outra coisa: respeite os outros, mostre suas idéias. Isso basta para um debate sério.


João João (01/12/2013 23:15:20)   358 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar Mateus (02/12/2013 09:45:04)   -3 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

João João (02/12/2013 10:21:13)   358 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

João João (02/12/2013 10:31:57)   358 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

João João (07/12/2013 15:08:56)   358 2
@Marcio A.

Vendo aqui o resultado do debate só posso concluir:

Pelo estilo de sua escrita você usa outros perfis para escrever aqui. Você deve ser o mesmo merdinha que tira 5, 6 ou 7 estrelinhas quando se ferra epicamente em um debate. Até parece que eu vou acreditar que tanta gente concorda com TODOS os seus argumentos e seu comportamento arrogante. Talvez você tenha se animado por estarmos falando de algo que pode trazer o preconceito das pessoas. Então aproveita e negativa várias vezes.

Uma pesquisa rápida pelo GOOGLE pode mostrar que Freud não concluiu como sendo nociva a prática do sadomasoquismo para a sociedade. Sendo que se pratica com várias regras e códigos de conduta. É muito esquisito mesmo, mas não vou usar de preconceito, termos pejorativos ou internar à força as pessoas que tem discernimento suficiente para escolherem tratamento se assim desejarem. O GOOGLE pode ser usado sim para pesquisa, não somente os livros, desde que sendo bem utilizado e assim evitando os achismos. Existem instituições mundo afora que usam a internet para divulgar seus resultados. Enfim, os cavalos já não são o principal meio de transporte, assim como os livros podem não ser mais os principais meios de estudos.

Argumento esdrúxulo este seu "se a pedofilia for retirada do catálogo de psicopatologias então será normal..., como se fosse possível isto acontecer, já que se rata de abuso violento de um ser humano inocente, coisa que não acontece, pelos inúmeros estudos já feitos, com os praticantes de sadomasoquismo. Em relação a zoofilia nem precisa explicar. As negativações que me atingiram só mostram a burrice das pessoas, se foram mesmo várias, em contraste com o seu argumento.

No mais este site só serve para adicionar burrice ao implementar este sistema de estrelinhas e comentários que são fechados por serem negativados sem resposta. Serve para alimentar o ego de quem se acha perfeito em argumentações e que não tolera perder um debate.

Nem acho que você perdeu, nem que eu ganhei. Nunca disse que sadomasoquismo não é doença. Só é uma doença branda que pode ser mantida mais incluída na sociedade sem causar danos, ao contrário dos pedófilos que fazem mal mesmo a sociedade.

A única coisa que me incomoda é ter os meus comentários fechados sem que fossem rebatidos por você.

Rebata meus argumentos, ao invés de covardemente retirar estrelinhas...


João João (08/12/2013 09:23:05)   358 2
Fui pesquisar um pouquinho via Google e pude notar o seguinte:

O sadomasoquismo liberado nada mais é do que a sua forma menos nociva aos próprios indivíduos praticantes. Os patinhos feios, e asquerosos, que tem a incapacidade de sentir prazer do jeito normal, se conseguirem seguir regras e normas de conduta que possibilitem seu convívio em sociedade SEM QUE COMETAM ALGUM TIPO DE CRIME é que é a psicopatologia liberada pela resolução da OMS.

Claro que sei que o sadomasoquismo em 50 Tons de Cinza é soft e embalado como algo legal para ser consumido. E que o sadomasoquismo que é praticado nas casas especializadas pode ser mesmo asqueroso do ponto de vista da maioria das pessoas. Eu incluso.

Só que o @Marcio A jamais em seus comentários sequer lembrou de citar que este desvio de conduta não é associado somente com sexo. Já que ele estudou nos seus livros, deveria ter feito isso. Este desvio pode ser observado em todas as situações do cotidiano. Ninguém seria internado em uma clínica psiquiátrica contra a própria vontade por ter humilhado alguém. Por motivo fútil. Seria sim atitude passível de crime. Quando o comportamento é usado para proveito próprio, prazer, fica difícil imputar qualquer responsabilidade criminal nestas pessoas a não ser que se cometa crime de coerção. Sadomasoquismo por meio de coerção, ou seja, sem o consentimento, é crime. Ou prática seguida de morte.

Quanto a retirar a pedofilia da lista de doenças da OMS, a APA se manifestou em relação ao seu próprio erro de redação de texto. Ela simplesmente avançou no diagnóstico de dois casos distintos.

O caso da pedofilia que a pessoa sente atração sexual por crianças, não realizam o seu, doentio, desejo realmente. Somente se masturba vendo imagens com crianças. Entendeu @Marcio A.? Isto é considerado transtorno de pedofilia. Doença.

Mas o pedófilo que abusa de fato de uma criança não é mais considerado doente. E muitos alegam problemas mentais, psicológicos e exigem tratamento ao invés de algumas imputação criminal. O texto trata como doente os masturbadores pedófilos e como pessoas más e passíveis de punição os estupradores pedófilos. Sendo que os pedófilos que usam crianças para produzir material pornográfico também são passíveis de serem tratados como criminosos e não como doentes coitados. entendeu?

Você não disfarça em seus comentários vários preconceitos, principalmente para com quem tenta realmente ser racional. Também não esconde seu pseudo intelectualismo ao recomendar textos em inglês, porque a internet em português não presta, e ao mesmo tempo não ter chegado ao site da American Psychological Association (Sociedade de Psicologia Americana), que está em inglês.

Ali as pessoas poderão navegar e tirar suas próprias conclusões.

No mais posso dizer que você, com seus prováveis perfis falsos, que tenta ridiculamente ter poder de maioria, e/ou seus colegas de patotinha ressentida (quem frequenta o Omelete a tempos sabe do grupinho que existe por aqui), é que faz papel de pessoa de Q.I. 80. Pois também não enxerga(m) suas várias pseudo intelectualidades.

Se for isso menos mal. Mas se for babaquinha usando o senso comum, que muitas vezes erra, para ganhar questão, denota-se aí mal caratismo.

Sem mais.



sem avatar Lucas (13/12/2013 16:09:52)   47 0
quanto bla bla bla nessas respostas.

sem avatar Marcio A. (16/12/2013 11:04:57)   201 -1
João e Mateus, bom dia. Não tinha lido seus comentários antes. Vamos lá:

1- Acho que vocês deveriam relaxar, antes de mais nada. isso é um blog, post, sei lá, nada mais. Aqui ninguém está ganhando ou perdendo nada.

2- Opinar diferente de vocês não me torna seus inimigos, ou coisa pelo estilo. Agora, se vocês apelam para a ofensa pessoal quando lêem uma opinião diferente, devem se preparar para a réplica.

3- Meu nick é só este mesmo, Marcio A., que são minhas iniciais. Não criei perfis falsos, não sou troll. Não negativei, nem positivei ninguém, sequer a mim mesmo. Se não quiserem acreditar, lamento.

4- Não gosto de Lars von Trier, nem como cineasta, nem como cidadão. Não perderia (perderei) mais meu tempo assistindo nada dele.

5- Eu não falei nada sobre comparar sociedade de psiquiatria americana com indiana ou chinesa. O que eu disse foi que a sociedade de psiquiatria norte-americana usou como base de seus estudos sobre sexualidade a sociedade norte-americana, apenas isso, e que nas sociedades chinesa e indiana o sexo é encarado de maneira completamente distinta de como é nos EUA. Percebam que num país (EUA) onde as liberdades individuais são tão cultuadas, o moralismo é imenso, o sentimento de culpa etc. E, mais interessante: os EUA (e a cultura WASP, por extensão) jamais nos deram libelos de sexualidade como o tantra, o kamasutra, Li Yu etc.

Sendo assim, em se tratando de culturas diferentes, como alguém pode querer universalizar uma abordagem que é restrita a seu próprio povo e país? Foi isso que escrevi.

6- Realmente não perco tempo com sadismo, masoquismo etc. Isso não me acrescenta nada, e o sexo tem muito, mas muiittto a oferecer sem isso aí.

No mais, relaxem e lembrem-se: esse espaço aqui é para se divertir, não para guerrear. Saudações!



Willie Willie (25/12/2013 23:04:13)   810 0
Belo comentário, DS9.
Sem dúvida, é um diretor que tem seu valor. Basta notar o escarcéu que os filmes dele causam nas pessoas. Apesar de ser mal compreendido [quem não compreende, insulta] eu não levaria o Von Trier tão a sério, na minha opinião existe um certo grau de "trolagem"nas obras dele. hehe

João João (10/01/2014 20:53:52)   358 0
Eu estava de férias e não tinha visto respostas novas aqui.

@Marcio A.

Muito cinismo seu escrever que é um espaço para debates sadios e que não leva nada para o lado pessoal. Mas quem começou com ataques verbais pejorativos foi vossa excelência mesmo. Mas tudo bem, perdoável, afinal nem te conheço pessoalmente. Sua recomendação sobre manter os ânimos calmos lhe serve também.

Em relação a colocar obras sobre sexo dos chineses e hindus, o sadomasoquismo não tem a ver somente com sexo. Como você mesmo disse é uma doença psicossexual. Nem considero a prática realmente sadia, mas acredito que minhas explicações foram suficientes. O parecer da APA só abre precedentes, a China, a Índia e a comunidade muçulmana pode muito bem não reconhecer o que foi feito.

Você pode chamar o Trier de pseudo-intelectual, mas os debatedores omelenautas não existe necessidade. Pois podemos ter vários tipos de pessoas por aqui. Basta dar suas explicações ser tachar ninguém de burro. Seria um ponto positivo para você. OK?

O Trier provoca sim, concordo que é uma trollagem, mas não devemos proibir e nem mesmo desfilar preconcietos de qualquer espécie.

Continuo achando estranho comentários arrogantes e que não respeitam a liberdade de expressão e de maioridade das pessoas serem tão positivados.

Até.


Publicidade
Luke, o Jedi Luke, o Jedi (30/11/2013 09:52:58)   293 0
Só faltou o Mickey Rourke nesse filme.



Daniel Daniel (29/11/2013 22:52:44)   443 1
Não perco esse filme nem a pau.



Madeira Madeira (29/11/2013 22:04:06)   193 2
Não tenho nenhum problema com o tema do filme ou da forma como ele é mostrado, mesmo por quê eu ainda não vi, mas posso dizer uma coisa, os filmes de Von Trier são incrivelmente enfadonhos.
Ps: Grande parte das pessoas que defendem como ele é bom, são pseudo-intelectuais querendo "fazer bonito", isso me lembra os antigos "amantes dos filmes franceses" p&b e sem nexo algum.


sem avatar Marcio A. (30/11/2013 12:37:35)   201 1
Perfeito, Madeira. Esses que endeusam o cinema-lixo pseudo-intelectual de Triers devem ter orgasmos assistindo O Ano Passado em Marienbad, um dos filmes mais chatos da história do cinema. Mas, claro, só os entendidos e 'iniciados' é que são capazes de captar toda a 'profundidade' daquela chatura atroz (os planos são bacanas, mas o enredo, a linguagem etc., são nível nouveau roman, lixo pseudo-existencialista).


Cidimar Cidimar (29/11/2013 16:54:35)   5 2
Talvez assista o 'resumo' em video pelo xvideos.


sem avatar murilo (30/11/2013 17:06:05)   0 0
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!



G. brucew G. brucew (29/11/2013 16:52:43)   1747 1
E tome-lhe chicotada!!!

Como eu queria que tivesse a Bryce Dallas Howard nesse filme, o que o Lars Von Trier fez com ela em Manderlay foi sensacional!



Tiago Tiago (07/11/2013 10:00:02)   90 0
Quanta viadagem e mi mi mi. Filme para frígidas.



Severus Severus (02/11/2013 00:16:36)   6 0
Não acho nada inovador esse filme porém espero ver um bom filme.



sem avatar icaro (01/11/2013 15:41:51)   204 1
Qualquer episódio de Game of thrones dá de mil a zero em qualquer filme do Lars Von Trier e sua pseudo-ousadia.



Daniel Daniel (01/11/2013 14:51:27)   298 -1
"A língua do Shia LaBeouf" com certeza aumentou 100% as expectativas dos omelenautas sobre esse filme!



Bruno Bruno (01/11/2013 14:10:53)   193 -1
Filme perturbaaado de verdade!



Publicidade
sem avatar alvaro ulisses (11/10/2013 14:36:40)   -26 0
esse filme é pra nerd q nao faz sexo, lixo, afinal oq esperar do pior diretor do mundo, só faz M.



sem avatar Rafael (27/09/2013 16:06:02)   -5 0
To vendo que a maioria dos homens vão assistir apenas 15 minutos que é um tempo para uma fap,fap,fap,fap,fap de qualidade!



Sir Galahad, the Pure Sir Galahad, the Pure (27/09/2013 16:06:01)   -883 -1
.
Não sei por que gastar dinheiro com um tema tão desgastado quanto sexo. Todos os anos milhares de filmes abordam essa temática, mesmo no Brasil, onde destaca-se o estúdio "brasileirinhas", que aliás, faz trabalhos muito competentes.



eunãoseiviu eunãoseiviu (27/09/2013 13:11:25)   6 5
Eu até gosto do Von Trier,longe de acha-lo genial,mas dizer que ele não qualidades é falar sem conhecimento.Falar sobre sexo é sempre um tabu para os brasileiros,nego se mata vendo a Sasha Grey na internet,mas se a encontrar pessoalmente ou vai olhar com preconceito ou vai querer zuar a mina(achando que ela está sempre acessível pra trepar).
Tudo isso pra concretizar o seguinte,Ondas do Destino já tratava sobre sexo,e acredito ser de 96 ou 95,com cenas fortes,também,ele sempre falou sobre o assunto,me deixa perplexo pessoas que curtem cinema criticar sem pelo menos conhecer filmes fundamentais da carreira do diretor.Não gosta? mas sem assistir ou conhecer? só sinto pena.



André Filipe André Filipe (03/09/2013 07:36:36)   1119 0
fap...fap...fap...fap...



Willie Willie (30/08/2013 11:46:02)   810 3
Von Trier!!! To na fila.
Neo-puritanos inconformados e xingando na internet sobre o filme em 3...2...1...
Espera... já tão aqui! XD


sem avatar Dan (27/09/2013 09:01:58)   22 0
Isso tem de muito por ai mesmo.


sem avatar Dan (30/08/2013 11:12:53)   22 2
Minha opinião sobre esses caras que falam mal desse filme: Nerds Virgens, sem mais.

Gosto do trabalho do Von Trier, e chega a sr inovador por bater de frente com esse preconceito medíocre com sexo no cinema e na sociedade, até parece que vocês não gostam de sexo, parem com essa ladainha toda, todas as noites estão xvideos e redtube e quando alguém decide fazer um filme que explore a mais a sexualidade vocês vêem com essas frescuras toda, francamente.


sem avatar Pedro (13/09/2013 09:08:13)   33 1
Ng está falando mal do filme por causa do sexo, e sim de quererem posar de revolucionários e artísticos com o bacanal. Tipo de filme que será assistido diante de uma lareira, com chapéuzinho de crítico cult e chá, pra depois soltar um review filosófico e enrolado no melhor estilo Pablo Villaça. ahahahahahahahahahah


Guaxini Guaxini (30/08/2013 09:06:31)   943 -1
Acho que o Shia LaBeouf quer quis pegar alguém nesse filme, afinal o cara terminou um namoro de longa data so para participar! hehehehehehehe



André Filipe André Filipe (30/08/2013 08:30:14)   1119 -1
o que vai ter de gente ´´madeirando´´ nesse filme...meu deus do ceu kkkkkkkkkkkkk

Os adolecentes vão ver so pra fazer 5 contra 1 o dia inteiro!!


M. Galego M. Galego (30/08/2013 08:54:05)   160 -1
Sabe quando os atores e atrizes globais querem dar um pega um no outro, e a Globo inventa uma novela cheia de pegação, só para dar aquela força?

Tipo como fazem com o José Mayer, que tá sempre catracando uma gostosa (ou nem tanto)?|

Esse filme é a mesma coisa.

Dan Dan (01/12/2013 04:42:05)   -40 1
@M. Galego: seguindo sua " linha de raciocínio " então o mesmo valeria pro elenco de " Brokeback Mountain "?


sem avatar taito (26/07/2013 17:35:30)   89 -4
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Super Sincero Super Sincero (30/08/2013 08:03:37)   -459 -2
kkkkkkkkkk

Falou e disse.......rsrs

M. Galego M. Galego (30/08/2013 08:56:58)   160 -2
Nem. "P**a" é o que os lanterninhas mais vão falar, rs, rs, rs.

E os malucos tão querendo mesmo que as garotas soltem os demônios interiores delas, para eles soltarem os capeteeeenhas, de dentro da calças também.

É tudo um circo armado (em todos os sentidos!) LOL!


Publicidade
Galo Galo (26/07/2013 17:33:00)   1150 2
Vixi! O negócio aqui tá tenso.


Melhor eu me mandar. ;-)


Livio Livio (01/09/2013 15:34:14)   66 0
é cara pior que tá mesmo eu também vou me mandar!


Pedro Jungbluth Pedro Jungbluth (26/07/2013 16:04:45)   317 -1
A magrelinha feinha com cara de tímida é que vai fazer a ninfo?
Sei...
Parece interessante, assim que eu me livrar do sono que deu ver essas cenas.


Super Sincero Super Sincero (30/08/2013 08:04:22)   -459 3
tsc...tsc...tsc.....

Nerd virgem detectado

sem avatar Dan (30/08/2013 10:54:31)   22 -2
VIRGEM DETECTADO.


Pedro Paulo Pedro Paulo (26/07/2013 15:14:06)   158 2
Pessoas, me respondam uma coisa, para que serve trailer e divulgação de imagens e sinopses se não para eu tirar conclusões antes de ver o filme?

Tem gente que na ânsia de ser o ursinho carinhoso mais fofinho acaba partindo para a argumentação pífia. Cansei dos haters de haters... =P

Em tempo, sobre o filme: me parece uma abrodagem interessante e com a marca bem direta do Lars Von Trier, o tema aos que se perguntam e acham desnecessário: a compulsão sexual de uma mulher ao longo da sua vida (eu sei que isso tá na sinopse, mas acho que tem gente que não sabe o que é ninfomania). Não sou fã de carteirinha do diretor mas esse realmente conseguiu me pegar pela curiosidade, assim como Dogville.


João João (01/08/2013 10:03:28)   358 0
Em matérias anteriores foi dito que a própria personagem se declara ninfomaníaca. Ou seja não parece ser diagnosticada oficialmente. Então parte do seu comentário não seria inválida?

João João (01/08/2013 15:22:09)   358 1
Ninfomania e o vício em sexo. Não se trata somente de compulsão sexual, mas sim de vício.

E vício pode trazer sofrimento, não vi até agora nenhuma menção ao sofrimento da personagem principal. Muito pelo contrário, até agora só imagens de prazer.

Veremos se o filme é mesmo vazio em um futuro próximo. Até lá cabem os debates e todas as atitudes antidemocráticas são suspeitas.

Tinha um debate meu com o @Otto Lindenbroder aqui neste fórum, mas o debate foi apagado. Alías todos os comentários do @Otto parecem ter sido apagados. Uma pena, gostaria de ter visto suas explicações sobre argumentos pífios.

Super Sincero Super Sincero (30/08/2013 08:06:16)   -459 -2
Uma mulher ninfomaníaca é o sonho de consumo de todos os homens.......

Pena que isso, na verdade, é igual a "cabeça de bacalhau"....."enterro de anão"......

Anderson OXS Anderson OXS (30/11/2013 18:37:14)   1 -1
Super Sincero, uma mulher ninfomaniaca é seu maior sonho? Ja conviveu com viciado? Quando vc for para o trabalho seu maior sonho vai ter que matar o vicio com alguem, como vc nao esta la, sera com outra pessoas.

Ninfomania é uma doença, estou curioso para saber se o filme ira tratar da doença ou só do imaginario coletivo que acha que é maravilhoso.


Shadow Play Shadow Play (26/07/2013 12:16:25)   389 0
Eu só vi um filme desse diretor.Não me lembro de ter visto outros.Foi o que ele fez com a Nicole Kidman como protagonista.
E achei bom.Boa história e boa direção.E ele fez mágica por que fazer um filme com aquela cenografia surreal já mostra que confiava no roteiro e no seu taco como diretor.

Mas me parece que a cada filme ele esta pegando mais pesado.
Pessoal que assistiu os outros filmes dele pode passar uma impressão melhor do que a minha.

Mas pelo que eu vi dele no Dogville, ele merece confiança.


Dan Dan (01/12/2013 04:49:14)   -40 0
Já eu só conheço " Anticrist " e achei um filme sensacional, por isso mesmo dou um certo crédito ao diretor, apesar do mesmo ter o péssimo hábito de criar polêmica só pra fazer mídia, como naquela ocasião em Cannes q ele se declarou pró-nazista!


Jéssica Jéssica (01/07/2013 00:47:55)   322 8
Rafael.
Não precisava ter pedido desculpa por seu comentário.
Aliás quem deveria pedir era o babaca do Chuck, porque deve ser o tipo de cara que nem viu o filme e tá criticando, alegando que se trata de uma história de uma "velha", queria ver se ele acharia "velha" uma mulher linda tipo: Monica Belucci, Demi Moore, etc. Em compensação deve pagar maior pau pro Charlie Sheen que é na VIDA REAL, um VELHO tarado metido com pornografia, kkkkkk.


sem avatar Chuck (02/07/2013 09:59:42)   33 -9
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Jéssica Jéssica (03/07/2013 19:15:20)   322 5
Chuck querido.
Não tomei dores de ninguém.
Só não acho que uma mulher de 50 anos seja velha e um homem de 60 seja "garotão", kkkkk.
Acho que vc precisa voltar pra escola pra saber interpretar melhor os outros, viu, kk.
Charlie Sheen rules?!!! Faça-me rir!
Seu seriado tem audiência baixa, a atriz principal foi demitida por um ataque de estrelismo dele e de quebra ninguém o respeita (com exceção dos Charlie's bitches como VOCÊ).
Pra esse velho DROGADO fazer o Batman teriam que transformar o super-herói em um velhão drogado tarado e perdedor, kkkkkkk.
Só me diga uma coisa, a erva que vc fumou era bem forte né? kkkkk.

Jéssica Jéssica (03/07/2013 19:55:17)   322 6
Ps: Chuck, minha mãe tem 50 anos e é muito linda!!!! Ela com certeza acharia que vc não é "chegado na fruta", kkkkkk.


sem avatar Pedro Ivo (29/06/2013 22:00:26)   247 0
Lendo a sinopse do filme, me lembrou um pouco o livro Luxúria do João Ubaldo Ribeiro, em que uma idosa conta sua vida sexual desde quando era bem jovem.



nilton nilton (28/06/2013 16:43:26)   -1923 -11
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


Professor X Professor X (28/06/2013 14:52:28)   2431 -8
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

sem avatar taito (26/07/2013 17:12:56)   89 1
taí cara! nao sei porque te negativaram....


sem avatar caike (30/11/2013 11:19:04)   1 1
e quem disse que é um filme porno? só por se tratar de sexo?


Willie Willie (28/06/2013 11:52:33)   810 5
A pretensão do Von Trier é muito divertida! Gosto muito dos seus filmes. Todo mundo leva o cara tão a sério, ficam putos, indignados, etc. E ele tá só curtindo com a cara de geral! hauhahua


sem avatar taito (26/07/2013 17:20:19)   89 -2
engano seu...
Eu acho, que ele finge não se importar, mas no fundo, faz procurando aceitação.

Assisti alguns filmes dele, e não fiquei impressionado, talvez veja cinema de uma maneira diferente dos outros...
melancholia por exemplo, achei uma bosta!
e um monte de criticos "ohhhh, melancholia! melancholia! ..." e um bando de gente na onda ecoando:"ohhhh melancholia! melancholia!"...




sem avatar Dimitri (27/06/2013 15:28:45)   -63 -10
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


Publicidade
Raphael Raphael (27/06/2013 13:39:41)   99 -2
Prefiro Emmanuelle.

Tanta onda por um filme desses...melhor xvideos mesmo.


Super Sincero Super Sincero (30/08/2013 08:08:06)   -459 -2
kkkkkkkkkkkkkk


Marcos Bandini Marcos Bandini (27/06/2013 12:00:24)   44 0
Me lembrou aquela história da Janis Joplin em uma viagem de trem ter ficado frustrada por ter transado "apenas" com 65 homens dos 365 que estavam a bordo.



sem avatar Leonardo (27/06/2013 11:16:11)   3 -3
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.


IgorLiraVox IgorLiraVox (27/06/2013 10:35:15)   1860 -1
Dois filmes???

Haja sacanagem......



André Filipe André Filipe (27/06/2013 10:59:05)   1119 -1
kkkkkkkkkkkk


André Filipe André Filipe (27/06/2013 10:09:11)   1119 0
´´Como uma embalagem de doces de chocolate se torna um símbolo de vitória sexual? Quando Joe e sua amiga experiente, B, embarcam em uma viagem de trem, elas apostam quantos homens seduzirão no trajeto. O grande prêmio é uma deliciosa embalagem de doces de chocolate e se torna claro que Joe está disposta a vencer. Como um pescador experiente, ela precisa atrair a presa ao anzol".

n entendo pq tanta polemica tem esse filme,e tbm n entendo o que tem de inovador esse filme.

é uma versão pornografica contando a historia de uma mulher??? pq se for,n tem nd de inovador e ambicioso nisso!!


sem avatar Chuck (27/06/2013 16:14:22)   33 -3
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Rafael Rafael (27/06/2013 19:52:17)   0 -5
Comentário mal avaliado pelos leitores. Clique para ler.

Jéssica Jéssica (28/06/2013 10:37:41)   322 -2
Chuck.
Este filme não é o tipo que curto de ver.
Nem faço questão de gastar meu dinheiro pra ir ao cinema ver este tipo de filme, em vista que só vou ao cinema pra ver filmes de super-heróis. O único filme do Von Trier que gostei foi o pungente Dogville.
Mas, é meio hipócrita da tua parte reclamar que é um "filme pornô de uma velha" em vista que vários filmes pornôs dramáticos sobre VELHOS tarados foram feitos e não vejo ninguém reclamando.
Machismo e hipocrisia, a gente vê por aqui, kkkkkkk.

Jéssica Jéssica (28/06/2013 10:38:46)   322 3
ps: Rafael querido, Bruna Surfistinha nem se enquadra como filme.
Puro lixo orçado em milhões de reais, kkkkk.

Rafael Rafael (28/06/2013 23:46:32)   0 0
Galera, o esta gerando discussões desnecessárias, seria mas fácil aguardar e conferir o resultado.. e aproveitando eu peço desculpas pelo meu comentário, Jéssica vc esta certa, abraço.



Omeletop : cinema

Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.