Homem de Ferro - Galeria de vilões

Conheça Mandarim, Justin Hammer, Obadiah Stane, Home de Titânio, Dínamo Escarlate e Fin Fang Foom

Rodrigo Monteiro
22 de Abril de 2008

Mandarim
Mandarim
Justin Hammer
Justin Hammer
Obadiah Stane
Obadiah Stane
Homem de Titânio
Homem de Titânio
Dínamo Escarlate
Dínamo Escarlate
Fin Fang Foom
Fin Fang Foom
Monge de Ferro
O Monge de Ferro (Obadiah Stane) no filme

É certo que o valor de um herói se mede pelos vilões com os quais ele se defronta. Geralmente, o vilão leva algum tipo de vantagem - é mais forte fisicamente, mais poderoso, mais inteligente ou tem alguma arma secreta a ser usada contra o herói - e o fato do herói conseguir superá-la é o que mostra seu valor. Isso também faz com que o vilão apele sempre para esquemas ainda mais ousados - ou loucos - do que os usados anteriormente o que, eventualmente, conquista a simpatia dos fãs. Exemplos pra isso não faltam. Todos nós adoramos odiar o Coringa ou o Duende Verde, por exemplo.

No entanto, heróis muito poderosos demandam vilões ainda mais poderosos do que eles. Aí chega um ponto em que a coisa fica inviável e as coisas chegam no limite do absurdo. Ou isso ou o herói em questão deu o azar de encontrar, ao longo de sua história, roteiristas e criadores que não sabiam bem trabalhar com seu nível de poder nem criar vilões à sua altura. Um herói que sofre desse problema é o Super-Homem. Falando sério, fora o Lex Luthor, há décadas não se cria um vilão sequer realmente à altura do azulão. O Apocalypse não conta, ele é parte de um golpe de marketing que visava fazer o Super voltar à mídia não especializada - e que deu certo por um tempo.

Outro herói que sofre dessa falta de vilões decentes é o Homem de Ferro. Nada contra o Latinha mas ao perceber que a maioria de seus antagonistas é formada por empresários inescrupulosos - tão parecidos com pessoas de verdade que nem tem graça - comunistas em armaduras e mesmo um dragão alienígena que usa uma cueca roxa dá até pra entender porque um herói tão legal quanto ele não tem um apelo maior entre os fãs. Dá só uma olhada nos perfis de alguns deles e vejam só se não tenho (pelo menos um pouco de) razão.

MANDARIM (& TEMUGIN)

Primeira aparição: Tales of Suspense 50 (Mandarim) e Iron Man (Vol. 3) 53 (Temugin)

O Mandarim é o filho de um dos homens mais ricos da antiga China, que dizia ser um descendente direto de Gengis Khan, e uma nobre inglesa. Ele se tornou órfão logo e foi criado por uma tia. Ainda criança, ele mostrou uma grande aptitude para a ciência e usou sua fortuna para os estudos, tanto na China quanto fora. Já adulto, se tornou um alto oficial de governo, um Mandarim, e passou a ser conhecido por todo o país.

No entanto, quando a revolução comunista explodiu na China, ele foi espoliado tanto de sua posição quanto de suas riquezas. Ambicioso, ele decidiu explorar o "Vale dos Espíritos", no intuito de descobrir por lá algo que o fizesse retomar tudo o que lhe fora tirado. Acabou encontrando o esqueleto e a nave de Axonn-Karr, um dragão inteligente oriundo do planeta Maklu IV (ou Kakaranathara. Maklu IV é mais fácil) que viera à Terra séculos antes. Durante os anos seguintes, o Mandarim estudou e dominou a ciência makluniana além de encontrar os 10 anéis de poder que o fariam famoso. Tornando-se cada vez mais poderoso, o Mandarim resolveu que só havia uma meta grande o suficiente para ele: a conquista mundial (o que prova que ele não é tão inteligente quanto se pensa).

Sempre confiando em suas habilidades, o Mandarim usou seus conhecimentos tecnológicas para o planejamento de seus esquemas de dominação. Em um dos primeiros, ele tentou sabotar e roubar mísseis norte-americanos construídos por Tony Stark. Em represália, Tony mandou o Homem de Ferro à China e os dois tiveram o primeiro de muitos embates. Logo os dois se tornariam inimigos juramentados.

Ao longo dos anos o Mandarim usou dos mais diversos esquemas tanto para seus planos de conquista mundial quanto para a eliminação total to Homem de Ferro. O vilão chegou a tentar usar tanto o Hulk quanto os Inumanos contra o herói, sem sucesso. As batalhas entre os dois, mesmo que esparsas, são sempre ferozes e na grande maioria das vezes têm um resultado pouco satisfatório para ambos os lados. O Mandarim não consegue derrotar definitivamente o Homem de Ferro e o vingador dourado nunca consegue entregar o vilão à justiça.

Apesar de ser um vilão quase que exclusivamente da galeria dos inimigos do Homem de Ferro, o Mandarim já teve embates com os Vingadores e os X-Men. Durante a saga "Atos de Vingança", a mutante Psylocke atravessou um portal que a transformou de telepata inglesa à ninja nissei. Explicamos: a moça foi parar na China, onde deu de cara com a assassina Kwannon, na época a serviço da organização criminosa conhecida como "A Mão", fundada pelo Mandarim. Desmemoriada, Psylocke foi treinada pelo Mandarim e eventualmente enviada para eliminar seus antigos colegas. Betsy, no entanto, foi derrotada por Wolverine e cia. e logo recuperou a memória.

Um tempo depois, como era de se esperar, ele voltou suas atenções novamente para o Homem de Ferro. Em um de seus últimos encontros, o Mandarim descobriu o Coração das Trevas, um artefato de energia mística que ele usou para voltar o tempo na China. O Homem de Ferro, aliado ao Máquina de Combate e outros heroís, conseguiu derrotá-lo, mas não antes do vilão descobrir a identidade secreta do Latinha. (NOTA: tudo isso se passa bem antes de Guerra Civil, a Lei do Registro, a revelação da identidade pública de Stark e sua promoção a chefe da S.H.I.E.L.D.). Nisso, o Homem de Ferro infectou o Mandarim com um vírus tecno-orgânico, o que fez com que o Coração das Trevas o rejeitasse e implodisse, junto com o vilão. Apesar de aparentemente morto, o Mandarim na verdade fora transformado em um zelador, trabalhando em uma unidade da Stark Enterprises em Hong Kong.

Desnecessário dizer que ele eventualmente recuperou as memórias e logo iniciou uma série de ataques contra o Homem de Ferro. A última batalha que tiveram, ocorrida da fortaleza voadora do vilão, o Mandarim encenou sua própria morte. Ou seja, logo ele volta.

Já o Temugin é o filho do Mandarim. Criado em um monastério, onde treinou diversas formas de artes marciais e mentais, um dia ele recebeu um pacote contendo as mãos do pai com seus 10 anéis de poder. Ele decidiu que deveria assumir o legado do pai e logo entrou em conflito com o Homem de Ferro, sem usar os anéis, pois acreditava que eles lhe dariam uma vantagem injusta.

Justin Hammer 

Primeira aparição: Iron Man 120

Justin Hammer é um empresário inescrupuloso que se tornou um dos líderes mundiais na fabricação de armas desde que a Stark Internacional se afastou desse ramo, antes da empresa ser adquirida por Obadiah Stane e se tornar a Stane Internacional.

Antes de se tornar um grande fornecedor de armas, ele e Tony Stark travaram uma disputa para ver qual deles conseguiria a concessão para a construção de uma usina elétrica no fictício país da Carnélia. Na época, Hammer já sabia que o Homem de Ferro era uma parte essencial da propaganda da Stark e ordenou que seus engenheiros construíssem um aparato que lhe desse alguma vantagem. Como resultado, ele conseguiu tomar o controle dos raios repulsores da armadura e isso permitiu que ele manipulasse o Homem de Ferro temporariamente. Hammer ativou os raios repulsores do vingador quando o herói escoltava o embaixador da Carnélia na ONU, matando-o instantaneamente.

Tony Stark descobriu que Hammer estava por trás daquilo e acabou encontrando-o na costa do mar Mediterrâneo. Capturado, Tony veio a saber de diversas operações ilegais de Hammer, inclusive o fato do vilão armar diversos criminosos tecnológicos em troca de uma porcentagem sobre suas ações. Stark acaba escapando, destruindo o aparelho que controlava sua armadura e confrontanto alguns mercenários a serviço de Hammer, derrotando-os. Apesar de conseguir limpar o nome do Homem de Ferro, ele não conseguiu levar Hammer à justiça por falta de provas.

Atuando nas sombras, Hammer continua na ativa. Apesar de parecer um respeitável empresário perante a opinião pública, ele continua a fornecer tecnologia a criminosos. Dentre seus principais clientes estão alguns inimigos do Homem de Ferro, como o Chicote Negro, Nevasca e Espião-Mestre.

Obadiah Stane

Primeira aparição: Iron Man 200

Obadiah Stane é filho de um beberrão imprestável que se matou "acidentalmente" jogando roleta russa na sua frente, o que logicamente o deixou traumatizado. Tanto que, aos 8 anos, o jovem Obadiah já era completamente careca e percebera que o mundo era um jogo. Um jogo que ele, ao contrário do pai, estava determinado a vencer, por quaisquer meios necessários.

Desde a infância, Stane percebeu que a melhor maneira de vencer seus oponentes, mesmo aqueles intecetual e fisicamente superiores, era descobrir suas fraquezas e usá-las contra eles. Chantagem e assassinato se tornariam suas maiores armas para vencer aqueles que ele considerava seus oponentes. Aliás, foi através de chantagem que Stane tomou controle da primeira empresa na qual trabalhou, se tornando um milionário aos 25 anos. A princípio, ele fabricava munições, vendendo-as para qualquer cliente que lhe oferecesse um bom preço. A maioria de seus clientes se constituía de ditadores do terceiro mundo. O capital gerado pelas vendas fez com que sua empresa logo se tornasse uma multinacional.

Já com um renome internacional na indústria de armas, ele tentou formar uma organização com empresários do setor, especialmente aqueles localizados na Europa e no Oriente. A proposta de Stane seria usar o poder de fogo de todos eles para combater leis antitruste e até mesmo usurpar o poder dos chefes de estados de algumas nações. Anthony Stark estava nessa reunião e conseguiu atrapalhar os planos de Stane. Começaria aí a grande rivalidade dos dois homens.

Logo de cara, Stane descobriu que Stark era um alcoólatra em fase de recuperação e usou isso contra ele. Primeiro, contratou uma série de espiões industriais para atuar dentro da Stark Internacional, dentre eles uma mulher cujo objetivo era seduzir Stark. Além disso, ele e seus aliados conseguiram tomar da Stark diversos contratos de fornecimento de armas e os seguranças de Stane - os Chessmen, um bando de mercenários equipados com armaduras tecnológicas - realizaram diversos ataques contra os aliados de Stark. Quando a mulher contratada por Stane rejeitou a afeição de Tony - como planejado desde o começo - ele voltou a beber como antes, o que foi o primeiro passo para que Stane conseguisse o controle operacional da Stark Internacional, agora Stane Internacional.

Eventualmente, Stark se recuperou, abriu uma nova firma - que viria se tornar a Stark Enterprises - e, como era de se esperar, foi atacado por Stane diversas vezes. Em uma das últimas, Stark reagiu e invadiu a Stane como Homem de Ferro. Naquela altura Stane já sabia que Tony era o Homem de Ferro e se preparou para recebê-lo, usando a armadura do Monge de Ferro. O confronto terminou com a vitória do Vingador Dourado. Derrotado, Stane apontou um repulsor para a própria cabeça, aparentemente cometendo suicídio.

A rivalidade entre os dois, no entanto, está longe de terminar, haja visto o fato dele ter deixado um herdeiro, que logo acabará assumindo o legado do pai.

Homem de Titânio

Primeira aparição: Tales of Suspense 69

O principal Homem de Titânio é Boris Bullski. Depois de uma rápida ascenção no governo comunista da URSS - período no qual ele chegou a trabalhar com Natasha Romanoff, a Viúva Negra -, ele foi designado para trabalhar na Sibéria. Lá, descobriu que muitos dos membros do acampamento onde estava haviam trabalhado com Anton Vanko, o primeiro Dínamo Escarlate. Bóris cismou de criar uma armadura com a qual pudesse derrotar o Homem de Ferro e provar a superioridade tecnológica da URSS.

Uma armadura grande e desajeitada de titânio foi então concebida. Pelo fato de ser grande e desajeitada ela nunca foi um desafio muito grande e Bóris foi várias vezes derrotado pelo Vingador Dourado. Depois de apanhar tanto, Bóris se tornou persona non grata na União Soviética e foi banido para o Vietnã. Lá, realizou experimentos científicos para se tornar mais poderoso e se aliou a Alex Nevsky (o terceiro Dínamo Escarlate) e ao Homem Radioativo, formando os "Três Titânicos".

Eventualmente, Bóris entrou em contato com um cientista chamado Sergei, que conseguiu aperfeiçoar sua armadura sob chantagem de ter sua família morta caso não colaborasse. O problema é que a família dele já havia sido morta e, quando ele descobriu isso, conseguiu prender Bóris em uma armadilha, aparentemente para sempre.

Eventualmente, Dimitri Bukharin (o quinto Dínamo Escarlate) conseguiu resgatar Bóris, mas o período na prisão concebida por Sergei afetou o corpo e a mente de Bóris, que acabou atacando seu salvador. Depois de tudo resolvido, Bóris chegou mesmo a se envolver com Thanos e lutar ao lado de Nick Fury e Capitão América contra o Agente Laranja.

Quando a União Soviética se desfez, Bóris passou a detestar a idéia de seu país se abrir cada vez mais aos valores ocidentais. A gota d'água foi a abertura de uma unidade da Stark Enterprises em Moscou. Ele atacou o lugar, sendo derrotado pelo Homem de Ferro e a Viúva Negra. O governo russo mandou que Valentin Shatalov (o sexto Dínamo Escarlate), capturasse o Homem de Titânio na ocasião, a quaisquer custos. Ele fracassou e teve sua perna quebrada por Bóris, se tornando incapaz de continuar sua missão. Aí Tony Stark resolveu assumir a armadura do Dínamo, que era controlada remotamente por Shatalov. Ele e o Homem de Titânio entraram em conflito em uma fábrica de foguetes abandonada e Shatalov usou uma arma letal, aparentemente culminando na morte de Bullski. Como o uso de força letal não era autorizado, Shatalov perdeu seu posto.

Pouco depois, Bóris apareceu vivo e lépido, atacando um satélite da Stark, entrando nele secretamente e adotando o nome de Andy Stockwell, um agente de segurança. Depois disso ele se tornou um mercenário e chegou mesmo a trabalhar para Tony Stark.

Dínamo Escarlate

Primeira aparição: Tales of Suspense 46

Como já foi visto nos parágrafos acima, diversos homens assumiram a identidade do Dínamo Escarlate, totalizando onze pessoas diferentes. É um time de futebol inteiro de comunistas em armadura.

O primeiro Dínamo foi Anton Vanko, o criador da armadura. Vanko era um armênio PHD em eletricidade, que construiu a armadura original do Dínamo, que lhe permitia realizar verdadeiros milagres eletrônicos, inclusive voar. Como todo cientista louco que se preze, ele era vaidoso e convencido e cismou que deveria derrotar o Homem de Ferro para provar sua superioridade tecnológica. O tiro saiu pela culatra e Vanko acabou sendo enganado pelo Latinha, que colocou na cabeça de Vanko que seu governo queria assassiná-lo. Assim, Vanko migrou para os EUA e se tornou um dos cientistas chefes da Stark Internacional. Eventualmente a KGB mandou mesmo agentes para assassiná-lo. A Viúva Negra e Boris Turgenev confrontaram Anton e o Homem de Ferro e o cientista soviético acabou morrendo no processo.

Para executar sua missão, Turgenev se apossou da armadura do Dínamo e deu uma bela canseira no Homem de Ferro. No entanto, ao tentar se salvar de seu algoz, o professor Vanko disparou um raio experimental que matou tanto a si mesmo quanto à Turgenev. Mesmo assim, Turgenev é considerado o segundo Dínamo Escarlate.

O terceiro homem a usar a armadura do Dínamo foi Alex Nevsky. Pupilo de Anton Vanko, sua promissora carreira de jovem cientista foi bastante comprometida quando seu mentor fugiu para os EUA. Considerado um traidor, Alex foi banido do país, migrando então para os EUA sob o nome de Alex Niven. Seu destino o levou a trabalhar nas Indústrias Cord, uma concorrente da Stark. Lá, ele aprimorou a armadura do Dínamo e atacou o Homem de Ferro diversas vezes, sem sucesso.

Depois de aparecer com a armadura do Dínamo em público, ele chamou a atenção dos generais soviéticos, que enviaram o Homem de Titânio atrás dele. O vilão assassinou a namorada de Alex, Janice Cord, e Niven colocou a culpa do ocorrido no Homem de Ferro, que não tinha nada a ver com a história. Ele eventualmente fugiu para o Vietnã, onde se aliou ao Homem de Titânio e o Homem Radioativo, formando o grupo de supervilões Três Titânicos. Depois disso, ele tentou assassinar o Homem de Ferro mais algumas vezes e acabou sendo morto pela KGB.

Yuri Petrovich foi o quarto Dínamo. Depois de ser treinado como um assassino pela KGB, ele recebeu a missão de assassinar a Viúva Negra. Ao lado de diversos super-seres soviéticos, como a Estrela Negra e o Homem de Titânio, ele enfrentou os Campeões - e foi derrotado. Logo ele descobriu que todo o ódio que sentia pelo ocidente havia sido resultado de uma lavagem cerebral orquestrada pela KGB, que havia assassinado sua mãe. Ele enlouqueceu e foi necessária a intervenção da Estrela Negra e dos Campeões para derrotá-lo. Julgado na Rússia, ele foi exilado em um campo de trabalhos forçados na Sibéria.

Seu sucessor foi Dmitri Bukharin, um membro dos Super-Soldados Soviéticos, grupo que havia sido traído pelo governo soviético. Dmitri também era agente da KGB e foi expulso do grupo quando os demais membros descobriram isso. Ao sair do grupo, ele fez parte dos Sovietes Supremos (nada a ver com o grupo de mesmo nome da DC), um grupo leal ao governo. Quando a URSS caiu, o grupo passou a se chamar Protetorado do Povo. O governo russo, no entanto, confiscou a armadura do Dínamo. Dmitri conseguiu outra e passou a adotar o nome de Airstrike.

Valentin Shatalov foi o sexto. Ele usou de seus contatos para obter a armadura de Dmitri e cumpriu algumas missões para seu governo - o que incluiu a malfadada tentativa de capturar o Homem de Titânio - antes de ser removido de suas funções e entregar a armadura.

Seu herdeiro era um sujeito desajeitado e desconhecido, que enfrentou uma vez Nick Fury e Capitão América, sendo derrotado por ambos. O oitavo Dínamo foi Gennady Gavrilov, um adolescente russo que encontrou a armadura original projetada por Anton Vankon e a usou algumas vezes antes de abandonar a identidade do Dínamo. Esse Dínamo nunca confrontou o Homem de Ferro.

O nono Dínamo Escarlate apareceu pela primeira vez na minissérie Guerra Secreta (a moderna, escrita pro Brian Bendis, não a clássica). Pouco se sabe dele, exceto que sua armadura foi aperfeiçoada pelo Pensador. Junto a diversos vilões tecnológicos, ele enfrentou os Vingadores e o Quarteto Fantástico e acabou bastante ferido no final. Ele eventualmente enfrentou e foi derrotado pelo Homem de Ferro.

O décimo Dínamo era parte de um supergrupo soviético e ficou em animação suspensa por diversos anos. Ao fim da Guerra Fria, a fortaleza onde ele e seus demais companheiros estavam foi abandonada depois que eles acordaram. Um confronto entre os grupos A Ordem e o Homem Infernal (nem pergunta) fez com que esse Dínamo acabasse destruído.

Finalmente, o décimo primeiro Dínamo fez sua primeira aparição agora em 2008. Quando Homem de Ferro, Doc Samson e a Mulher-Hulk foram até a Russia investigar o aparente assassinato de Emil Blonsky, o Abominável, eles foram confrontados pela Guarda Invernal (Winter Guard no original), da qual este Dínamo faz parte. Na história fica claro que esta versão do personagem nunca havia confrontado o Latinha antes.

Fin Fang Foom

Primeira aparição: Strange Tales 89

Embora antigamente se acreditasse que Fin Fang Foom fosse um nativo do vale do dragão adormecido na China, ele é um alienígena que veio do planeta Kakaranathara (ou Maklu IV, que é bem mais fácil) no sistema Maklu, que se localiza na grande Nuvem Magelânica. Foom e vários outros membros de sua raça originalmente abandonaram seu pacífico planeta no intuito de conquistar outros. Os dragões alienígenas pousaram na antiga China, e usaram seu poder de transmutação para imitar a forma humana, na inteção de se inserir e estudar nossa espécie antes de iniciar sua conquista. Foom entretanto estava preso em um túmulo, e adormecido graças a uma erva que lhe colocava em estado catatônico.

Fin Fang Foom é brevemente despertado no século 8, e volta a dormir com uma segunda aplicação da erva. Foom dorme então até a era moderna, quando é deliberadamente despertado pelo adolescente Chan Liuchow, cuja terra natal está sob ameaça do Partido Comunista da China. Liuchow convence Foom com a ameaça da erva, e conduz o dragão diretamente para o acampamento comunista, que é dizimado pelo Dragão. Após isso, Liuchow o leva de volta para sua tumba, onde a erva o faz retornar ao seu sono. Eventualmente, o adormecido Fin Fang Foom é capturado pelo Colecionador, e aprisionado em seu acervo subterrâneo de monstros. Quando o Toupeira ataca o local, Foom e os outros monstros escapam, mas acabam sendo capturados pelo Quarteto Fantástico e confinados na ilha monstro. Foom, no entanto, foge de volta pra China e à sua hibernação. Vai gostar de dormir assim lá na China! :-)

Um longo tempo depois, a nave dos makluanos é encontrada pelo Mandarim. Anos mais tarde o Mandarin é levado ao Vale do Dragão e acorda Fin Fang Foom, usando o dragão para ameaçar o governo chinês. Foom aceita e convoca seus irmãos makulanos para ajudá-lo. Quando o Mandarim vê que as coisas estão saindo de seu controle, ele se alia ao Homem de Ferro e juntos detêm os dragões.

De lá pra cá, Foom e o Homem de Ferro tiveram vários encontros [a última delas escrita pelo diretor do filme do Homem de Ferro, Jon Favreau, chamada "Viva Las Vegas"], com o Vingador Dourado sempre levando a melhor e Fing Fan Foom voltando à China pra dormir mais uns anos.

Leia mais no Especial Homem de Ferro



Comentários (3)

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar.
Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

sem avatar Victor (01/05/2013 21:53:51)   1 0
eu tinha uma revista há muito tempo q dizia ser o ultimo combate entre o mandarim e o homem de ferro, q termina com o chinês deitado numa cama dentro de uma cabana, adormecido, e uma senhora comentando para outra imaginando o que teria feito tal homem para "ter cotos sangrentos no lugar de mãos".

e a luta tinha sido numas montanhas na china, com a presença dos dragões dessa raça alienígena, antigos detentores dos anéis q ele usa, terminando com o mandarim sendo contido pelo tony, e usando 100% do poder dos aneis e tal. explosão, tony e o maquina de combate indo embora, e aquela cena q descrevi ali em cima.

é tanto crossover e saga q refaz as coisas, muda tudo, q eu nao duvido q isso não valha mais. alguem me corrija por favor



sem avatar Pérsio (28/04/2013 13:03:02)   4 0
Ótimo resumo!!



jonathan jonathan (14/03/2013 19:30:08)   1173 0
Muito legal.




Cinema

Os filmes em cartaz, a programação das salas de cinema, bilheterias, trailers, criticas de filmes, cartazes, entrevistas com astros e as novidades de Hollywood.

Séries e TV

As séries de televisão dos EUA, minisséries, os destaques da TV e as novidades na programação.

Música

Os shows que vem por aí no Brasil, os lançamentos musicais, novos álbuns e música grátis para download.

Games

Os novos games, críticas de jogos, trailers, imagens e mais novidades do mundo dos videogames.

Quadrinhos

As novidades das histórias em quadrinhos no Brasil e no mundo, previews de HQs e críticas de lançamentos nas bancas e livrarias.