Aaron Taylor-Johnson
Personalidades

Aaron Taylor-Johnson

  • Nascimento: 13 de Junho de 1990 (High Wycombe, Inglaterra, Reino Unido)
  • Idade: 27
  • Atividades: Ator

Aaron Taylor-Johnson (nascido em High Wycombe, Buckinghamshire, Inglaterra, em 13 de junho de 1990) é um ator inglês.

Atuando nos palcos desde os seis anos, Taylor-Johnson possui uma carreira prolífica, com seu primeiro papel surgindo no longa produzido para a TV, San Giovanni - L'apocalisse, 2000; ainda usando seu primeiro nome artístico, Aaron Johnson, alterado após seu casamento, em 2012, com a artista e diretora Sam Taylor-Wood, que também alterou seu sobrenome, posteriormente.

Seu próximo trabalho, acontece no ano seguinte, quando participa de um episódio da série Armadillo, 2001; seguindo para suas primeiras produções para o cinema: Tom & Thomas, 2002; com Sean Bean, Bater ou Correr em Londres (Shanghai Knights, 2003), com Jackie Chan e Owen Wilson, retornando para a TV com o filme Behind Closed Doors, 2003; um episódio da série The Bill, 1984-2010; Family Business, 2004-; e sua primeira sequência consistente de participações em Feather Boy, 2004-.

Consegue algum destaque com seus personagens em Dead Cool, 2004; e O Senhor dos Ladrões (The Thief Lord, 2006), segue para O Ilusionista (The Illusionist, 2006), com Edward Norton, Jessica Biel e Paul Giamatti, retornando para mais duas produções televisivas, The Best Man, 2006; e Casualty, 1986-. No ano seguinte, continua com um bom ritmo de trabalho compondo o elenco de produções como Coming Up, 2003-; e The Magic Door, 2007; mais um filme para a TV, Sherlock Holmes and the Baker Street Irregulars, 2007; culminando com duas boas sequências de trabalho nas séries Talk To Me, 2007-; e Nearly Famous, 2007.

No ano seguinte, sua carreira começa a tomar um novo rumo quando participa dos longas-metragens Dummy, 2008; Gatos, Fios Dentais e Amassos (Angus, Thongs and Perfect Snogging, 2008), Em Busca de Uma Nova Chance (The Greatest, 2009), com Carey Mulligan e Pierce Brosnan, chegando ao seu papel de maior destaque, até o momento, John Lennon no longa O Garoto de Liverpool (Nowhere Boy, 2009), dirigido por sua futura esposa, Sam Taylor-Johnson. A caminho da segunda década dos anos 2000 Aaron encerra uma sequência de participações na série produzida pelo Animal Planet, I Shouldn't Be Alive, 2005; ganha evidência no mercado norte-americano ao viver o personagem principal na adaptação dos quadrinhos Kick-Ass: Quebrando Tudo (Kick-Ass, 2010), dirigido por Matthew Vaughn, com Nicolas Cage e Chloë Grace Moretz, e segue para mais algumas produções inglesas como Chat: A Sala Negra (Chatroom, 2010), com Imogen Poots, o drama indicado a três Oscar, Albert Nobbs (Albert Nobbs, 2011), com Glenn Close, Mia Wasikowska, conquista ainda mais evidência no mercado ao participar da produção dirigida por Oliver Stone, Selvagens (Savages, 2012), com John Travolta e Demian Bichir, seguindo para o drama Anna Karenina (Anna Karenina, 2012), com Keira Knightley e Jude Law.

Em 2013, retorna para a sequência Kick-Ass 2 (Kick-Ass 2, 2013), mais uma vez com Chloë Grace Moretz, e inicia a sua sequência de participações no Universo Marvel, ao realizar uma aparição não creditada em Capitão América 2: O Soldado Invernal (Captain America: The Winter Soldier, 2014), com Chris Evans, Samuel L. Jackson e Scarlett Johansson, seguindo para Godzilla (Godzilla, 2014), com Elizabeth Olsen e Bryan Cranston, até estrear, de forma definitiva, como parte de uma história dos Estúdios Marvel em Vingadores: Era de Ultron (Avengers: Age of Ultron, 2015), dirigido por Joss Whedon, com Robert Downey Jr., Mark Ruffalo, Chris Hemsworth e Tom Hiddleston.

 

Curiosidades

Aaron entrou para o elenco de Albert Nobbs substituindo Orlando Bloom, que deixou o projeto devido a gravidez de sua esposa.

Aaron teve seu primeiro filho com 20 anos.